Economia

Governo anuncia que acionará mais térmicas para preservar reservatórios de hidrelétricas

Comitê que reúne autoridades do setor elétrico também sugeriu a importação de energia do Uruguai e da Argentina. Nível de reservatórios está baixo devido às chuvas abaixo da média.

Setor Elétrico | 09 de Fevereiro de 2019 as 00h 30min
Fonte: Laís Lis | G1

O Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE) decidiu nesta sexta-feira (8) elevar o número de termelétricas acionadas no país como medida para preservar reservatórios das usinas hidrelétricas que estão com nível de armazenamento baixo devido à falta de chuva.

Em nota, o comitê informou que serão acionadas, a partir deste sábado (9), usinas termelétricas dos subsistemas Sudeste, Centro-Oeste e Sul que tenham custo de geração de até R$ 588,75 por MegaWatts-hora (MWh).

O documento diz ainda que a medida tem como objetivo preservar os reservatórios das usinas hidrelétricas, tendo em vista "as previsões meteorológicas para os próximos dias". Nos últimos dias o volume de chuvas tem sido abaixo da média histórica.

Ainda de acordo com a nota, o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) "deve considerar a oferta de importação de energia do Uruguai e Argentina como recurso adicional" para preservar os reservatórios brasileiros.

Apesar das medidas, o comitê informou que o suprimento de energia para 2019 está garantido e que "há recursos energéticos disponíveis, inclusive além dos montantes já despachados de usinas termelétricas".

As usinas termelétricas usam combustível, como óleo e gás, para gerar energia. Por isso o governo pode acioná-las para substitui parte da geração hidrelétrica e, com isso, poupar água dos reservatórios.

O problema é que, por conta do uso do combustível, a energia gerada pelas termelétricas é mais cara e o acionamento delas tem impacto direto na conta de luz.

O aumento desse tipo de geração pode disparar o sistema de bandeiras tarifárias. Em fevereiro, está vigorando a bandeira tarifária verde, que não tem nenhum custo extra na conta de luz. Com o aumento do uso de térmicas, porém, a bandeira pode ficar amarela ou vermelha, levando à cobrança de taxa extra na conta de luz.

COMENTARIOS

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

COTAÇÃO