Remessas Ilegais

Brasil é o quinto país a mais enviar recursos para paraísos fiscais, diz Unctad

Em 2015, os fluxos financeiros para paraísos fiscais somaram 72 bilhões de dólares.

MT Agora - Agência Brasil
07 de Maio de 2016 as 04h 58min

O Brasil foi o quinto país que mais enviou recursos para paraísos fiscais como Ilhas Virgens e Ilhas Cayman entre 2010 e 2014, totalizando US$ 23 bilhões, segundo estudo divulgado da Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (Unctad).

Entre 2010 e 2014, Hong Kong liderou o envio de recursos para esses centros financeiros, com 33% do total (US$ 148 bilhões), seguido por Estados Unidos (21% ou US$ 93 bilhões), Rússia (17%, ou US$ 77 bilhões), China (10% ou US$ 45 bilhões) e Brasil (5% ou US$ 23 bilhões). Outros países responderam por 14% do total ou US$ 64 bilhões, informou a Unctad.

Em 2015, os fluxos financeiros para paraísos fiscais somaram 72 bilhões de dólares, uma queda de 8% na comparação com o ano anterior. Apesar da baixa, a Unctad considerou que o volume “permanece alto”, citando as iniciativas internacionais para reduzir esse fenômeno que causa prejuízos bilionários aos países.

“Os esforços para reduzir os fluxos financeiros offshore estão ocorrendo tanto em nível nacional como internacional”, disse a Unctad. “Além de reformas na Holanda e em Luxemburgo, e o pacote da Comissão Europeia contra a evasão fiscal, os Estados Unidos têm implementado gradualmente o Fatca (Foreing Account Tax Compliance Act)”, completou, citando ainda a cooperação internacional no âmbito do G-20.

“Revelações de que empresas grandes e pequenas têm usado centros financeiros offshore e outras jurisdições para evadir ou sonegar impostos forneceram ímpeto adicional a reformas políticas nessas áreas”, disse a Unctad, completando, porém, que “mais esforços são necessários”. Multinacionais contabilizam maiores lucros em paraísos tributários.

Lucro de multinacionais

O estudo mostrou, ainda, que uma amostra de multinacionais de 26 países desenvolvidos teve mais lucros em Bermudas (43,7 bilhões de dólares) que na China (36,4 bilhões de dólares) ou no Brasil (31,6%) em 2014.

A participação dos lucros dessas multinacionais em relação ao Produto Interno Bruto (PIB) de Bermudas foi de 780% naquele ano, enquanto em países não considerados paraísos fiscais foi, em média, de 1%.

Segundo a Unctad, as perdas com práticas tributárias de multinacionais causam prejuízos substanciais aos países, já que há um crescente número de companhias globais que contabilizam mais lucros em jurisdições offshore caracterizadas como paraísos fiscais.


COMENTARIOS

Mais de Brasil

Saúde

Ministério da Saúde registra 570 novos casos de sarampo no Brasil

Nos últimos 90 dias, o Brasil registrou 3.909 casos confirmados de sarampo em todo o território nacional

19 de Setembro de 2019 as 18h58

Geral

Trecho morto do Tietê aumenta 33% e está com 163 quilômetros

Água é imprópria para uso nessa extensão, diz SOS Mata Atlântica

19 de Setembro de 2019 as 18h53

Educação

Parceria com Suécia estimula participação de meninas na área de exatas

Festival Tekla trouxe workshop de robótica para Brasília

18 de Setembro de 2019 as 15h10

Política

CCJ da Câmara aprova condução coercitiva de intimados por CPI

O intuito é evitar os pedidos de habeas corpus ao Supremo Tribunal Federal (STF) para o não comparecimento às CPIs

18 de Setembro de 2019 as 15h04

Geral

Proteção de dados pessoais precisa ser ampliada, defende pesquisadora

As ideias de privacidade e proteção de dados foram historicamente construídas com foco no indivíduo e no direito de determinar como suas informações serão disponibilizadas.

18 de Setembro de 2019 as 14h55

Geral

Investigações do caso Marielle levarão a novas prisões, diz delegado

O diretor do Departamento de Homicídios da Polícia Civil do Rio de Janeiro, delegado Antônio Ricardo Nunes, disse hoje (18) que as investigações do assassinato da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes continuam.

18 de Setembro de 2019 as 14h50

Política

Projeto que amplia posse de arma no campo é sancionado

Outros três projetos de lei foram sancionados hoje

17 de Setembro de 2019 as 15h26

Geral

Desmatamento na Amazônia é comandado por redes criminosas, diz ONG

De acordo com o pesquisador da ONG César Muñoz, as organizações que atuam em diversas atividades ilegais mantêm conexões, formando redes criminosas.

17 de Setembro de 2019 as 15h20

Educação

Prorrogado até as 23h59 de hoje prazo para escolha do livro didático

O prazo para escolher os livros didáticos que serão utilizados pelos estudantes do 6º ao 9º ano do ensino fundamenta

17 de Setembro de 2019 as 15h17

Internacional

Argentina mantém preço da gasolina congelado até novembro

Após ataques aéreos à refinaria de Abqaiq, na Arábia Saudita, os preços internacionais do petróleo dispararam.

17 de Setembro de 2019 as 15h13

Educação

Portal do MEC tira dúvidas sobre carteira de estudante digital

O Ministério da Educação (MEC) lançou hoje (16) o portal da ID Estudantil

16 de Setembro de 2019 as 14h29

Geral

Quatro morrem e três ficam feridos durante operação policial no Rio

Quatro homens morreram durante operação policial na comunidade do Jacarezinho, na zona norte da cidade do Rio de Janeiro, na manhã de hoje (16).

16 de Setembro de 2019 as 14h26

Geral

Sobe para 12 número de mortos em incêndio do hospital Badim

Subiu para 12 o número de mortos em decorrência do incêndio que atingiu o Hospital Badim na última quinta-feira (12).

16 de Setembro de 2019 as 14h22

Geral

Incêndios atingem mais de 6 mil hectares na Chapada dos Guimarães

A estimativa foi feita com base nos focos de calor. O parque segue fechado para visitação por período indeterminado.

14 de Setembro de 2019 as 16h36

Saúde

Campanha Setembro Laranja alerta para a obesidade infantil

A Sociedade de Pediatria de São Paulo (SPSP) promove, neste mês, a campanha Setembro Laranja, de combate à obesidade infantil.

14 de Setembro de 2019 as 16h33

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Enquete

Quem é o maior responsável pelas queimadas em Mato Grosso?

A população

As autoridades públicas

Os órgãos ambientais

O clima

Parcial
veja +

COTAÇÃO