Frigorífico será reaberto com investimentos de R$ 10 milhões em Juruena

O governador em exercício, Carlos Fávaro, participou de reunião nesta quarta-feira (03) com grupo Frigol, quarto principal frigorífico do país, que arrendou a planta de Juruena.

04/01/2018 - 08:10:00

   

Mais uma planta frigorífica será reaberta em Mato Grosso. Seguindo a diretriz de gerar oportunidades, o Governo do Estado tem trabalhado para criar políticas de incentivos para o desenvolvimento da economia e a valorização da carne bovina e suína mato-grossense. Com esse objetivo, o governador em exercício Carlos Fávaro recebeu, nesta quarta-feira (03), o presidente, Luciano Pascom, e o diretor operacional do grupo Frigol, Orlando Negrão, quarto principal frigorífico do país, que acabou de arrendar a planta frigorifica do município de Juruena (896 km de Cuiabá), da família Durli.

A planta empregará, de imediato, 450 trabalhadores da região e receberá investimentos, nesse primeiro momento, da ordem de R$ 10 milhões. O presidente do Frigol comentou que a expectativa é que a planta em Juruena comece a operar no dia 19 de fevereiro. Mato Grosso será o quarto estado que o grupo terá unidade. “Nós já tínhamos interesse em arrendar, estava em processo de conversação com a JBS no ano passado. A expectativa é que sejam abatidas 15 a 18 mil cabeças por mês quando a planta estiver em operação”, comentou Pascom. O grupo tem unidades em São Paulo (Lençóis Paulista), Pará (São Félix do Xingu e Água Azul do Norte), Goiás (Cachoeira Alta) e, agora, Mato Grosso (Juruena).

O governador em exercício lembrou a crise que o setor pecuarista vivenciou em 2017, começando com a Operação Carne Fraca, que tinha como finalidade combater a corrupção, porém, afetou a imagem do setor questionando a qualidade da carne brasileira. "Isso é inquestionável. Para se ter uma ideia, a Vigilância Sanitária do nosso país tem 102 anos de atuação", disse Fávaro. Segundo ele, para ajudar o setor a atravessar as crises, como medida emergencial, o Governo do Estado alterou, de forma momentânea, a alíquota da cobrança do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para a transferência de gado em pé de Mato Grosso para outros estados. A redução foi de 7% para 2,5%.

“Isso tudo fez com que o governo e o setor buscassem investimentos para Mato Grosso e todo esse trabalho fez com que oito plantas frigoríficas fossem reabertas em 2017. E agora a planta frigorífica de Juruena, que estava paralisada há mais de cinco anos, deverá ser reaberta em fevereiro. A nossa vocação é produzir comida, carne e verticalizar. E o governo está disposto a isso”, observou Fávaro.

Serão gerados de forma imediata 450 empregos diretos, podendo em seis meses alcançar 600 postos de trabalhos, destaca o diretor operacional Orlando Negrão. “Já foram contratadas 50 pessoas que foram para o Pará para receber treinamento e mossa meta é que 90% dos trabalhadores da região ocupem as vagas”. Em 2017 a companhia faturou R$ 1,5 bilhão. Sua capacidade de exploração é de 80 mil animais por mês. Também é a segunda maior abatedora de Angus do Brasil.

O secretário de Desenvolvimento Econômico (Sedec), Carlos Avalone, frisou que a Secretaria é a maior parceria desses investimentos, sendo a porta de entrada, e que além da redução para 2,5% do ICMS, entende que é possível melhorar os incentivos para a reabertura desses frigoríficos que estão fechados. A medida já foi autorizada pelo governador Pedro Taques e pelo vice Carlos Fávaro.

"Após um período de 'monopólio', vários frigoríficos ficaram com linhas de produção defasadas e, portanto, necessitam de investimento na modernização do parque de máquinas para reabrir as plantas. Para isso, o governo lançou mão do Programa de Desenvolvimento Industrial e Comercial de Mato Grosso (Prodeic), por meio do qual as empresas terão até 10 anos para pagar parte do ICMS que deverão”.

O presidente do Sindicato Rural de Cuiabá, Jorge Pires, destacou a importância dessas reuniões para reabertura das plantas. “É ruim ficar totalmente dependente de um grupo. Empresas que têm tradição e que são pequenas e médias encontram em Mato Grosso um mercado potencial. Então estamos satisfeitos de trazê-los aqui no governo”.

