FMI reduz previsão de alta para o PIB do Brasil em 2017 para 0,2%

Projeção para queda em 2016 foi ampliada para 3,5%. Último relatório, de outubro, havia mantido as estimativas. Para 2018, é prevista alta de 1,5%.

17/01/2017 - 03:02:56

   

O Fundo Monetário Internacional (FMI) está mais pessimista em suas previsões a respeito do desempenho da economia brasileira em 2016 e em 2017. Em relatório divulgado nesta segunda-feira (16), o fundo ampliou a previsão de queda do Produto Interno Bruto (PIB) do ano passado de 3,3% para 3,5% e reduziu a projeção de alta em 2017, de 0,5% para 0,2%. Para 2018, o FMI projeta um crescimento de 1,5%.

Na última estimativa apresentada em outubro, o FMI havia mantido as projeções, depois de ter melhorado pela primeira vez – após cinco revisões para baixo – sua projeção para o PIB de 2016. O número fechado do ano anterior será anunciado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em março.

Em janeiro, o Banco Mundial (Bird) também prevê que a economia brasileira crescerá 0,5% em 2017, mesma projeção feita por economistas do mercado financeiro ouvidos pelo Banco Central nesta segunda-feira. Em novembro do ano passado, o governo estimou que o PIB do país crescerá 1% este ano.

Para o FMI, os países da América Latina e Caribe devem "encolher" 0,7% em 2016 – uma piora de 0,1 ponto percentual em relação à última previsão. Em 2017, a previsão de alta de 1,6% foi reduzida para 1,2%.

"Na América Latina, o declínio do crescimento reflete, em grande medida, as expectativas da recuperação de curto prazo na Argentina e no Brasil, depois de um crescimento mais fraco do que o esperado no segundo semestre de 2016 e à maior resistência à incerteza no México e à deterioração contínua na Venezuela", diz o FMI, em nota.

O FMI manteve a projeção de crescimento da economia mundial em 2016. O órgão prevê que o mundo vai crescer 3,1% neste ano, a mesma de outubro. Para 2017, a estimativa ficou igual: avanço de 3,4%. Para 2018, o FMI acredita que a economia deverá avançar mais do que nos anos anteriores: 3,6%.

Para as economias avançadas, o FMI prevê que o crescimento será de 1,6% em 2016, 1,9%, em 2017 e 2%, em 2018.

No caso dos EUA, a maior economia do mundo, o relatório manteve o avanço de 1,6%, previsto para 2016 em outubro e aumentou a projeção para 2017, de 2,2% para 2,3%. Para 2018, está ainda mais otimista, já que prevê uma expansão de 2,5%.

"Se um aumento de demanda impulsionada pelo lado fiscal colidir com restrições de capacidade mais rígidas, será necessário um caminho mais acentuado para a taxa de juros para conter a inflação, o dólar vai se valorizar fortemente, o crescimento real será menor, a pressão orçamentária aumentará e o déficit em conta corrente dos EUA se ampliará", disse o economista-chefe do FMI, Maurice Obstfeld, em comunicado.

Na zona do euro, o crescimento foi mantido em 1,7% para 2016. Para 2017, melhorou de 1,5% para 1,6% - a mesma taxa de 2018. O Reino Unido, por sua vez, deverá crescer mais do que o previsto em outubro: de 1,8% para 2%, e de 1,1% em 2017 para 1,5%. Em 2018, o aumento estimado pe de 1,4%.

MT Agora - G1

Mais Noticias

RenovaBio

RenovaBio representa avanço para setor de biocombustíveis de MT

Tarifa Branca

Saiba as vantagens e riscos de aderir à tarifa branca de energia

Restituição de Imposto de Renda

Receita abre consulta a lotes residuais do Imposto de Renda de 2008 a 2017

eSocial para Empresas

Primeira fase de implantação do eSocial para empresas começa hoje

02/01/2018 -

Preços da gasolina e do diesel terão a primeira variação de 2018 nesta quarta-feira (03)

O preço final ao consumidor, nas bombas, dependerá de cada empresa revendedora e dos próprios postos de combustíveis.

02/01/2018 -

Salário mínimo, tarifa branca, nova idade para sacar PIS/Pasep: veja o que muda em 2018 e pode afetar seu bolso

Novas leis alteram valores de benefícios e contribuições, além de mudar regras para microempreendedores e empresas. Veja lista do G1.

13/12/2017 -

Número de consumidores inadimplentes em MT cresceu 1,61% em novembro, segundo pesquisa

Os dados são do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL).

29/11/2017 -

Confira as vagas de emprego do Sine de Lucas do Rio Verde

Para saber mais detalhes, os interessados devem procurar a unidade de atendimento do Sine na Galeria Central de Serviços, localizada na Av. Paraná, n. 766 S, sala 06, Centro.

28/11/2017 -

Governo de MT prorroga isenção de ICMS para taxistas até 2019

A medida beneficia cerca de mil contribuintes que atuam somente como taxistas profissionais autônomos, incluindo também os Microempreendedores Individuais (MEIs).

28/11/2017 -

Comércio de Sorriso atenderá em horário especial no mês de dezembro

A partir do dia 26 de dezembro o horário de atendimento voltará ao normal.

28/11/2017 -

Aneel anuncia bandeira tarifária vermelha 1 em dezembro com valor de R$ 3 a cada 100 kWh

Em novembro, devido à estiagem, agência havia elevado custo da energia para vermelho 2, o mais alto da escala. Aneel explicou que melhora nos níveis de reservatórios permitiu redução da tarifa.

28/11/2017 -

Sicredi inova e lança a própria máquina de cartões

Instituição financeira cooperativa entra no mercado de adquirências e oferece aos seus associados pessoas jurídicas e profissionais autônomos mais um produto, e o melhor, com preços competitivos

27/11/2017 -

Confira as vagas de emprego do Sine de Lucas do Rio Verde para essa segunda-feira

O horário de atendimento é das 7h às 13h.

23/11/2017 -

Empresas e indústrias em Lucas do Rio Verde criam mais de 100 novas vagas de trabalho

O saldo positivo foi divulgado esta semana pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho.

22/11/2017 -

Sorriso termina mês demitindo mais funcionários, aponta Caged

Em outubro, conforme o levantamento, foram registradas 1.216 contratações e 1.227 demissões no município, resultando no fechamento de 11 vagas formais

22/11/2017 -

Excelência conquista maior prêmio concedido pela ASMAT

A Excelência Carnes Suínas, localizada em Nova Mutum-MT figura por tanto entre os maiores fornecedores de Mato Grosso o que eleva também a região do Centro Norte do estado no panorama das agroindústrias.

20/11/2017 -

No melhor mês de outubro em 4 anos, Brasil cria 76 mil vagas formais de trabalho

Foi o sétimo mês seguido em que as contratações com carteira assinada superaram as demissões no país. Resultado de outubro também foi o melhor de 2017.

20/11/2017 -

Mais de 55% do total de desempregados em MT são pretos e pardos, diz IBGE

Ao todo, o estado tem 160 mil pessoas sem emprego. Para os especialistas, os números apontam o preconceito intrínseco na sociedade.

16/11/2017 -

Petrobras reduz gasolina em 3,8%, maior queda desde o início de julho

Redução ocorre em meio à queda nos preços internacionais.

Disk Bem

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Tempo Agora