Estados e municípios terão mais autonomia sobre verba do SUS

Ministério da Saúde considera que iniciativa pode produzir eficiência, mas vai exigir balanços sobre onde e como dinheiro está sendo gasto.

30/12/2017 - 09:54:55

   

A partir de 2018, estados e municípios vão ter mais autonomia para decidir onde e como deverá ser usado o dinheiro do Sistema Único de Saúde.

O novo modelo vale a partir de 31 de janeiro e é tudo que governadores e prefeitos queriam: liberdade para decidir prioridades com o dinheiro do SUS, o Sistema Único de Saúde. Hoje, essa verba é carimbada, tem que ser gasta conforme o previsto, na atenção básica, média e alta complexidade, assistência farmacêutica e vigilância em saúde.

Não importa a necessidade mais urgente. Se, por exemplo, uma cidade enfrenta epidemia de dengue, o gestor está amarrado, não pode transferir recursos da atenção básica para o combate ao mosquito. Isso explica porque inacreditáveis R$ 7 bilhões depositados em contas da saúde não foram aplicados. O governo diz que a nova medida vai permitir essa flexibilidade no uso da verba, sempre com o aval do conselho municipal.

Isso pode ser um remédio contra a burocracia, mas se não for aplicado na dose certa de cuidados com a fiscalização, pode agravar o quadro da saúde no país. Quem garante que não estão abrindo caminho para o uso eleitoreiro do dinheiro da saúde?

A especialista em saúde pública Ligia Bahia teme que haja dificuldade para fiscalizar.

“Esses recursos poderão ser realocados de uma maneira muito também intempestiva, de uma maneira bastante arbitrária no sentido considerando o que são as prioridades para a saúde. Poderão ser alocados assim para comprar um determinado insumo e outros insumos ficarão faltando. É preciso saber administrar muito bem os poucos recursos que nós temos para saúde, por isso é necessário que haja esse compartilhamento entre estados, municípios e a União”, explicou a professora Instituto de Saúde Coletiva da UFRJ.

O Ministério da Saúde acha que essa liberdade pode produzir eficiência. Vai exigir, a cada dois meses, balanços sobre onde e como o dinheiro está sendo gasto. Conta com o Sistema de Informações sobre Orçamentos Públicos em Saúde, o Siops, e prontuário eletrônico, que por enquanto só funciona em metade dos postos de saúde. A meta do ministério é informatizar todos os postos até o fim de 2018. A fiscalização também deve ser feita por estados e municípios. A cada quatro meses, o secretário de Saúde deve ir ao Conselho de Saúde prestar contas.

“Eu não tenho nenhuma dúvida que colocar a decisão mais próximo das pessoas provoca maior controle. E é isso que nós fazemos, até para combater corrupção. A responsabilidade de fiscalizar é sempre tripartite, porque o dinheiro é do estado, do município e da União, portanto todos os tribunais de contas do estado, da União, Controladoria e as câmaras municipais, todos têm direito de fiscalizar", afirmou o ministro Ricardo Barros.

MT Agora - JN

Mais Noticias

CNH Digital

Versão digital da CNH começa a valer a partir de fevereiro deste ano

Em Duas Semanas

Governo reduz duração do horário de verão para 2018

Levantamento

Brasil dobra número de presos em 11 anos, diz levantamento; de 726 mil detentos, 40% não foram julgados

Crime Brutal

Pastor invade apartamento e tenta violentar criança no Paraná

20/11/2017 -

Botijão explode e fere sete pessoas em Pernambuco; bebê teve 90% do corpo queimado

Cinco crianças e dois adultos ficaram feridos em explosão provocada por vazamento em um botijão de gás, na manhã deste sábado (18), em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife.

20/11/2017 -

Bebê de 1 ano morre após ser estuprado por vizinho em São Paulo

A babá da criança é companheira do suspeito do crime. Os dois foram presos em flagrante

20/11/2017 -

Criminosos invadem base do Samu e roubam ambulância e motos em SP

Bandidos fizeram três funcionários reféns. Dois veículos foram abandonados pelos ladrões e recuperados pela polícia.

20/11/2017 -

Caminhão bate em viaduto e concreto atinge carro, e mata juíza em SP

Caminhão bateu em viaduto e concreto atingiu carro que passava pela Avenida do Estado. Vítima foi levada em estado grave ao hospital, mas não resistiu.

20/11/2017 -

Carro invade padaria em Natal (RN) e por pouco não atinge quatro pessoas

Acidente aconteceu na tarde deste domingo no bairro Rosa dos Ventos, em Parnamirim. Dois homens estavam no veículo, e arcaram com os prejuízos.

20/11/2017 -

Corpo de italiano é encontrado em cachoeira no litoral de SP

Homem trabalhava como publicitário em São Paulo e passava feriado no litoral.

16/11/2017 -

Bebê tem cabeça arrancada durante o parto em Minas Gerais

Mãe acusa equipe médica de negligência; hospital afirma que feto já estava morto

16/11/2017 -

Vício em celular chega a consultórios e já preocupa médicos no Brasil

''Uso abusivo'' é identificado em todas as idades e tem sido gatilho para depressão e outros transtornos. Tratamentos de ''detox'' incluem terapia e técnicas que chamam atenção para prazeres da vida real.

14/11/2017 -

Número de nascimentos no Brasil cai pela 1ª vez desde 2010, aponta IBGE

Em 2016, foram registrados 2,79 milhões de nascimentos, queda de 5,1% ante 2015. Número de casamentos também caiu e o de divórcios aumentou.

17/10/2017 -

Aeronave do Greenpeace cai na região de Anavilhanas, no AM; uma pessoa morreu

Outras quatro pessoas ficaram feridas, de acordo com o Greenpeace.Não há informações sobre as causas do acidente.

17/10/2017 -

Desmatamento na Amazônia caiu 16% no último ano, diz ministro do Meio Ambiente

Queda foi verificada entre agosto de 2016 e julho de 2017 com base em dados do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

09/10/2017 -

Mais uma criança vítima de ataque em creche morre em MG

Matheus Felipe Rocha dos Santos, de 5 anos, estava internado no Hospital João XXIII.

09/10/2017 -

Queda de avião sobre casa deixa três mortos em Rio Preto (SP)

Monomotor se chocou contra o quintal de uma casa na rua Noruega. Segundo os bombeiros, as três pessoas que estavam na aeronave morreram.

06/10/2017 -

Vigia de creche em Janaúba (MG) falou que ''iria morrer'', diz delegado; perícia indica que ele trancou portas antes de atear fogo

Delegado diz que Damião Soares dos Santos tinha mania de perseguição; polícia encontrou cartas e galões com álcool na casa do vigia. Ele colocou fogo em creche – cinco crianças e uma professora morreram.

06/10/2017 -

''A conduta dela foi heroica'', diz delegado sobre professora que morreu em creche em Janaúba (MG)

Segundo o delegado, Helley Abreu Batista, de 43 anos, lutou com autor para salvar os alunos; ela teve 90% do corpo queimado e morreu no hospital.

Disk Bem

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Tempo Agora