Brasil

Brasil terá centro de pesquisa de transporte de alta velocidade

A proposta é desenvolver um sistema de transporte por tubos de altíssima velocidade, capaz de atingir 1,2 mil quilômetros por hora.

Desenvolvimento | 09 de Abril de 2018 as 21h 56min
MT Agora - Agência Brasil

O ministro Marcos Jorge de Lima, assina acordo para implantação de centro de pesquisa sobre transporte de alta velocidade. Ao lado, o presidente da HTT, Bibop Gresta, e o diretor da ABDI, Miguel Nery

A Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) assinou hoje (9) acordo com a empresa Hyperloop Transportation Technologies para instalação de um centro de pesquisa e desenvolvimento em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte. A proposta é desenvolver um sistema de transporte por tubos de altíssima velocidade, capaz de atingir 1,2 mil quilômetros por hora.

Segundo o CEO da Hyperloop, Bipob Gresta, o sistema de transporte utiliza plataformas elevadas e foi desenvolvido para funcionar sem o atrito e a resistência do ar, permitindo que cápsulas com carga ou pessoas se movimentem mais rapidamente, sem gastar muita energia. A tecnologia envolve ainda levitação magnética e bombas de vácuo para retirar quase todo o ar dos tubos.

“É uma tecnologia de ponta que poderá revolucionar todo o transporte de pessoas e de cargas no nosso país”, disse o diretor de Desenvolvimento Produtivo e Tecnológico da ABDI, Miguel Antônio Nery. “Nossa expectativa é que isso sinalizará para o país um novo cenário em termos de solução tecnológica e logística em transporte”, completou.

Durante a cerimônia de assinatura de memorando de entendimento, o ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Jorge de Lima, mostrou-se entusiasmado com as possibilidades em aberto mediante o acordo. “Isso coloca o país no mapa de desenvolvimento de soluções de ponta em transporte e logística”, destacou Lima.

COMENTARIOS

Disk Bem

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

TEMPO AGORA

Hoje, Sábado

Lucas do Rio Verde, MT

Tempo nublado

28º

COTAÇÃO