Saneamento Básico

No Brasil, 85 municípios cumprem todos requisitos de saneamento básico

Lucas do Rio Verde conseguiu 362,91, ganhando 100 pontos na Coleta de resíduos sólidos e 100 na Destinação adequada

18 de Junho de 2019 as 06h 27min

De acordo com a Abes, a ausência de saneamento adequado e a falta de higiene têm impactos negativos significativos à saúde da população - Imagens/TV Brasil

Todos os requisitos para ofertar à população um sistema de saneamento básico adequado são cumpridos por 85 municípios brasileiros, de acordo com o Ranking da Universalização do Saneamento, divulgado hoje (17) pela Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (Abes).

Os municípios foram avaliados quanto à oferta de serviços de abastecimento de água, coleta e tratamento de esgoto, coleta e destinação adequada de resíduos sólidos. Em cada uma das cinco categorias, as cidades receberam uma nota que vai até 100. Aqueles que tiveram um desempenho, com a soma das notas acima de 489, ocuparam o topo do ranking e foram classificados como municípios Rumo à Universalização.

Em Mato Grosso, a cidade de Rondonópolis quase conseguiu atingir a pontuação, ficando com 488,03 pontos, na sequencia Barra do Garças com 426,23. Lucas do Rio Verde conseguiu 362,91, ganhando 100 pontos na Coleta de resíduos sólidos e 100 na Destinação adequada.  Confira o Ranking completo – Clique Aqui.

Na outra ponta, na base do ranking, estão aqueles que obtiveram nota abaixo de 200 e foram classificados como Primeiros Passos para a Universalização. Ao todo, 251 dos municípios avaliados ficaram nessa faixa.

Há mais duas classificações intermediárias, a de Empenho para Universalização, com notas entre 200 e 449,99, que concentra a maioria dos municípios avaliados, 1.308; e a de Compromisso com a Universalização, com 224 municípios que obtiveram notas entre 450 e 489.

“O grande ganho do saneamento não está em si próprio, está na redução das doenças de veiculação hídrica. Esse é o grande ganho que os governantes têm que entender para poder promover mais obras, mais serviços de saneamento”, diz o presidente da Abes, Roberval Tavares de Souza.

Ao todo, participaram do estudo 1.868 municípios, que são os que possuem os dados necessários para serem ranqueados. Os demais 3,7 mil municípios brasileiros sequer possuem essas informações. Os dados divulgados nesta edição do ranking são referentes a 2017.

Pelo Plano Nacional de Saneamento Básico (PNSB), o Brasil tem até 2033 para universalizar o saneamento básico. “Saneamento é, dentro dos itens da infraestrutura, o item que tem a pior classificação. O saneamento não é tratado como prioridade na grande maioria dos municípios. Prioridade de Estado é palavra-chave para que a gente possa avançar nos indicadores de saneamento do país”, disse Souza.

Impactos
De acordo com a Abes, a ausência de saneamento adequado e a falta de higiene têm impactos negativos significativos à saúde da população. A ausência desse serviço é apontada pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), como responsável por aproximadamente 88% das mortes por diarreia, segunda maior causa de mortes em crianças de até 5 anos.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), 94% dos casos de diarreia no mundo são devidos à falta de acesso à água de qualidade e ao saneamento precário.

ranking mostra que melhorar esse sistema resulta também em melhorias na saúde. Da edição 2018 para a edição 2019, em todas as categorias houve uma melhora nas taxas médias de internações pelas chamadas doenças relacionadas ao saneamento ambiental inadequado (cólera, febre tifóide, infecções intestinais bacteriana, diarreia, entre outras).

As maiores variações ocorreram entre os municípios de grande porte classificados como Primeiros Passos para Universalização, onde houve uma redução de 30,35% nas internações; e entre os municípios de pequeno e médio porte classificados como Rumo à Universalização, que registraram uma diminuição de 23,68%.

Planos
O estudo mostra ainda que entre os municípios com pontuações mais altas, é também maior a porcentagem daqueles que possuem Plano Municipal de Saneamento Básico. Na categoria Rumo à Universalização, 69% dos municípios possuem plano. Na categoria Primeiros Passos para a Universalização, 37% têm o documento aprovado.

Os planos estão previstos na Lei 11.445/2007, que estabelece que o titular dos serviços de saneamento deverá formular a respectiva política pública de saneamento básico, devendo, para tanto, elaborar os planos de saneamento básico, que são estudos que contemplam o diagnóstico, os objetivos e as metas de universalização do saneamento, entre outros conteúdos.

O Decreto 9.254/2017 estabeleceu que, a partir de 2020, a existência de plano de saneamento básico será condição para o acesso aos recursos orçamentários da União ou aos recursos de financiamentos geridos ou administrados por órgão ou entidade da administração pública federal, quando destinados a serviços de saneamento básico.

