Brasil terá novo ensino médio

Medida provisória do governo coloca do avesso um modelo feito para dar errado.

24/09/2016 - 00:20:47

   

Finalmente saiu. A tão debatida e aguardada reforma do ensino médio brasileiro está sendo anunciada agora, em Brasília. Será sacramentada por uma medida provisória, assinada pelo presidente Michel Temer. O texto subverte uma fórmula que leva ao fracasso e, seguido à risca, pode resgatar o Brasil das últimas posições que já se habituou a ocupar nos rankings que comparam jovens estudantes do mundo inteiro. Passa a vigorar imediatamente, mas as redes de ensino e escolas precisarão de tempo para se adaptar. Em 2018, a expectativa é de que já estará tudo diferente.

Primeiro e decisivo ponto positivo: a flexibilização. Hoje, 100% dos jovens fazem o mesmíssimo percurso durante os três anos do ciclo médio. São treze disciplinas obrigatórias ensinadas com idêntica profundidade – ou superficialidade – a estudantes de interesses e capacidades distintas. De acordo com a MP, a grade deixa de ser engessada, permitindo ao aluno escolher a metade das matérias que irá cursar. Isso dentro de cinco áreas mestras: linguagens, matemática, ciências humanas, ciências da natureza e formação técnica profissionalizante.

A outra metade do currículo seguirá igual para todos. O que entra e sai da grade ainda está por definir, provavelmente até janeiro, dentro da Base Nacional Curricular. Mas que vão se enxugar conteúdos não há dúvida. Afinal, hoje o ensino médio consome uma média de 2400 horas. Como 1200 delas serão escolhidas pelo estudante, restarão apenas outras 1200 horas para acomodar a parte obrigatória. Matemática e português continuarão com a carga atual, durante os três anos, e inglês passará a ser uma exigência.

A nova fórmula – que aliás só é nova aqui, já que países de boa educação a conhecem há tempos – é um caminho para expurgar a atual rigidez do ensino médio. Sendo igual para todo mundo, pressupõe que todo mundo seja igual. Assim, não atrai a maioria, um desastre do ponto de vista da trajetória desses jovens e do país. Atualmente, 1,7 milhão de brasileiros entre 15 e 17 anos estão fora da sala de aula. De cada 100 alunos que ingressam no ensino médio, apenas 50 se formam, e mal. “O modelo atual precisa mudar já. É uma catástrofe”, resume Marcos Magalhães, presidente do Instituto de Co-Responsabilidade pela Educação (ICE).

Segundo e também decisivo ponto da MP: um dos trajetos possíveis ao longo do ensino médio será o curso técnico. Esses estudantes, é bom esclarecer, também cumprirão a ala obrigatória de disciplinas. O impulso para o ensino técnico é mais do que bem-vindo. Modalidade ainda vista no Brasil como de segunda classe, já produziu resultados espetaculares em países como Coreia do Sul, Suíça e Alemanha. Braços especialmente talhados para certos ofícios funcionam como mola para a economia. Atualmente, o adolescente pode fazer no Brasil o ensino técnico, mas antes disso precisa encerrar todo o roteiro de disciplinas do ciclo médio. O resultado é desastroso: muita gente debanda antes. Não à toa, menos de 10% dos brasileiros seguem esta rota, enquanto em países mais desenvolvidos eles passam da metade.

A medida provisória prevê ainda algo crucial, repassar verbas aos estados para que consigam implantar o ensino integral. Hoje os jovens brasileiros batem outro desses recordes desfavoráveis: estão entre os que têm jornada escolar mais curta, de quatro horas e meia. A média na OCDE (organização que reúne os países mais ricos) é de sete horas. Está claro que é preciso estudar mais e melhor para que a juventude daqui possa brigar por um lugar ao sol no disputado tabuleiro global. As mudanças agora anunciadas têm tudo para ser um primeiro passo. 

