Gincana Ecociente

Prova Torta na Cara da Gincana Ecociente reúne alunos de nove escolas do município

Escolas municipais São Cristóvão e Eça de Queirós alcançaram maior pontuação na prova Torta na Cara

19 de Maio de 2014 as 11h 00min

Cerca de 600 alunos de nove escolas de Lucas do Rio Verde participaram no sábado (17) da primeira prova da Gincana Ecociente. A prova consistiu no jogo de perguntas e respostas “Torta na Cara”, valendo 10 mil pontos para o primeiro colocado.

A Gincana Ecociente desenvolverá diversas provas com a temática preservação do meio ambiente e reciclagem entre os meses de maio e setembro. Se consagrará campeã, a equipe com maior pontuação ao final da competição. A gincana contará com a participação alunos do 1º ao 9º ano do ensino fundamental.

De acordo com o secretário de Esporte e Lazer, Adão Brizolla, a prova Torta na Cara foi escolhida para fazer parte da gincana porque além de brincar, os participantes precisam ter conhecimentos gerais para responder as perguntas.

“A intenção é levar de forma educativa e alegre essa consciência ecológica e do meio em que vivemos para as crianças identificarem o que é certo e errado dentro do meio em que elas vivem”, ressaltou Brizolla.

Nesta primeira etapa, a escola da área rural da categoria A que conquistou maior pontuação foi a Escola Municipal São Cristóvão. A Escola Municipal Eça de Queirós conquistou o primeiro lugar nas categorias B e C que correspondem respectivamente à escola da área urbana de 1º a 5º ano e escola da área urbana de 6º ao 9º ano.

O assessor pedagógico da Secretaria de Educação, Valdir Moreira, pontuou que o Projeto Ecociente prevê o fortalecimento e desenvolvimento da educação ambiental nas escolas através da integração das comunidades escolares.

“Quando falamos em conscientização e educação, é com criança, se nós queremos mudar alguma coisa na nossa sociedade nós temos que partir da educação, pois as crianças são multiplicadoras dessas ações dentro da família”, afirmou Moreira.

Além desta prova, vão compor a gincana atividades de confecção de objetos com materiais recicláveis, confecção de objetos referentes à Copa do Mundo, elaboração de peças artísticas com material reciclável e elaboração de material audiovisual.

A grande final será uma atividade no Espaço Vida Nova, no Parque Cultural, envolvendo cerca de cinco mil alunos. Os estudantes também vão participar de provas surpresas durante o período de execução da gincana.

Fazem parte da organização da gincana o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae), Programa Vida Nova, secretarias municipais de Cidadania e Habitação, Cultura e Turismo, Educação, Esporte e Lazer e Meio Ambiente.

MT Agora - Assessoria

COMENTARIOS

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

COTAÇÃO