Coronavírus

Economia anuncia medidas para proteger empregos e distribuir renda

Entre elas está a flexibilização das negociações individuais entre empresas e empregados

Fonte: Ministério da Economia
20 de Março de 2020 as 04h 49min

Governo federal quer simplificar negociações para preservar empregos - Foto: Jana Pessôa/Setas-MT

O Governo Federal anunciou medidas para proteger o emprego e as pessoas de baixa renda no País. Entre as propostas estão a criação de um auxílio emergencial de R$ 200 para os trabalhadores autônomos e a simplificação temporária de regras trabalhistas. A medidas ainda serão encaminhadas para aprovação no Congresso Nacional.

"A saúde dos brasileiros e a defesa dos empregos está acima de todos os interesses. Fizemos um leque de proteção. Primeiros os mais idosos (aposentados e pensionistas), e passamos para novas opções de acordo durante esses três meses. E ainda temos uma grande preocupação com o mercado informal. Fizemos hoje o cálculo, estamos estendendo uma camada de proteção ao autônomos”, detalhou o ministro da Economia, Paulo Guedes. 

Trabalhadores informais, microempreendedores individuais e desempregados, que estejam dentro dos critérios do Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (Cadastro Único) e tenham mais de 18 anos, vão receber o auxílio emergencial por três meses. Com impacto previsto de R$ 15 bilhões por 90 dias, o benefício auxiliará no atendimento das necessidades essenciais de alimentação e higiene.

Não será possível, porém, acumular com outros benefícios, como Bolsa Família, seguro-desemprego e Benefício de Prestação Continuada (BPC). “Nosso objetivo com essa medida é fechar o ciclo de pessoas no Brasil que precisam de benefícios nesse momento de crise. Nenhum brasileiro ficará desguarnecido nessa crise”, explicou o secretário especial de Previdência e Trabalho, do Ministério da Economia, Bruno Bianco.

Emprego e trabalho

Para evitar aumento no desemprego e manter os empregos formais, também foram anunciadas medidas trabalhistas temporárias. Durante o estado de emergência, trabalhador e empregador vão poder celebrar acordos individuais com preponderância à Lei, respeitados os limites previstos na Constituição Federal.

Com isso, o governo quer criar regras para simplificar a adoção do teletrabalho; antecipação das férias individuais; férias coletivas; uso do banco de horas; redução proporcional de salários e jornada de trabalho; e antecipação de feriados não religiosos. O objetivo é flexibilizar as negociações para preservar os empregos.


COMENTARIOS

Mais de Brasil

Internacional

Novo embaixador dos Estados Unidos chega ao Brasil

"Foco imediato" de Todd Chapman será ajudar no combate à covid-19

30 de Março de 2020 as 04h43

Coronavírus

China prepara defesa contra segunda onda de coronavírus

"Não há razão para descansar", diz porta-voz do governo de Pequim

30 de Março de 2020 as 04h41

Coronavírus

BNDES anuncia R$ 2 bilhões de crédito para área da saúde

Limite de crédito é de R$ 150 milhões por empresa a cada seis meses

30 de Março de 2020 as 04h40

Coronavírus

Guedes diz que, como cidadão, prefere isolamento

Para ministro, economia não suporta mais de dois meses estagnada

30 de Março de 2020 as 04h38

Educação

EAD ganha impulso com a suspensão das aulas

Educação a distância exige do aluno disciplina e foco

30 de Março de 2020 as 04h35

Coronavírus

Itália registra mais 756 mortes por coronavírus e total chega a 10.779

Número total de casos confirmados na Itália aumentou para 97.689

30 de Março de 2020 as 04h33

Coronavírus

Universidades criam aplicativos para ajudar no combate ao coronavírus

Um dos projetos é o CheckCorona, da Universidade de São Paulo

30 de Março de 2020 as 04h30

Mega-Sena

Ninguém acertou as seis dezenas do Concurso 2.247 da Mega-Sena

São as seguintes as dezenas sorteadas: 01 – 42 – 44 – 47 – 48 - 53

30 de Março de 2020 as 04h28

Acordo

Representante de clubes lamenta falta de acordo coletivo com jogadores

Propostas dos clubes foram rejeitadas por atletas profissionais

30 de Março de 2020 as 04h26

Coronavírus

Pandemia gera 1,3 mil denúncias de violações de direitos no Brasil

A região Sudeste concentra mais da metade dos casos denunciados

30 de Março de 2020 as 04h21

Coronavírus

Bancos federais baixam juros e aumentam crédito para dar liquidez à economia

Financiamento para Santas Casas também vai compor a cesta de ações do Governo Federal

30 de Março de 2020 as 04h19

Economia

Pequenas e médias empresas terão ajuda do Governo Federal para pagar salários

O pacote econômico faz parte das ações de enfrentamento ao coronavírus

30 de Março de 2020 as 04h18

Saúde

Mais de 50% dos infectados com coronavírus já estão curados

Em todo o mundo, casos da covid-19 chegam a 121 mil, mas taxa de letalidade da doença permanece relativamente baixa, em 3,5%

22 de Março de 2020 as 15h59

Coronavírus

Caixa reduz juros e autoriza pausa no pagamento de dívidas por até 60 dias

Ações fazem parte do esforço para reduzir os impactos causados pela pandemia do coronavírus (Covid-19)

20 de Março de 2020 as 05h02

Coronavírus

Confira dicas de higienização para pessoas com deficiência

É necessária a limpeza dos equipamentos de uso pessoal das pessoas com deficiência, como cadeira de rodas, muletas e andadores

20 de Março de 2020 as 04h56

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

veja +

COTAÇÃO