Cidades

Simulação de atendimento a vítimas de acidente chama atenção dos luverdenses

A ação faz parte do curso de atendimento a emergência pré-hospitalar aplicado a soldados do Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Guarda Municipal de Lucas do Rio Verde.

Simulação | 06 de Dezembro de 2018 as 16h 58min
Fonte: Expresso MT

Uma simulação ocorrida agora a tarde em parte da Avenida Mato Grosso chamou a atenção dos luverdenses. A ação faz parte do curso de atendimento a emergência pré-hospitalar aplicado a soldados do Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Guarda Municipal de Lucas do Rio Verde. Voluntários do Corpo de Bombeiros e do curso de enfermagem ajudaram na realização do simulado. Antes da ação, eles passaram por uma caracterização, 'recebendo' ferimentos nos braços, pernas e rosto.

O trecho da Avenida Mato Grosso entre as Avenidas Brasil e Mato Grosso do Sul foi isolado para a realização do trabalho. Três carcaças de veículos acidentados foram colocados no canteiro central para simular um acidente com nove vítimas, algumas com ferimentos graves.

Após a chegada dos agentes de segurança, que ocuparam três viaturas, um grande corre-corre se instalou na cena do acidente. Separados em grupos, os alunos do curso tiveram que se organizar e fazer a identificação da gravidade das vítimas, classificando em quatro níveis por cores: vermelho, verde, amarelo e preto, as que estão em óbito. "A partir dessa classificação os militares priorizam os atendimentos dos casos mais graves, que são as vítimas do quadro vermelho, e então fazem todo o procedimento curativo, o procedimento pré-hospitalar, pro encaminhamento até os cuidados hospitalares", explicou o tenente Gustavo Corrêa.

Durante o simulado, a população acompanhou à distância o desenvolvimento dos envolvidos. Algumas pessoas ficaram assustadas com a realidade do trabalho, já que os voluntários atuaram como se fossem vítimas, de fato, de acidente. "A gente nunca espera passar por isso, então nunca estamos preparados pra tal. Porém, é algo que dá pra se colocar no lugar da pessoa e a gente vê que é um grande simulado, mas que infelizmente pode acontecer", comentou Vanessa Santana, estudante de enfermagem.

Foram dois simulados, cada um com duração de cerca de 20 minutos, desde a identificação da gravidade dos ferimentos até a estabilização das vítimas e encaminhamento às viaturas. A avaliação do desempenho dos alunos foi positiva. "Realmente a gente foi bem surpreendido pela atividade deles, a gente colocou eles num sistema de estresse bastante alto e eles conseguiram êxito. Nosso objetivo foi alcançado", avaliou o instrutor do curso, sargento Izanildio.

"É um curso a nível internacional e foi muito bom para o município, porque é um atendimento que vai ser prestado a nossa população e a gente é parceiro do Corpo de Bombeiros, parceiro de todas as forças de segurança e quando precisar de treinamento pra auxílio e trazer mais benefício pra população, a gente vai estar auxiliando e trazendo cada vez mais coisas pro município", afirmou o secretário de Segurança e Trânsito, Alexandra Andrade, que acompanhou a simulação.

COMENTARIOS

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

TEMPO AGORA

Hoje, Sábado

Lucas do Rio Verde, MT

º

COTAÇÃO