Outubro Rosa

Sinal de câncer de mama é notado pela própria mulher em 66% das vezes

Dados são de pesquisa do Instituto Nacional de Câncer (Inca). Em 2016, Brasil deve ter 57.960 novos casos, segundo estimativa.

06 de Outubro de 2016 as 20h 41min

Uma pesquisa do Instituto Nacional de Câncer (Inca) divulgada nesta quinta-feira (6) aponta que, em 66,2% dos casos de câncer de mama, é a própria mulher quem detecta os primeiros sinais da doença.

O estudo foi feito pelo Núcleo de Pesquisa Epidemiológica da Divisão de Pesquisa Populacional do Inca, que entrevistou 405 mulheres que procuraram atendimento devido a câncer de mama pela primeira vez entre junho de 2013 e outubro de 2014 no Rio de Janeiro.

Os principais sinais notados por essas mulheres foram a presença de um caroço (citado por 89,6% das mulheres) dor na mama (20,9%), alterações na pele da mama (7,1%), alterações no mamilo (2,6%), saída de secreção do mamilo (5,6%) e alteração no formato da mama (3,7%).

Em 30,1% dos casos, a doença foi identificada por uma mamografia ou outro exame de imagem e, em 3,7% dos casos, um profissional de saúde detectou a suspeita.

O Inca e o Ministério da Saúde lançaram, nesta quinta-feira, uma campanha do Outubro Rosa, movimento de prevenção ao câncer de mama celebrado este mês, chamada "Câncer de mama: vamos falar sobre isso?". A ideia é divulgar a informação de que todas as mulheres de 50 a 69 anos façam a mamografia a cada dois anos.

Câncer mais comum entre mulheres
O câncer de mama é o tipo de câncer mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil. Segundo estimativa do Inca, o Brasil deve ter 57.960 novos casos de câncer de mama em 2016. O câncer de mama também pode atingir homens, mas apenas 1% dos casos da doença correspondem a eles.

Em 2013, último ano com dados disponíveis, 14.388 pessoas morreram de câncer de mama no Brasil, sendo 14.206 mulheres e 181 homens.

Diagnóstico
A realização anual da mamografia para mulheres a partir de 40 anos é importante para que o câncer seja diagnosticado precocemente.

O autoexame é muito importante para que a mulher conheça bem o seu corpo e perceba com facilidade qualquer alteração nas mamas e assim procure rapidamente um médico. Vale lembrar que o autoexame não substitui exames como mamografia, ultrassom, ressonância magnética e biopsia, que podem definir o tipo de câncer e a localização dele.

Tratamento
O câncer de mama tem pelo menos quatro tipos mais comuns e alguns outros mais raros. Por isso, o tratamento não deve ser padrão. Cada tipo de tumor tem um tratamento específico, prescrito pelo médico oncologista. Entre os tratamentos estão a quimioterapia e radioterapia, a terapia alvo e a imunoterapia.

Arte Bem estar Mamografia (Foto: Arte/G1)
 

MT Agora - G1

COMENTARIOS

Mais de Ciência e Saúde

Estimativa

Cegueira afeta 39 milhões de pessoas no mundo; conheça suas principais causas

No Brasil, estimativa é de que 1.577.016 de indivíduos sejam cegos, o equivalente a 0,75% da população nacional.

16 de Junho de 2019 as 16h09

Exames Laboratoriais

Laboratório Municipal tem novo ponto de coleta no PSF XIII

A unidade irá atender pacientes do PSFs X (Cerrado), XII (Veneza), XIII (Parque das Américas) e XV (Jaime Seiti Fujii)

12 de Junho de 2019 as 21h01

Licitação

Consórcio de Saúde abre licitação para o credenciamento de empresas especializadas na área de Medicina Hiperbárica

Os documentos devem ser entregues de 12 a 27 de junho. O resultado será divulgado no dia 28 de junho.

11 de Junho de 2019 as 17h00

Copa América

Brasil preparado para atuar em situações de saúde na Copa América

Todos os jogos serão monitorados por profissionais do SUS nas cinco cidades-sede do torneio. Serão avaliadas eventuais situações de risco, demandas de saúde e respostas a emergências

10 de Junho de 2019 as 22h01

Imunização

Instituto Butantã alerta sobre importância das vacinas

Palestras mostram eficácia de vacinas no combate a doenças infecciosas

09 de Junho de 2019 as 17h52

Tecnologia Na Medicina

Nanocápsulas ativadas por calor podem ajudar no tratamento do câncer

O método envolve o transporte de medicamentos antitumor por meio de cápsulas em escala nanométrica, feitas com membranas de células cancerosas.

09 de Junho de 2019 as 17h32

Teste Do Pezinho

Ministério da Saúde reforça a importância do Teste do Pezinho entre o 3º e 5º dia de vida

Em cinco anos, mais de 17 mil recém-nascidos foram diagnosticados com alguma das doenças detectáveis pelo Teste do Pezinho, oferecido pelo SUS. Hipotireoidismo congênito e a doença falciforme respondem por 77% dos casos.

07 de Junho de 2019 as 23h22

Hospital São Lucas

Governo efetua pagamento de mais R$ 1 milhão para UTI de Lucas do Rio Verde

Aplicação de recurso tem por objetivo a melhora do acesso ao atendimento, em benefício ao usuário do SUS em Mato Grosso.

06 de Junho de 2019 as 00h05

Imunização

Vacinação contra gripe é estendida para toda população

A partir desta segunda, toda a população pode se vacinar contra a gripe. Público prioritário teve mais de 50 dias para se vacinar com exclusividade.

03 de Junho de 2019 as 21h55

ProUni

Instituições superiores têm até 20 de maio para aderir ao ProUni

O prazo vale para novas adesões e aditamentos

13 de Maio de 2019 as 20h46

Enem

Inep lança conteúdo em Libras referente ao Enem 2019

Também será veiculada campanha de comunicação em Libras nas redes sociais. Os vídeos vão destacar as principais informações e datas do exame, que será aplicado nos dias 3 e 10 de novembro

13 de Maio de 2019 as 20h42

Saúde

Hipertensão afeta um a cada quatro adultos no Brasil

No Dia Nacional de Combate à Hipertensão, Ministério da Saúde alerta que 34 pessoas morrem por hora de doenças cardiovasculares no país. Pressão alta é o principal fator de risco

27 de Abril de 2019 as 21h16

Ação Integrada

Hospitais Federais ampliam em 32% consultas na emergência

Balanço dos primeiros três meses da Ação Integrada de Apoio à Gestão dos hospitais federais foi apresentado pelos ministros da Secretaria-Geral da Presidência e Saúde

27 de Abril de 2019 as 21h03

Imunização

Semana ''Saúde na Escola'' aborda importância da vacinação

Ações envolverão estudantes, professores e funcionários para alertar sobre a necessidade de manter a caderneta de vacinação atualizada.

08 de Abril de 2019 as 22h33

Saúde

Três em cada cem mortes no país podem ter influência do sedentarismo

Praticar esportes é fundamental para o corpo e para a mente e ajuda a prevenir doenças como diabetes e hipertensão. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o sedentarismo é considerado o quarto maior fator de risco de mortes no mundo

08 de Abril de 2019 as 09h35

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Enquete

Você faz uso do sistema Público de Saúde?

Sim

Não – Eu tenho Plano de saúde

Parcial
veja +

COTAÇÃO