Cidades

Bombeiros alertam população para riscos de incêndios florestais em Lucas

No início desse mês aconteceu um incêndio na região dos Macucos e o fogo se espalhou de forma descontrolável.

Alerta | 10 de Agosto de 2018 as 14h 48min
Fonte: Oliveira Neto | Portal da Cidade

Ten. BM Corrêa (Foto: Portal Da Cidade)

No início desse mês aconteceu um incêndio na região dos Macucos e o fogo se espalhou de forma descontrolável. Até onde se sabe não atingiu nenhuma casa dos chacareiros. Até porque ali o número de moradores é pequeno. 

O fogo perdurou por dois dias e duas noites, mesmo com a ação dos bombeiros na tentativa de controla-lo. Ocorrência como essa vem preocupando o Corpo de Bombeiros de Lucas do Rio Verde, devido ao período intenso de estiagem. 

De janeiro até o momento já foram registrados pelo corpo de bombeiros de Lucas do Rio Verde 36 ocorrências de incêndio Florestal. Estatísticas da corporação dão conta de que durante todo o ano de 2016 aconteceram 91 focos de incêndios. Metade deles foram ocasionados por queima em terrenos urbanos. Em 2017, os bombeiros registraram 97 ocorrências. Houve um pequeno aumento com relação ao ano anterior. 

“A nossa preocupação é justamente porque não temos mais de uma equipe para estar fazendo os atendimentos. Temos um efetivo bastante reduzido, então a gente está tentando sempre orientar a população a ajudar o Corpo de Bombeiros na prevenção desses incêndios”, comentou o Ten. BM Corrêa. 

O Ten BM ressaltou a importância de as pessoas acabarem com a cultura de que é preciso atear fogo em lixo para fazer limpeza de terrenos. O fogo inclusive é proibido por lei.

“Em área urbana é proibido o ano todo você usar fogo seja ele por qualquer motivo. Seja pra queimar folha, queimar lixo, não pode, isso é crime. Então as pessoas primeiro têm que ter essa consciência, não fazer. Tem outros métodos corretos que você pode estar usando para limpeza ou manejo da sua área. Então a gente conta com o apoio da população e orienta que realmente não use o fogo. Essa é a única alternativa”, advertiu.

Grande parte dos municípios do Mato Grosso existe parceria entre os Bombeiros, Prefeitura e Sociedade Civil Organizada, onde eles criam uma brigada de combate a incêndios nesse período de seca. Sorriso e Sinop são exemplos disso. O Ten BM Corrêa disse que sente falta de que isso aconteça em Lucas. 

“Todos os anos a gente oferece essa parceria. Na verdade não é o Corpo de Bombeiros de Lucas, mas o comando no estado que oferece a parceria. Falta na verdade o interesse, a conversa para que se faça a formação da equipe. Então nós temos disponível esse contato então falta simplesmente que se sentem, decidam e façam o convênio para que seja cumprido”, finalizou.

Vale salientar que seria uma parceria muito importante um convênio para a criação dessa brigada. Porém cabe também ressaltar que o município de Lucas do Rio Verde já assume dezenas de ações que deveriam ser executadas pelo governo do estado. Um exemplo é a oferta do atendimento de saúde de média e alta complexidade, e esse seria mais um peso para o município. Mas quem sabe o sonho do Ten BM Corrêa não se concretize, pois é algo para o bem da população luverdense.

COMENTARIOS

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

TEMPO AGORA

Hoje, Domingo

Lucas do Rio Verde, MT

º

COTAÇÃO