Desafio Nacional

Fundação Rio Verde recebe prêmio do Desafio Nacional de Produtividade de Soja

A instituição obteve resultado final de 78,2 sacas por hectare. O concurso é promovido pelo Conselho Estratégico Soja Brasil (Cesb).

25 de Agosto de 2014 as 07h 06min

A Fundação Rio Verde, localizada em Lucas do Rio Verde (MT), foi campeã municipal do Desafio Nacional de Produtividade de Soja Safra 2013/2014. A instituição obteve resultado final de 78,2 sacas por hectare. O concurso é promovido pelo Conselho Estratégico Soja Brasil (Cesb). As premiações acontecem a nível nacional, regional e municipal. 
 
Para o concurso foi plantada uma área de sete hectares, sendo que a colheita foi realizada em quatro destes. Esta foi a primeira participação da Fundação no Desafio, como afirma o engenheiro agrônomo da instituição, Dr. Fábio Pittelkow. 
 
“A participação no evento surgiu mais como um desafio interno para nós, com o objetivo de superação, de alcançarmos uma produtividade alta, adquirindo conhecimento próprio para futuros estudos”, relatou Pittelkow.
 
Entre os fatores que influenciaram no resultado campeão estão a qualidade da semente e do processo de semeadura, uso de enxofre e manejo do solo. 
 
“Enterramos o enxofre com a plantadeira ao invés de somente ‘jogar em cima’ da terra. Esse produto participa diretamente da fotossíntese da planta, é essencial para a agricultura e exploramos bem esse fator. Muitos produtores não valorizam o enxofre e fizemos esse experimento que deu certo. Com relação ao manejo do solo tínhamos um problema de compactação na área, por isso preparamos a terra, realizamos a pincelagem, remoção do solo para na sequencia realizarmos a aplicação do fertilizante. Eliminando a compactação alcançamos maior rendimento na colheita”, explicou o engenheiro agrônomo. 
 
Pittelkow já adianta que a Fundação irá participar da próxima edição do Desafio e que a primeira colocação é uma conquista importante para a credibilidade e o trabalho desenvolvido pela instituição. 
 
“Pretendemos elevar o patamar de produtividade da região aplicando sempre as técnicas de plantio e nutrição para uma boa prática agrícola. A Fundação está de portas abertas para quem quiser saber mais como foram os experimentos, tirar dúvidas e receber suporte até mesmo para sua propriedade. Nosso objetivo é buscar soluções junto ao agricultor para melhorar o potencial produtivo de Lucas do Rio Verde e região”, destacou o membro da Fundação. 
 
Para o engenheiro agrônomo, pesquisador e apoiador do Cesb, Leandro Zancanaro, as conquistas e avanços em pesquisas da Fundação Rio Verde se refletem em vantagens para o setor agropecuário regional. 
 
“Como a instituição trabalha em prol da agricultura, da produtividade, sabemos que esses avanços estarão à disposição do produtor rural, assim como as demais pesquisas e experimentos realizados pela Fundação. Além disso, para o Desafio é fundamental a participação das instituições de pesquisa que têm muito a demonstrar sobre a qualidade do setor agropecuário na região em que atuam”, acrescentou Zancanaro.
 
De acordo com o pesquisador, Mato Grosso tem evoluído em seus resultados com relação ao Prêmio. 
 
“Cerca de quatro anos atrás não tínhamos nenhuma área do estado participante do Desafio com produtividade acima de 100 sacas de soja por hectare. Atualmente as dez maiores produtividades do Prêmio são todas acima desse número. Percebemos que provocar o agricultor tem dado certo. O produtor tem se preocupado em fazer um bom trabalho no campo, se interessado cada vez mais pelas tecnologias disponíveis no mercado, pelos resultados de pesquisas, que são fundamentais para aumento de produtividade, lucratividade e redução de custos nas lavouras”, ressaltou o engenheiro agrônomo. 
 
Prêmio – O Desafio Nacional de Produtividade de Soja é realizado há cinco anos. As inscrições podem ser feitas por meio do site www.cesbrasil.org.br até 15 de janeiro de 2015 e todas as fichas pré e pós-colheita devem ser preenchidas para concluir a participação.
 
O Prêmio foi entregue a membros da Fundação Rio Verde, nesta sexta-feira (22), durante o Fórum Regional de Máxima Produtividade de Soja.

MT Agora - Assessoria

COMENTARIOS

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

COTAÇÃO