Redação

Ministério Público recomenda que INSS evite reter documentos de segurados

Em caso de imprescindibilidade da retenção, a documentação deverá ser devolvida em até cinco dias

Fonte:Com informações da Assessoria de Comunicação/MPF
17 de Abril de 2012 as 14h 14min

O Ministério Público Federal em Minas Gerais (MPF/MG) recomendou à Agência da Previdência Social em Patos de Minas que não retenha exames, laudos e atestados médicos originais apresentados pelos segurados que pleiteiam benefício por incapacidade junto ao INSS.

Em caso de ser imprescindível que os documentos fiquem retidos para verificação e análise, o MPF recomenda que seja expedido um termo de retenção para ser entregue ao segurado. No entanto, a documentação original deverá ser devolvida ao seu titular no prazo máximo de cinco dias. No ato da devolução, o INSS deverá emitir outro termo, dessa vez atestando a restituição.

A recomendação originou-se de uma representação feita por segurada noticiando que os médicos peritos da Previdência Social em Patos de Minas retém os exames, laudos e atestados médicos apresentados pelos segurados, e não os devolve nem mesmo por meio de cópia.

“Esse procedimento acaba causando inúmeros contratempos aos segurados, que necessitam daqueles documentos para a prática de diversos outros atos, como o de justificar a sua ausência no trabalho, por exemplo”, explica o procurador da República Onésio Amaral.

Instado a se manifestar, o INSS justificou-se com base em uma Orientação Interna, segundo a qual, nos casos de auxílio-doença, o atestado médico, caso apresentado, deverá ficar retido.

Para o MPF, essa orientação contradiz outra Instrução Normativa do próprio INSS, que disciplina os procedimentos a serem adotados pelas áreas de receita previdenciária e de benefícios. A IN nº 095/2003, em seu artigo 456, Í 4º, determina que a retenção de documentos originais deve ser evitada, inclusive sob pena de apuração de responsabilidade do servidor em caso de extravio.

“Até porque se o objetivo da retenção parece ser o de se evitar que o segurado marque diversos exames periciais ao mesmo tempo e/ou em seqüência, a mesma Instrução Normativa faculta ao INSS adotar diversas outras formas alternativas à retenção do exame médico original, inclusive por meio de sistema interno de controle e registro ou por um simples livro de anotações”, afirma Onésio Amaral.

Para ele, “conquanto seja louvável a intenção de uma verificação mais atenta dos exames e laudos médicos, no intuito de coibir e evitar possíveis fraudes, também é preciso lembrar que a Administração Pública deve orientar-se no sentido de que a prestação dos serviços paute-se pela eficiência e pela necessidade de facilitar, e não dificultar, a vida do cidadão”.

A Agência da Previdência Social em Patos de Minas terá o prazo de 20 dias para informar o acatamento da recomendação.


COMENTARIOS

Mais de Brasil

São Paulo

Governo de São Paulo suspende aulas em 37 escolas, devido a chuvas

Em uma hora, pontos de alagamento passam de 62 para 85

10 de Fevereiro de 2020 as 14h09

Coronavírus

Bolsonaro sanciona lei para enfrentamento do novo coronavírus

Nova lei prevê medidas de isolamento e quarentena

07 de Fevereiro de 2020 as 10h41

Coronavírus

Fiocruz recebe material genético para apurar teste de coronavírus

As amostras vieram de Berlim trazidas pela OPAS

30 de Janeiro de 2020 as 15h32

Após atingir nota para cursar Medicina, potiguar de 17 anos consegue decisão judicial para concluir ensino médio

29 de Janeiro de 2020 as 13h00

Coronavírus

Ministro confirma primeiro caso suspeito de coronavírus no Brasil

Estudante de 22 anos está em observação em hospital de Belo Horizonte

28 de Janeiro de 2020 as 14h30

INSCRIÇÕES

MEC suspende inscrições no Prouni, mas libera consulta de bolsas no site

Ministério segue decisão do Tribunal Regional Federal da 3ª Região, que suspendeu divulgação dos resultados do Sisu

28 de Janeiro de 2020 as 14h25

Situação de Emergência

Mais de 100 cidades estão em situação de emergência após chuvas em MG, diz Defesa Civil

Segundo o coordenador adjunto do órgão, decreto será publicado na manhã desta segunda (27).

27 de Janeiro de 2020 as 07h01

Minas Gerais

Sobe para 12 o número de mortes causadas pelas chuvas em Minas Gerais

Há 16 pessoas desaparecidas, 2.554 desalojadas e 751 desabrigadas

25 de Janeiro de 2020 as 14h28

Transparência Pública

CGU poderá acessar dados protegidos por sigilo fiscal

Decreto regulamenta a requisição de conteúdo e o compartilhamento de dados

25 de Janeiro de 2020 as 08h15

Retomada do Crescimento

Emprego aumenta em todos os setores da economia brasileira

O resultado também foi positivo em todas as regiões do país, com destaque para o Centro-Oeste

25 de Janeiro de 2020 as 08h13

Caminho da Escola

MEC inicia processo de compra de mais de 7 mil bicicletas escolares

Veículos voltam a ser mais uma alternativa no acesso de estudantes às escolas públicas

25 de Janeiro de 2020 as 08h08

Caminho da Escola

MEC inicia processo de compra de mais de 7 mil bicicletas escolares

Veículos voltam a ser mais uma alternativa no acesso de estudantes às escolas públicas

25 de Janeiro de 2020 as 08h08

Retomada do Crescimento

Brasil registra maior geração de empregos desde 2013

Todas as regiões do país tiveram aumento de postos de trabalho em 2019. Serviços foi o setor que mais cresceu

25 de Janeiro de 2020 as 08h03

Asma Alérgica

Pacientes com asma alérgica grave terão novo medicamento ofertado pelo SUS

De acordo com o Ministério da Saúde, a asma está entre os problemas respiratórios mais comuns no País e atinge cerca de 20 milhões de brasileiros

24 de Janeiro de 2020 as 14h55

Ministério da Saúde

Brasil não tem nenhum caso suspeito de coronavírus, afirma Ministério da Saúde

Segundo a pasta, caso registrado em Minas Gerais não se enquadra na definição de caso suspeito da Organização Mundial da Saúde

23 de Janeiro de 2020 as 11h41

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

veja +

COTAÇÃO