Ranking 
O Ranking Abes da Universalização do Saneamento é um instrumento de avaliação do setor no Brasil. Ele apresenta o percentual da população das cidades brasileiras com acesso aos serviços de abastecimento de água, coleta de esgoto e de resíduos sólidos, além de aferir o quanto de esgoto recebe tratamento e se os resíduos sólidos recebem destinação adequada. Desse modo, permite identificar o quão próximo os municípios estão da universalização do saneamento.

ranking de 2019 reúne 1.868 municípios, representando 68% da população do país e mais de 33% dos municípios brasileiros que forneceram ao Sistema Nacional de Informações de Saneamento as informações para o cálculo de cada um dos cinco indicadores utilizados no estudo. As 27 capitais brasileiras estão presentes no ranking.

Das capitais, Curitiba está na categoria Rumo à Universalização, 9 capitais na categoria Compromisso com a Universalização, 16 na categoria Empenho para a Universalização e Porto Velho na categoria Primeiros Passos para a Universalização.


Fonte: Cenário MT

COMENTARIOS

Mais de Cidades

Treinamento

Sorriso terá aeronave de combate a incêndio para treinamento

Foi definida a destinação de R$ 2 milhões para a edificação do novo prédio, sendo R$ 1 milhão em recursos do Governo do Estado e R$ 1 milhão em recursos do Fundo Municipal de Reequipamento do Corpo de Bombeiros Militar (Funrebom).

19 de Julho de 2019 as 17h59

Nova Estrutura

Ari se reúne com Rota Oeste em Cuiabá para definirem a implantação de novas estruturas na prevenção de acidentes no perímetro urbano de Sorriso

Também foi discutida a possibilidade de implantar um acesso entre a BR 163 e a MT 242, em parceria com a Intervias

19 de Julho de 2019 as 17h58

Acidente

Carro é partido ao meio em acidente, pais morrem e adolescente fica ferido

Veículo da família invadiu a pista contrária, derrapou e acertou uma caminhonete. Adolescente, de 13 anos, está internado no Hospital Regional de Cáceres.

19 de Julho de 2019 as 17h55

Paz

Dia da Paz encerra ciclo de atividades da equipe de Saúde Rural na Escola São Cristóvão

Dez profissionais participaram das ações do Programa Saúde na Escola

19 de Julho de 2019 as 17h52

Cultura

Rota Urbana Eletro Acústico leva diversão e arte na tarde de domingo

Projeto da Secretaria de Cultura traz música, brinquedos e pintura na Rotatória do Paço

19 de Julho de 2019 as 17h51

Vagas de Emprego

Confira vagas de emprego para Lucas do Rio Verde nesta sexta-feira (19)

Os interessados podem procurar o Sine na Galeria Central de Serviços, localizada na Av. Paraná, nº 766 S, sala 06, Centro

19 de Julho de 2019 as 07h22

Podas de Árvores

Em reunião com o Poder Executivo, Energisa esclarece sobre o trabalho das podas de árvores que está sendo feito em Sorriso

Existem registros de casos, onde o fornecimento de energia foi interrompido na Prefeitura e até no Hospital Regional, devido galhos de árvores e palmeiras caídas em vias da cidade

18 de Julho de 2019 as 21h14

Licenciamento de Obras

Na Sema, representantes sorrisenses buscam informações sobre licenciamento para início das obras no Lago do Rota do Sol

A revitalização do local será feita por meio de parceria entre o Poder Executivo e a empresa que executou o loteamento da região

18 de Julho de 2019 as 21h13

Ponte Liberada

Ponte na MT 560 é liberada para o tráfego de veículos leves

A ponte foi totalmente interditada no dia 19 de junho, quando a equipe da Coordenadoria vistoriou o local e confirmou que não havia condições para o tráfego

18 de Julho de 2019 as 21h11

Ações Integradas

GGI cria grupo de trabalho para agir diretamente no combate à violência contra a mulher em Sorriso

Somente neste ano, foram registrados cinco casos de tentativa de homicídio contra mulheres, contra dois casos no ano passado

18 de Julho de 2019 as 21h09

Bombeiros do Futuro

14º edição do projeto Bombeiros do Futuro forma 100 alunos em Sorriso

As aulas tiveram início neste mês de abril e foram ministradas sempre aos sábados na Escola Municipal Vila Bela.

18 de Julho de 2019 as 21h06

Saúde

Prefeito Binotti e deputado Neri Geller anunciam recursos para a Saúde

O anúncio foi realizado junto aos secretários e servidores municipais, nesta quinta-feira (18)

18 de Julho de 2019 as 20h32

Dengue

Saúde reforça alerta para combater mosquito transmissor da dengue

Número de notificações aumentou mais de 200% no primeiro semestre

18 de Julho de 2019 as 20h30

Vagas de Emprego

Confira vagas de emprego para Lucas do Rio Verde nesta quinta-feira (18)

Os interessados podem procurar o Sine na Galeria Central de Serviços, localizada na Av. Paraná, nº 766 S, sala 06, Centro

18 de Julho de 2019 as 07h43

Incêndio

Incêndio em caminhão-tanque com combustível mata homem carbonizado em barracão de fazenda em MT

Um homem, que seria morador de Marcelândia, mas ainda não teve a identidade divulgada, morreu carbonizado. Não há informações se ele estava em um dos veículos ou se estava dentro do barracão atingido.

18 de Julho de 2019 as 07h36

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Enquete

veja +

COTAÇÃO