Coluna

Artigo: Como auxiliar os jovens

As mídias sociais, filmes e tudo que acontece ao redor exercem influência sobre os jovens, e faz com que eles se cobrem mais

Artigo | 27 de Junho de 2017 as 20h 11min
MT Agora - Fábio Rodrigues Corrêa

A adolescência é um período repleto de desafios e agitação na vida, mesmo sob as circunstâncias mais favoráveis. Na puberdade, os novos sentimentos e sensações afloram, ganhando tonalidades sempre vivas. Porém, nem tudo são flores neste lindo universo de descobrimento, os jovens sofrem muitas pressões diariamente sejam vindas dos pais, familiares, professores, colegas e mesmo vindas de si mesmo.

As mídias sociais, filmes e tudo que acontece ao redor exercem influência sobre os jovens, e faz com que eles se cobrem mais e mais. A adolescência, de acordo com um relatório da ONU, é “um período de transição normalmente caracterizado pelo estresse e ansiedade”. Infelizmente, os jovens nem sempre têm experiência e traquejo para lidar com o estresse e a ansiedade de maneira positiva, assim como muitos adultos também não tem.

A orientação profissional é necessária para que tanto o adolescente, quando à família possam passar por este momento tão especial da vida, de forma tranquila e adotando comportamentos assertivos.

O atendimento psicológico para os jovens e adolescentes, entra como forma de auxiliar a transpor barreiras emocionais e principalmente, encontrar soluções para que esta fase seja lembrada de forma especial.

As cobranças, seja por melhor desempenho na escola, pela escolha de uma roupa ou mesmo como se portar na vida cotidiana, são extremamente comuns, mas para os jovens esse fato tem um peso diferenciado e em dados momentos, um peso ainda maior. Eles querem se espelhar em alguém, e mesmo sem haver pressão externa se cobram, e esse problema não pode ser resolvido muitas vezes no diálogo dentro de casa.

Neste momento que surge a necessidade da terapia, pois o profissional saberá, por meio de diálogo e outras técnicas, entender o que acontece na mente do jovem, e irá traçar estratégias para que ele se torne mais seguro e assim, a vida será mais fácil, mesmo tendo obstáculos.

Em via de regra a solução não é a mesma para todos os casos, mas a terapia também indicará o melhor caminho a seguir. Se conhecer, entender mais sobre os próprios sentimentos e peculiaridades que vão dentro de si é a melhor forma para viver, e isso vale para todas as idades!

Fábio Rodrigues Corrêa é psicólogo Clínico e Organizacional, atua no atendimento clínico com base em Terapia Cognitiva Comportamental, junto a pessoas e organizações que visam qualidade de vida e saúde mental dos seus colaboradores.

COMENTARIOS

Disk Bem

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

TEMPO AGORA

Hoje, Segunda Feira

Lucas do Rio Verde, MT

º

COTAÇÃO