Artigo

Artigo: Projeto de futuro

O mundo mudou e vai descentralizar a produção e a verticalização dos alimentos nesses próximos anos

05 de Outubro de 2017 as 22h 11min

Em 1976, quando cheguei a Mato Grosso os mato-grossenses viviam um sonho histórico de futuro. Uma crença quase utópica para a época. Brasília trouxera uma forte esperança a partir de 1960.

A ocupação da Amazônia a partir de 1973 no projeto do governo militar de “integrar pra não entregar”, reforçava as esperanças.

Jovens que antes estudavam em universidades do Rio de Janeiro e voltavam pra trabalhar no estado, traziam ideias velhas de uma velha corte carioca.

Os novos técnicos formados na UnB em Brasília traziam percepções novas. O sonho de futuro ficou cada vez mais forte a partir de então.

Em 1975, o ministro da Agricultura, Alysson Paulinelli, propôs dentro do planejamento nacional a ocupação de 1 milhão de hectares de cerrado à nova agricultura brasileira, concentrada no Sul e no Sudeste.

Criou-se um fantástico programa financiado pelo governo federal com financiamentos, assistência técnica e amplo apoio político. Chamou-se Polocentro – Programa de Desenvolvimento dos Cerrados. Vigorou entre 1975 e 1984.

Através dele, o cerrado deixou de ser inútil à agricultura e polarizou a produção nacional nos dias de hoje.

No caso de Mato Grosso, agrega-se a separação de Mato Grosso do Sul que permitiu a concentração dos recursos federais, aplicados em Mato Grosso.

O ano de 2017 colheu mais de 52 milhões de toneladas de grãos onde há 40 anos nada se colhia.

Tudo o que houve ao longo desse período histórico entre 1975 e 2017, gerou riqueza, novas cidades, novas rodovias, novas tecnologias e uma mentalidade empreendedora e outras empresariais antes inexistentes.

Pronto. Chegamos ao ponto central desse artigo.

Do Polocentro pra frente, o Estado cresceu com pouquíssimo planejamento. Pro futuro, os desdobramentos vão se multiplicar muito mais do que o desenvolvimento alcançado até aqui.

Considerando como o mundo mudou, não será mais possível que os próximos saltos sejam conduzidos por obra mais do acaso do que pelos pobres planos de governo e das entidades privadas.

O mundo mudou e vai descentralizar a produção e a verticalização dos alimentos nesses próximos anos.

Por isso, em Mato Grosso há tudo por planejar: a industrialização, a educação, as inovações, as tecnologias, a visão empreendedora, o caráter comercial e mercadológico do estado, a preparação de recursos humanos adequados, a eficiência do Estado, a desburocratização etc.etc. etc.

Ano que vem, tem eleições. Lamentável se assistirmos aos velhíssimos discursos eleitorais genéricos e idiotizados.

A oportunidade tanto gera vida como mata sonhos. Planejar, planejar, planejar. E ainda será pouco!


MT Agora - Onofre Ribeiro

COMENTARIOS

Mais de Coluna

Artigo

Foro Privilegiado de mãe

Que os nossos filhos consigam entender nossas ausências e o nosso trabalho

12 de Maio de 2019 as 11h14

Artigo

"Eu fui perseguida desde o dia do registro da minha candidatura"

Senadora do PSL questiona voto de relator, diz que processo tem nulidades e que será absolvida no TSE

06 de Maio de 2019 as 10h16

Entrevista

A reforma trabalhista reduziu as "aventuras jurídicas", diz juíza

A juíza Dayna Lannes Andrade apontou os pontos positivos e negativos da reforma, em vigor há um ano

01 de Maio de 2019 as 10h55

Artigo

O gosto do seu cliente

Não parametrize seu cliente através dos seus gostos ou preferências

23 de Abril de 2019 as 21h59

Artigo

O povo deveria julgar os acusados de crimes de corrupção

É uma forma democrática de reforço à participação popular no exercício do poder jurisdicional do Estado

23 de Abril de 2019 as 21h56

Artigo

O povo deveria julgar os acusados de crimes de corrupção

É uma forma democrática de reforço à participação popular no exercício do poder jurisdicional do Estado

23 de Abril de 2019 as 21h56

Artigo

Direito à liberdade de expressão nas redes sociais: quais os limites?

Direito Digital, Civil e Penal

11 de Abril de 2019 as 14h04

Artigo

O agronegócio e as recuperações judiciais

A agro é setor que mais apresentou pedidos de recuperação judicial

04 de Abril de 2019 as 09h51

Artigo

Lei Kandir e Funrual, o futuro do agro brasileiro

É preciso refletir sobre o efeito colateral das iminentes mudanças

04 de Abril de 2019 as 09h50

Artigo

Por que o INSS nega tantos benefícios?

Quais são seus direitos e as possíveis soluções?

29 de Março de 2019 as 17h10

Artigo

Redução de impostos em medicamentos

O Carf julgou o recurso de um hospital do Distrito Federal, que pedia o direito à reduzir o valor a ser pago do Pis e Cofins

29 de Março de 2019 as 09h20

Artigo

Propósito de vida

Mudanças são necessárias, mas não devem envolver pesar ou sofrimento

24 de Março de 2019 as 10h28

Artigo

Depressão e sexualidade

A saúde mental e física andam sempre juntas e não podem serem separadas

24 de Março de 2019 as 10h27

Artigo

Embriaguez, seguro e indenização

Embriaguez pode afastar a obrigação de indenização pelo sinistro

24 de Março de 2019 as 10h25

Artigo

A síndrome do sabichão

Enquanto você continuar se achando o

24 de Março de 2019 as 10h22

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Enquete

veja +

COTAÇÃO