Reforma Da Previdência

Reforma da Previdência deve estabilizar dívida pública em 2023

A estimativa foi divulgada pela IFI, órgão vinculado ao Senado

27 de Abril de 2019 as 21h 32min

Principal medida do governo para reequilibrar as contas públicas, a reforma da Previdência deve estabilizar a dívida bruta do Governo Geral a partir de 2023. A projeção consta de estudo divulgado esta semana pela Instituição Fiscal Independente (IFI), órgão auxiliar do Senado.

Segundo a edição mais recente do Relatório de Acompanhamento Fiscal, dedicada aos efeitos da reforma da Previdência, o Governo Central – Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central – só voltará a registrar superávit primário em 2023. Definido como economia para o pagamento dos juros da dívida pública, o superávit primário representa o principal instrumento para segurar o endividamento do governo.

De acordo com o estudo, mesmo com a aprovação da reforma, o Governo Central registrará déficits primários de 1,4% do Produto Interno Bruto (PIB, soma dos bens e serviços produzidos) em 2020, 0,9% em 2021 e 0,4% em 2022. No ano seguinte, o país voltaria a registrar superávit primário de 0,1% do PIB. O resultado positivo subiria gradualmente até chegar a 2,8% do PIB em 2030.

Em relação à dívida bruta do Governo Geral, o estudo prevê que ela subirá de 77,8% do PIB em 2019, para 79,72% em 2020; 81,03% em 2021; e 82,14% em 2022. O relatório não forneceu as projeções para os anos seguintes, apenas informou que ela se estabilizará entre 82% e 83% em 2023, começando a declinar nos anos seguintes.

Divergências

As estimativas de crescimento econômico da IFI são mais conservadoras que as do governo. O órgão consultivo do Senado projeta expansão de 2,4% para o PIB em 2020, 2,3% em 2021 e 2% em 2022. O projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2020 prevê crescimento de 2,7% no próximo ano, 2,6% em 2021 e 2,5% em 2022.

As projeções da IFI foram divulgadas antes de a equipe econômica liberar os dados atualizados de economia com a proposta atual de reforma da Previdência. O órgão calculou que o texto atualmente em vigor resultará em economia de R$ 670,9 bilhões de 2020 a 2029 apenas na Previdência dos trabalhadores da iniciativa privada e das estatais. Com as mudanças no abono salarial e no Benefício de Prestação Continuada (BPC), haverá economia adicional de R$ 178,9 bilhões. As estimativas para a Previdência dos servidores federais não foram divulgadas.

Os dados divulgados pelo Ministério da Economia na última quinta-feira (25) apontaram economia de R$ 807,9 bilhões no mesmo período apenas com a Previdência Social. Ao incluir as mudanças na Previdência dos servidores federais, no Benefício de Prestação Continuada (BPC) e na restrição do abono salarial a quem ganha apenas um salário mínimo, a estimativa aumenta para R$ 1,236 trilhão.

Caso as estimativas do governo se confirmem, a dívida pública poderia estabilizar-se mais rapidamente. O Ministério da Economia, no entanto, não divulgou o impacto da reforma da Previdência sobre o endividamento federal. Por meio da rede social Twitter, a IFI comemorou a decisão do governo de abrir os dados sobre a reforma da Previdência e elogiou a construção do modelo de cálculos, mas pediu  informações adicionais sobre a razão de as estimativas do governo serem superiores às do órgão.

Criada em dezembro de 2016 por resolução do Senado Federal, a Instituição Fiscal Independente produz relatórios, notas técnicas, banco de dados e projeções econômicas que são levadas em conta pelos parlamentares na análise de projetos de lei e de medidas do governo. O órgão pode agir tanto por iniciativa própria como quanto por demandas específicas de senadores.


Fonte: Wellton Máximo | Agência Brasil

COMENTARIOS

Mais de Economia

CPF Na Nota

Estado garante que dados dos consumidores ficarão protegidos

Banco de dados será usado apenas para participação no Programa Nota MT.

15 de Julho de 2019 as 23h01

Oportunidade

Sine oferece 1.254 oportunidades de emprego em Mato Grosso

O número de vagas está disponível de acordo com a demanda das empresas cadastradas no Sine.

15 de Julho de 2019 as 22h51

Infraestrutura

Passagens aéreas devem ficar mais baratas a partir de setembro

Expectativa é que entrada de companhias estrangeiras contribua para redução dos preços.

15 de Julho de 2019 as 21h52

Política Externa

Acordo Mercosul União-Europeia vai garantir crescimento econômico de longo prazo ao Brasil

Saiba quais os maiores benefícios previstos no acordo

15 de Julho de 2019 as 21h41

Oportunidade

Confira as vagas de emprego disponíveis no Sine de Lucas do Rio Verde

Os interessados podem procurar o Sine na Galeria Central de Serviços, localizada na Av. Paraná, nº 766 S, sala 06, Centro. O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira, das 7h às 11h e das 13h às 16h.

15 de Julho de 2019 as 21h17

Levantamento

Empreendedorismo cresce acima de emprego e ocupação

Novos negócios tentam inovação e solução de problemas da sociedade

14 de Julho de 2019 as 23h43

Reforma Da Previdência

Economia com reforma da Previdência deve cair para cerca de R$ 900 bi, estima secretário

Secretário de Previdência, Rogério Marinho, fez projeção após a conclusão da votação em 1º turno, no plenário da Câmara, que modificou quatro pontos do texto da comissão especial.

13 de Julho de 2019 as 21h56

Reformas

Reformas contribuem para o crescimento econômico

Secretaria de Política Econômica revisou para 0,8% a projeção para o crescimento do PIB em 2019

13 de Julho de 2019 as 21h09

Combate A Fraudes

INSS começa pente-fino em benefícios com suspeitas de irregularidades

Meta é analisar 3 milhões de pagamentos suspeitos em 18 meses

12 de Julho de 2019 as 20h26

PIB

Governo revisa para 0,8% crescimento da economia em 2019

Relatório da Economia mostra uma projeção de inflação em 3,8%.

12 de Julho de 2019 as 19h14

Oportunidade

Confira as vagas de emprego disponíveis no Sine de Lucas do Rio Verde

Os interessados podem procurar o Sine na Galeria Central de Serviços, localizada na Av. Paraná, nº 766 S, sala 06, Centro. O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira, das 7h às 11h e das 13h às 16h.

12 de Julho de 2019 as 18h19

Inflação

Inflação de junho fica em 0,01%

Queda no preço de alimentos e combustíveis levou à menor taxa do ano.

10 de Julho de 2019 as 21h59

Estudo

Brasil ganhou 14 mil novos milionários em 2018, diz estudo

Grupo dos que possuem fortuna elevada subiu para 185,5 mil pessoas no país, um avanço de 8% em relação a 2017. No mundo, número de milionários caiu pela 1ª vez após 7 anos seguidos de avanço.

10 de Julho de 2019 as 21h34

Abono Salarial

Divulgado o calendário de pagamento do abono salarial PIS-Pasep 2019-2020

Pagamentos começam no dia 25 de julho e irão até junho de 2020. Quem nasceu nos meses de julho a dezembro receberá o benefício ainda no ano de 2019.

10 de Julho de 2019 as 21h07

Inflação

Inflação oficial é de 0,01% em junho, diz IBGE

IPCA acumula 2,23% no ano e 3,37% em 12 meses.

10 de Julho de 2019 as 20h51

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Enquete

veja +

COTAÇÃO