Escola Militar

Prefeito intermedia possível solução à Escola Militar de Lucas do Rio Verde

Duas possibilidades foram estudadas pelo Município, e apresentadas as autoridades estaduais

15 de Novembro de 2018 as 12h 09min

O Prefeito de Lucas do Rio Verde, Flori Luiz Binotti, acompanhou na tarde desta terça-feira (13) uma visita da Secretária de Estado de Educação, Esporte e Lazer (Seduc), Marioneide Kliemaschewsk, e sua equipe técnica, que avaliaram a estrutura da Escola Estadual Militar Tiradentes, Sd PM Adriana Morais Ramos, que atualmente está no prédio do antigo Instituto Padre João Peter.

Conforme a demanda constatada, a necessidade de mudança de local aumentou. Duas possibilidades foram estudadas pelo Município, e apresentadas as autoridades estaduais. Uma é encaminhar os estudantes para o prédio do Centro de Educação de Jovens e Adultos (Ceja) José de Alencar, e outra é um convênio com a Faculdade La Salle com a disponibilização de um bloco de salas de aulas, podendo aumentar de 170 para até 600 alunos na escola.

“Nós estamos hoje há três meses da inauguração da escola, e neste momento estamos aqui [na faculdade] conhecendo uma outra estrutura para verificar possibilidades, ainda não é um martelo batido, é uma análise, porque existe toda uma discussão que precisa ser feita com a equipe de transição do governo. Nós estaremos comunicando e discutindo com a comissão de transição, para então deliberarmos qual será o resultado final dessa visita. Conhecemos a real necessidade da Escola Tiradentes, conhecemos o Ceja, verificamos de perto qual a condição de cada um, a demanda que o município tem e agora é uma articulação que vai ocorrer entre o governo atual, a equipe de transição e a Prefeitura de Lucas do Rio Verde, para que então possamos deliberar quais os futuros encaminhamentos que teremos em relação a Escola Tiradentes do Município de Lucas do Rio Verde”.

O prefeito Binotti relembrou a luta que foi para que a gestão conseguisse implantar a escola no Município, e destacou que a visita da secretária se dá após um encontro dele à Seduc, o qual informou a necessidade de melhorar a estrutura da escola.

“Quero deixar claro que a principal vitória de Lucas do Rio Verde, foi trazer a Escola Militar, infelizmente as coisas não acontecem do dia para noite, e a escola ainda está em implantação. E tanto o prefeito como a secretária de Educação sempre lutaram para trazer a escola. Certas pessoas e vereadores dizendo que somos contra, é uma inverdade. Tem vereadores que não cumprem seu papel querem cumpri o papel de prefeito, é muito simples é só se candidatar, ganhar para prefeito e depois fazer o papel de prefeito”, disse.

O prefeito explicou ainda, que na visita a secretária em Cuiabá, cobrou o cumprimento dos convênios firmados com o Município, na construção de duas escolas.

“Cobrei da secretária Marioneide o cumprimento dos convênios, a retomada da obra da Escola Tarsila do Amaral e também de uma outra escola com 18 salas, sabemos que o Estado passa por dificuldades e vamos lutar para que as obras da escola sejam retomas. Já propomos aos Governo do Estado que essa escola possa talvez ser destina a Escola Militar. Então deixo claro que estamos trabalhando e estamos preocupados em dar uma boa estrutura aos nossos alunos”, disse Binotti.

Questionada pelo convênio, a secretária Marioneide, disse apenas “algumas tratativas estão sendo alinhadas e que todas as informações estão sendo repassadas e debatidas com as equipes de transição de governo”, disse.

O Diretor Administrativo, Paulo Renato Foletto, apresentou a estrutura da Faculdade La Salle, para a equipe da Seduc, o Diretor de Desenvolvimento Sustentável, Zeca Picollo, a secretária municipal de Educação, Cleusa de Marco, o diretor da Escola Militar, Cel Paulo Secchi, o Cel Fábio Mota, comandante do 13° BPM de Lucas do Rio Verde e o vereador Wagner Godoy.

Fonte: Ascom Prefeitura LRV

COMENTARIOS

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

COTAÇÃO