Chineses discutem investimentos em Mato Grosso com produtores e prefeitos

A reunião foi realizada no Palácio Paiaguás como resultado da visita do governador Pedro Taques feita recentemente ao país, para estreitar os laços comerciais e discutir novas propostas de negócios no Mato Grosso Investment Fórum.

28/11/2017 - 19:03:11

   

Uma comitiva de investidores e representantes do governo chinês se reuniu nesta terça-feira (28.11), com prefeitos e produtores de grãos e de gado para conhecer as potencialidades e estudar a possibilidade de investir no setor do agronegócio em Mato Grosso. A reunião foi realizada no Palácio Paiaguás como resultado da visita do governador Pedro Taques feita recentemente ao país, para estreitar os laços comerciais e discutir novas propostas de negócios no Mato Grosso Investment Fórum.

“A presidência de Shanxi está aqui como intermediadora. É um estado agricultor que abriga as principais empresas chinesas e vai apresentar nossos projetos para que essas empresas possam investir. É um importante resultado do trabalho que nossa delegação fez na China, no início do mês, em que o governador Pedro Taques coordenou esse trabalho de divulgação do nosso Estado”, destacou o presidente do Desenvolve MT, Mário Milton Ferreira.

Durante a reunião, a comitiva de chineses sinalizou interesse em contribuir na aquisição de mais silos para a estocagem de grãos, já que durante a viagem, o governador fez visitas técnicas que resultaram na sinalização de investimento de R$ 1,5 billhão na construção de 30 silos de armazenamento de grãos em Mato Grosso.

A obra será feita pela empresa brasileira Fumagalli, que também acompanhou a comitiva de Mato Grosso na missão oficial à China. O grupo está em negociação com os investidores chineses por meio da consultoria B&F Group. A empresa Cofco Alimentos também anunciou que irá expandir seus negócios em Mato Grosso. A expectativa é dobrar a compra de soja do Estado no prazo de cinco anos. 

De acordo com vice-diretor da província agricultora de Shanxi, Zhao Zhijie, esta região da China conta com 36 milhões de habitantes e é considerada a primeira na produção de cereais e grãos como milho, cevada, trigo, arroz e feijão, sendo este um cenário muito similar ao encontrado em Mato Grosso.

“Muito bom vir e ouvir o que Mato Grosso precisa e oferece de produção, indústria e podermos falar do ambiente que precisamos também para investir. Vamos levar agora às nossas empresas e com certeza encontraremos investidores interessados. Gostaria de convidar o governador, os prefeitos e empresários para visitar nossa Shanxi, pois serão recebidos com calor e amizade”, afirmou.

Os prefeitos e os produtores pontuaram os principais desafios do setor e a expectativa de melhorias na questão de logística, armazém de grãos e nos modais de transporte.

“Passamos a admirá-los [os chineses] ainda mais pelas oportunidades que estão surgindo. Isso representa um atestado da nossa capacidade em produzir com sustentabilidade ambiental”, frisou o gestor do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária de MT (IMEA), Daniel Latorraca.

Para o prefeito de Alto Taquari, Fabio Garbugio, este é um momento único para que os municípios mostrem o que há de melhor em suas produções e que possam crescer economicamente.

“O crescimento envolve não somente o município, mas também todo o Estado. Queremos agradecer o governador por essa integração. Não temos atualmente uma infraestrutura suficiente para armazenar os grãos e precisamos de parceiros sérios para investir”.

MT Agora - Gcom-MT

Mais Noticias

Rally da Safra 2018

​ Equipe do Rally da Safra 2018 visita empresa produtora sementes da região sul de Mato Grosso

Soja

Pesquisadores alertam para nematoides nas lavouras de soja em MT

Etanol de milho

FS Bionergia vai duplicar a usina de Lucas do Rio Verde

Colheitadeiras

Quase mil colheitadeiras de grãos foram comercializadas em 2017 em MT

13/12/2017 -

Produção amplia e MT deve produzir 66,3% do algodão colhido no país em 2018, diz IBGE

rgão prevê aumento de 4,5% na produção do algodão em caroço (herbáceo) para a próxima safra. Em 2018, MT deve produzir 2,7 milhões de toneladas do produto.

11/12/2017 -

Indea participa do Mutirão Fiscal do Governo do Estado

Durante os 10 dias do Mutirão, os contribuintes poderão renegociar, por meio do REFIS, os seus débitos tributários, como ICMS e IPVA, por exemplo, inscritos ou não na dívida ativa

08/12/2017 -

Restauro em áreas degradadas é iniciado em propriedades de Sorriso

Outras cidades da região Norte também estão na lista

08/12/2017 -

Comitiva do Japão vem a Sorriso para conhecer potencialidades do agronegócio

Capital Nacional do Agronegócio tem chamado a atenção do mundo

08/12/2017 -

Lucas: Prefeitura entrega 10 pasteurizadores lentos à agricultores familiares

Os equipamentos foram repassados à produtores cadastrados no Selo de Origem Municipal

01/12/2017 -

94 mil hectares de soja precisaram de replantio em MT

A falta de chuvas regulares inibiu o começo da semeadura e, entre os que arriscaram,

28/11/2017 -

Lucas: Em audiência, produtores pedem agilidade na implementação de sistema de inspeção da agroindústria familiar

Produtores rurais que participaram nesta manhã (28) em Lucas do Rio Verde, de uma audiência pública proposta pela Empaer. O encontro, que reúne também representantes de sindicatos, cooperativas e associações, da Câmara e Prefeitura.

20/11/2017 -

Rússia anuncia restrições temporárias à carne suína e bovina do Brasil

Motivo foi a detecção na carne exportada de substâncias para o crescimento da massa muscular dos animais.

16/11/2017 -

Fundador da Fiagril está entre os 100 nomes mais influentes do agronegócio brasileiro

A Fiagril foi fundada em 1987 e desde então não parou de crescer e de ampliar seus negócios.

13/11/2017 -

Agronegócio segura PIB, mas reduz postos de trabalho, aponta Cepea

O agronegócio representa cerca de 20% do total de pessoas ocupadas no Brasil.

13/11/2017 -

Exportações de carne bovina crescem em MT

Com a evolução nas vendas externas, a receita comercial aumentou 26,7%.

13/11/2017 -

Censo Agro 2017 em Lucas do Rio Verde

Em Mato Grosso serão visitadas de 130 a 150 mil propriedades e em Lucas do Rio Verde o número passa de 370.

10/11/2017 -

Segunda usina de etanol de milho prevista para ser construída em MT deve gerar mais de 3 mil empregos

Projetada para moer um milhão de toneladas de milho por ano, usina será construída em Sinop. Obra que deve custar R$ 500 milhões está prevista para começar em janeiro de 2018.

06/11/2017 -

Grupo chinês irá investir R$ 1,5 bi na construção de silos em Mato Grosso

Conforme dados da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), há um déficit de cerca de 50 milhões de toneladas. No Estado, o déficit é de aproximadamente 19 milhões de toneladas.

06/11/2017 -

Mato Grosso terá maior usina de etanol de milho do Brasil

Com investimento de R$ 500 milhões, a usina de Sinop foi projetada para moer 1 milhão de toneladas de milho por ano.

Disk Bem

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Tempo Agora