Governo de MT prorroga isenção de ICMS para taxistas até 2019

A medida beneficia cerca de mil contribuintes que atuam somente como taxistas profissionais autônomos, incluindo também os Microempreendedores Individuais (MEIs).

28/11/2017 - 19:00:58

   

O Governo de Mato Grosso prorrogou até abril de 2019 a isenção do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) concedida na aquisição de veículos novos, para utilização como táxi. A medida beneficia cerca de mil contribuintes que atuam somente como taxistas profissionais autônomos, incluindo também os Microempreendedores Individuais (MEIs).

O benefício consta no Decreto 1.275 divulgado no Diário Oficial que circulou na última quarta-feira (21), sendo retroativo a 26 de outubro. De acordo com o texto, a isenção do imposto terá vigência para vendas internas e interestaduais efetuadas pelos estabelecimentos fabricantes ou por seus revendedores autorizados.

Para usufruir da isenção, é necessário que o taxista exerça, há pelo menos um ano, a atividade de condutor autônomo de automóvel de passageiros, na categoria de táxi, e compre um veículo equipado com motor de cilindrada não superior a dois mil centímetros cúbicos.

Outra condicionante é não ter adquirido, nos últimos dois anos, veículo com isenção ou redução da base de cálculo do ICMS, outorgada à categoria.

Além disso, para adquirir um automóvel utilizando o benefício, o profissional deve apresentar documento que comprove a licença para o exercício da atividade de táxi e a autorização expedida pela Receita Federal concedendo isenção do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI).

A prorrogação da isenção atende deliberação do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz), que prorrogou a validade do benefício, por meio do Convênio ICMS 127/2017, durante reunião ordinária ocorrida no mês de setembro. O prazo final de vigência do Convênio era 31 de outubro.

IPVA

Outra isenção concedida a profissionais que atuam como taxistas é referente ao Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). O benefício é restrito a um veículo por proprietário, podendo ser novo ou usado, e fica vigente durante o período em que o taxista permanecer na atividade.

Para requer a isenção, o profissional deve apresentar documento comprobatório, fornecido pelo órgão municipal competente, de que exerce a atividade taxista. Além disso, é necessário apresentar cópia do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) do exercício anterior, do Certificado de Registro de Veículo e dos documentos pessoais.

A solicitação deve ser efetuada à Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz), por meio do Sistema Integrado de Protocolização e Fluxo de Documentos Eletrônicos (E-process), até o último dia estabelecido para registro ou licenciamento do veículo.

O benefício é amparado pela Lei nº 7.301/2000, que institui o imposto, e também pela Portaria 100/2001 da Secretaria de Fazenda de Mato Grosso, que disciplina o reconhecimento de isenção.

MT Agora - Sefaz-MT

Mais Noticias

Nova Lei

41 mil sacaram FGTS em demissão por acordo

Dados

IBGE: ricos receberam 36 vezes acima do que ganharam os pobres em 2017

Sicredi Ouro Verde MT

Sicredi Ouro Verde encerra rodada de assembleias e destina R$94 mi de resultado

Operação De Compra

Marfrig anuncia compra do controle de processadora de carne bovina nos EUA por US$ 969 milhões

09/04/2018 -

Dólar sobe e fecha a R$ 3,41, maior valor desde dezembro de 2016

Moeda dos EUA avançou com incerteza política e temores de uma piora na guerra comercial entre Estados Unidos e China.

09/04/2018 -

Pagamento do IPVA com desconto de 5% termina nesta terça (10)

O não pagamento gera multa e juros, além do risco de o veículo ser apreendido.

05/04/2018 -

Precisando de emprego? Confira as vagas do Sine de Lucas do Rio Verde

Os interessados devem procurar a unidade de atendimento do Sine na Galeria Central de Serviços, localizada na Av. Paraná, n. 766 S, sala 06, Centro.

26/02/2018 -

Imposto de Renda 2018: Receita libera nesta segunda programa

Contribuintes, porém, só poderão enviar a declaração a partir do dia 1º de março, quando começa a temporada oficial do Imposto de Renda 2018.

07/02/2018 -

Carnaval não é feriado e faltas podem ser descontadas

Ponto está liberado apenas para quem trabalha em Estados ou municípios onde foi decretada lei para isso

12/01/2018 -

RenovaBio representa avanço para setor de biocombustíveis de MT

A lei passa a ser um marco histórico do setor de biocombustíveis, pois da previsibilidade aos investimentos de forma sustentável.

08/01/2018 -

Saiba as vantagens e riscos de aderir à tarifa branca de energia

Consumidor deve avaliar se vale a pena aderir à tarifa branca de energia

08/01/2018 -

Receita abre consulta a lotes residuais do Imposto de Renda de 2008 a 2017

As restituições terão correção de 6,73%, para o lote de 2017, a 101,02% para o lote de 2008

08/01/2018 -

Primeira fase de implantação do eSocial para empresas começa hoje

eSocial abrange 14,4 mil empresas, que faturaram mais de R$ 78 milhões em 2016 ou que aderiram voluntariamente. Elas empregam 15 milhões de trabalhadores

02/01/2018 -

Preços da gasolina e do diesel terão a primeira variação de 2018 nesta quarta-feira (03)

O preço final ao consumidor, nas bombas, dependerá de cada empresa revendedora e dos próprios postos de combustíveis.

02/01/2018 -

Salário mínimo, tarifa branca, nova idade para sacar PIS/Pasep: veja o que muda em 2018 e pode afetar seu bolso

Novas leis alteram valores de benefícios e contribuições, além de mudar regras para microempreendedores e empresas. Veja lista do G1.

13/12/2017 -

Número de consumidores inadimplentes em MT cresceu 1,61% em novembro, segundo pesquisa

Os dados são do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL).

29/11/2017 -

Confira as vagas de emprego do Sine de Lucas do Rio Verde

Para saber mais detalhes, os interessados devem procurar a unidade de atendimento do Sine na Galeria Central de Serviços, localizada na Av. Paraná, n. 766 S, sala 06, Centro.

28/11/2017 -

Comércio de Sorriso atenderá em horário especial no mês de dezembro

A partir do dia 26 de dezembro o horário de atendimento voltará ao normal.

28/11/2017 -

Aneel anuncia bandeira tarifária vermelha 1 em dezembro com valor de R$ 3 a cada 100 kWh

Em novembro, devido à estiagem, agência havia elevado custo da energia para vermelho 2, o mais alto da escala. Aneel explicou que melhora nos níveis de reservatórios permitiu redução da tarifa.

Disk Bem

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Tempo Agora