Participaram da reunião também o superintendente do Ministério da Agricultura, José Guareski, o secretário de Infraestrutura e Logística, Marcelo Duarte, o diretor administrativo do Instituto Mato-grossense da Carne (Imac), Gilberto Gomes da Silva.

Funcionamento

Para o funcionamento, a planta frigorífica precisa de licenças ambientais. O governador em exercício encaminhou os empresários para uma reunião com o secretário de Estado de Meio Ambiente, André Baby, para que os processos tenham agilidade. O secretário explica que o primeiro passo do empreendedor é retomar o licenciamento ambiental e a outorga do uso da água junto à Sema. “É importante destacar que a secretaria se empenhará para acompanhar o processo, oferecendo a celeridade devida que vai estar aliada à responsabilidade ambiental”.

MT Agora - Durcy Arévalo | Vice-governadoria

Mais Noticias

Concurso

Prova do concurso do Saae será realizada neste domingo (21)

Mudança

Desenvolvimento Humano tem novo diretor

Bolsa Família

Comissão quer intensificar ações do Bolsa Família em 2018

Carnaval 2018

Prefeito Luiz Binotti confirma que Lucas do Rio Verde terá carnaval popular

18/01/2018 -

Matrículas escolares da rede municipal de Lucas do Rio Verde começam dia 24

A Creche Girassol, que deve ser inaugurada até o fim deste mês no Parque das Araras, também iniciará as matriculas para o ano letivo

18/01/2018 -

Reunião em prol da FICO realizada na Assembleia define audiência em Lucas do Rio Verde

Para o prefeito Luiz Binotti o projeto é como um sonho que pode sair do papel depois de anos

18/01/2018 -

Reunião debate atendimentos às pessoas em situação de rua em 2017

Durante o encontro, também foram estudadas as ações planejadas para 2018

17/01/2018 -

Censo Agro 2017 em Lucas do Rio Verde segue até fevereiro

A coleta de dados para o Censo Agro 2017 é feita de forma digital

16/01/2018 -

Jean Machado deixa a Secretaria de Saúde em Lucas

Jean Machado apresentou um balanço das ações desenvolvidas pela Secretaria durante o ano em que esteve frente à pasta.

15/01/2018 -

Prefeitura de Lucas do Rio Verde recebe doação de madeira do Ibama

O material será utilizado na construção do Cetas e em outras obras do município

15/01/2018 -

Procon realiza mais de 5 mil atendimentos em 2017

A maioria das solicitações foi solucionada em atendimento preliminar

12/01/2018 -

Onça-parda é atropelada por veículo e morre durante o socorro em MT

Animal não resistiu e morreu enquanto era resgatada. A onça-parda adulta pode chegar aos 70 kg e medir mais de 1,5 metros.

12/01/2018 -

Nove municípios de MT atingidos por chuvas fortes são monitorados pela Defesa Civil

Municípios tiveram pontes destruídas, erosão e famílias desabrigadas. Entre as medidas adotadas, o órgão realiza o acompanhamento da previsão do tempo nas áreas atingidas.

12/01/2018 -

Ouvidoria realiza mais de 3 mil atendimentos em 2017

O meio mais utilizado pelos cidadãos foi o telefone gratuito 0800 646 4004

12/01/2018 -

Sindec aponta que 40% das denúncias dos consumidores em Lucas do Rio Verde envolvem assunto financeiros

Dos 20 assuntos mais demandados do Procon, a telefonia celular lidera com 21,29%

11/01/2018 -

Universitária é a ganhadora do Fiat Mob da campanha ‘Desejos de Natal’ da CDL e Acilve

Ela contou que durante o período de férias da faculdade estava na casa dos pais em Lucas do Rio Verde, e para “matar” o tempo preencheu mais de 300 cupons

11/01/2018 -

Concurso de Decoração Natalina premia 18 imóveis

Os vencedores do concurso terão isenção total do IPTU 2018

10/01/2018 -

Empresária morta em acidente será sepultada em Lucas; esposo é transferido para hospital em Sorriso

A família mora em Itanhangá mas são pioneiros de Lucas do Rio Verde

10/01/2018 -

Projeto habitacional Vida Nova entregará mais 350 casas em Lucas do Rio Verde

As inscrições ainda não começaram, não tem data para que as obras comecem

Disk Bem

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Tempo Agora