Agronegócios

Exportação e consumo estadual de milho produzido em mato grosso serão maiores

4,42 milhões de toneladas do cereal devem ser consumidos dentro do Estado, aumento de 10,44% em relação ao último levantamento e de 20,9% em relação à safra anterior

Produção de Milho | 19 de Abril de 2017 as 05h 53min
MT Agora - Agronotícias

Mato Grosso vai expandir as exportações e o consumo interno de milho na atual safra. A previsão consta na 1ª Estimativa de Oferta e Demanda do Milho, divulgada nesta segunda-feira, pelo Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea).

Conforme o levantamento, 4,42 milhões de toneladas do cereal devem ser consumidos dentro do Estado, aumento de 10,44% em relação ao último levantamento e de 20,9% em relação à safra anterior. “O principal fator que fundamentou este aumento foi a maior perspectiva de consumo de milho para a produção de etanol na safra 16/17”, explica o instituto.

Em relação ao consumo interestadual, o Imea aponta que a disparada nos preços no ano passado fez com que muitas empresas de outros Estados tentassem se proteger de preços elevados e garantir o milho para suas necessidades, de modo que está previsto consumo de 6,48 milhões de toneladas para a 16/17, o que representa uma leve queda de 2,7% em relação à safra passada. O Imea também reajustou os dados de exportação para 15,04 milhões de toneladas (aumento de 79,4% em relação à safra passada).

O Imea conclui que, apesar da elevação da demanda, o aumento da produção esperada para a safra pesou mais sobre o balanço da oferta e demanda do milho de modo que os estoques finais sofreram um aumento de 123% ante ao levantamento de dezembro, ficando estimados em 360 mil toneladas. A previsão é que Mato Grosso produza, na atual safra, 26,6 milhões de toneladas de milho.

COMENTARIOS

Disk Bem

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

TEMPO AGORA

Hoje, Segunda Feira

Lucas do Rio Verde, MT

Tempo nublado

27º

COTAÇÃO