Falta de chuvas é a principal preocupação do produtor neste momento em Mato Grosso

Avaliações estão sendo realizadas durante Circuito Tecnológico - Etapa Soja, da Aprosoja.

23/10/2015 - 16:01:52

   

O céu limpo, azul, sem nenhuma nuvem e as altas temperaturas nos últimos dias em Mato Grosso anunciam a preocupação do produtor rural no Estado: sem chuva não há plantio de soja. Poucos produtores rurais, geralmente os maiores, já iniciaram. A chance do replantio, no entanto, vem na mesma proporção. 
 
Além de "chuva", a palavra mais ouvida durante a sétima edição do Circuito Tecnológico - Etapa Soja é esperança. "Estamos já com 200 hectares preparados para o plantio e na esperança de chover no fim de semana. É preocupante porque estamos atrasados em relação ao ano passado", diz Roberto Palo, gerente da Fazenda Agropec, de propriedade de Antônio Olímpio Filho, no município de Juara.
 
O Circuito é realizado pela Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja), em parceria com o Imea e Embrapa, e consiste em rodadas técnicas nas maiores regiões produtoras de soja para fazer um raio X da safra 2015/16. Também é durante o evento que as equipes da associação entendem os anseios do produtor.
 
"Essas captações de informações in loco são fundamentais para depois, trabalharmos internamente na entidade visões e ações estratégicas para o próximo ano ou para os próximos anos. É também nesses momentos que nos aproximamos dos nossos associados e daqueles que se interessarem em se associar", diz Franciele Dal'Maso, analista de projetos da Aprosoja, líder de equipe 8 neste ano do Circuito Tecnológico e pelo sexto ano participando do evento. 
 
Uma outra fronteira -  Outro ponto possível de ter sido levantado durante esta edição do Circuito Tecnológico é que uma parte da Região Oeste, principalmente nos municípios de Brasnorte, Juara e Juína, é que a pecuária tem sido, aos poucos, substituída pelos grãos. Em boa parte dos casos, há a Integração Lavoura Pecuária (ILP). 
 
"Comecei o plantio de soja em 2014 pra melhora do pasto, mas também pra ter outra renda. É claro que é uma adaptação, mesmo porque a agricultura pede uma forma de planejamento diferente da pecuária. Aqui, quem é pecuarista tradicional não arrisca, mas assim como eu, outros tem buscado novas formas de recurso, agindo com cautela sempre", afirma Wagner Piccin, proprietário da Fazenda Nova Campinas. 
 
De origem paranaense, Piccin é pecuarista desde a década de 1980. No último ano plantou 300 hectares de soja. Para a safra 2015/16, o passo já foi um pouco além: quando a chuva aparecer, serão 405 hectares. "E se tudo correr bem, ano que vem vou ampliar a lavoura em 150 hectares, mas pretendo plantar arroz. O objetivo pro futuro é chegar ao máximo a 800 hectares de pecuária e 800 hectares de lavoura", planeja.
 
Para Celso Azoia, pecuarista há 30 anos em Mato Grosso e pelo primeiro ano abrindo a lavoura para receber a soja, a chegada do grão é um - bom - caminho sem volta. "Não só eu como outros diversos produtores daqui têm aberto a lavoura, seja para testar como para obter uma outra renda. É preciso planejamento para tal, uma vez que são negócios diferentes, mas vejo que as lavouras aqui nesses municípios são sim um caminho sem volta", afirma.
 
A analista Franciele Dal'Maso concorda com Azoia: quem estiver optando pela troca da pecuária pela lavoura ou pela integração precisa de planejamento e, claro, cautela. "Os riscos na pecuária são menores ou para quem está nela há muitos anos, como notamos na região Oeste, acaba tendo mais receio de arriscar. No caso da agricultura, é preciso investimento em maquinários, insumos e profissionais da área para atender o setor. Porém, com mais planejamento, o retorno pode também ser muito maior que da pecuária", explica.
 
O roteiro - O Circuito Tecnológico - Etapa Soja de 2015 deve percorrer cerca de 10 mil quilômetros. Na primeira semana, de 19 a 24 de outubro, serão feitos levantamentos nas regiões Norte e Oeste. Em seguida, de 26 a 30 de outubro, as equipes passam pelo Leste e Sul de Mato Grosso.
 
Além de entrevistar proprietários ou gerentes das fazendas visitadas, as equipes recolhem amostras de sementes e fertilizantes para serem analisados. Os resultados servem para banco de dados da Aprosoja e para os próprios produtores, que devem receber os resultados em novembro.