MT Agora - Cecília Ritto

Mais Noticias

CNH

Comissão da Câmara aprova fim de multa para quem esquece CNH

Aposentadoria

Reforma da Previdência prevê mesmo tempo de contribuição para homens e mulheres

Indenização

Gol indenizará índios em R$ 4 milhões após queda de avião perto de aldeia

Beber Precocemente

Guia alerta sobre consumo precoce de bebidas alcoólicas entre jovens

05/02/2017 -

Tire suas dúvidas sobre o saque do FGTS inativo em 2017

Muito tem se especulado sobre o assunto e informações incorretas têm circulado, principalmente nas redes sociais.

03/02/2017 -

OMS diz que antes de 2020 não será licenciada vacina segura contra o vírus Zika

...Ao fazer um balaço das ações para combater o vírus, adotadas nos últimos 12 meses, Chan estimou que antes de 2020 não será licenciada uma vacina segura contra o Zika

02/02/2017 -

Ex-primeira-dama Marisa Letícia tem morte cerebral

A ex-primeira-dama Marisa Letícia Lula da Silva, 66 anos, teve morte cerebral hoje (2). Ela está na unidade de terapia intensiva (UTI) do Hospital Sírio-Libanês desde o dia 24 de janeiro.

26/01/2017 -

Febre amarela: distribuição de vacina será reforçada com 11,5 milhões de doses

Das 11,5 milhões de doses adicionais da vacina, 6 milhões serão entregues nos próximos dias e 5,5 milhões serão distribuídos conforme a necessidade dos estados.

25/01/2017 -

Ex-primeira-dama Marisa Letícia é internada com AVC em São Paulo

Ex-primeira-dama passou por um procedimento de emergência que durou cerca de duas horas. Segundo os médicos, a hemorragia foi contida e ela ficará internada, em observação.

25/01/2017 -

Salvador tem aeroporto mais mal avaliado em pesquisa; Curitiba é o melhor

Governo divulga nesta terça (24) pesquisa trimestral de satisfação de passageiros. Opiniões foram ouvidas nos 15 maiores aeroportos do país.

23/01/2017 -

Inscrições para o Sisu começam nesta terça; consulta pode ser feita no site

O candidato também pode consultar, em seu boletim, a sua classificação parcial na opção de curso escolhido.

19/01/2017 -

Relator da Lava Jato no STF, Teori Zavascki morre aos 68 anos após queda de avião em Paraty (RJ), diz filho

Ministro do Supremo Tribunal Federal viajava de São Paulo para o litoral sul do Rio de Janeiro; magistrado tinha três filhos e estava na Suprema Corte desde 2012.

18/01/2017 -

Só 7,3% dos alunos atingem aprendizado adequado em matemática no ensino médio

O índice é ainda menor quando consideradas apenas as escolas públicas.

17/01/2017 -

Enem deste ano não servirá como certificação do ensino médio, diz ministro

“A notícia deve ser oficializada amanhã, a separação do Enem em relação ao Encceja [Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos]”

17/01/2017 -

Anvisa aprova pela primeira vez registro de remédio à base de maconha

...O medicamento é da britânica GW Pharma Limited, e a detentora do registro do medicamento no Brasil é a empresa Beaufour Ipsen Farmacêutica Ltda., localizada em São Paulo (SP)...

17/01/2017 -

Mortes suspeitas por febre amarela sobem para 47 em Minas Gerais, diz governo

Casos suspeitos são 152, segundo boletim divulgado nesta segunda-feira (16). Cidades afetadas por doença são nos vales do Rio Doce e do Mucuri e uma na Zona da Mata.

13/01/2017 -

UNB confirma tremor de terra de magnitude 3,2 em Poços de Caldas (MG)

Moradores de várias regiões da cidade publicaram relatos nas redes sociais. Corpo de Bombeiros enviou equipes para bairros onde tremor foi sentido.

13/01/2017 -

Samarco entrega a secretaria de MG plano para recuperar área de Fundão

Projeto foi solicitado na época do cancelamento das licenças de mineração na área. Rompimento de barragem em Mariana provocou o maior desastre ambiental da história do país.

13/01/2017 -

Ministro anuncia que piso salarial de professores será de R$ 2.298,80 em 2017

Reajuste salarial para docentes com formação de nível médio será de 7,64% para 40 horas semanais; segundo a CNTE, 14 estados não cumprem o piso atualmente.

Disk Bem

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Tempo Agora