MT Agora - Assessoria

Mais Noticias

Algodão

Preço estimula aumento de plantio do algodão em Sorriso

Estimativa Em 5 Anos

Produtores de milho de MT querem aumentar produção de etanol de milho para 3,5 bilhões em 5 anos

Dados

Abate de bovinos cresce 37,5% em MT; resultado é o melhor em 10 meses, diz Indea

Dados

Instituto aponta queda de 57% nas exportações de carne bovina em MT

11/07/2018 -

Mato Grosso é o estado com a maior frota de aeronaves agrícolas do país

Ao todo, o estado tem 464 aviões cadastrados. O número de aviões no estado corresponde a quase 20% do total usado no país.

04/07/2018 -

Banco do Brasil destina R$ 103 bilhões para crédito agrícola

O valor é 21% maior do que o total desembolsado na safra 2017/2018, cerca de R$ 85 bilhões.

04/07/2018 -

Governo de MT lança programa de fomento a hortas nas escolas

O Pró-Hortas Escolares foi lançado nesta terça-feira (03.07), no Palácio Paiaguás, em Cuiabá.

04/07/2018 -

Governo de MT inaugura Laboratório de Sanidade Vegetal e Arquivo Central do Indea

As obras foram realizadas por meio de termo de cooperação com o Fundo Mato-grossense de Apoio à Cultura da Semente (Fase), e dão continuidade ao sonho de tornar o Complexo do Planalto, em um centro tecnológico da Defesa Agropecuária em Mato Grosso.

03/07/2018 -

OCDE e FAO: produção agrícola mundial deve crescer 20% em dez anos

O aumento será ainda maior nas regiões em desenvolvimento, como a África Subsaariana, Ásia Meridional e Oriental, Meio Oriente e Norte da África. Movimento oposto deve ocorrer nos países desenvolvidos.

30/06/2018 -

Sorriso: 20% da safra de milho foram colhidas até agora

A expectativa dos produtores é encerrar a colheita dentro dos próximos 15 dias.

30/06/2018 -

Custo da produção de algodão em Mato Grosso sobe 0,82%

Tal variação se deve, principalmente, à valorização do dólar no último mês, que influenciou no aumento dos custos com os defensivos e fertilizantes.

30/06/2018 -

Ministério da Agricultura diz que o projeto sobre agrotóxicos não aumenta risco à saúde

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento divulgou nota, nesta quinta-feira (28), apontando que há muita preocupação em relação ao uso de substâncias químicas.

25/06/2018 -

Vazio sanitário da soja começa em MT e segue até o dia 15 de setembro

Durante 90 dias, produtores não podem manter pés de soja vivos para evitar ferrugem asiática. Em caso de descumprimento, eles podem ser multados pelo Indea.

21/06/2018 -

Mato Grosso mais perto do fim da vacinação da Febre Aftosa

A previsão é que até maio de 2021 seja feita a última campanha de vacinação contra a febre aftosa no Brasil, conforme o cronograma do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

17/06/2018 -

MT abate 89 mil cabeças de gado a mais no 1º trimestre de 2018 e lidera produção no país

Segundo o IBGE, o estado lidera a produção nacional com 15,6% do que é produzido no país. Ao todo, 7,72 milhões de cabeças de gado nos três primeiros meses de 2018.

15/06/2018 -

Mais de 6 mil propriedades serão fiscalizadas durante vazio sanitário da soja

De 15 de junho a 15 de setembro não poderá haver plantas vivas de soja cultivadas ou guaxas, tanto em áreas de cultivo quanto às margens das rodovias.

13/06/2018 -

MT deve colher mais de 25% da produção de grãos, cereais e oleaginosas do país na safra 2018, estima IBGE

Ao todo, Mato Grosso deve produzir 25,9% da produção nacional. Na estimativa do IBGE, o estado deve ser o maior produtor de algodão herbáceo (em caroço) do país.

12/06/2018 -

IBGE reduz para 228,1 milhões de toneladas previsão de safra de grãos

A estimativa do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola, feita em maio, é 0,8% inferior (ou 1,9 milhão de toneladas) na comparação com a de abril.

12/06/2018 -

Agricultores antecipam compra de calcário para aplicar na próxima safra de soja em MT e aumentar a produtividade

Calcário aumenta os níveis de magnésio e cálcio nas plantas. Expectativa de crescimento nas vendas é de 8%, em relação a 2017.

Disk Bem

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Tempo Agora