Andréa Ciaffone

Salário-mínimo será de R$ 722,90 em 2014, prevê Orçamento do governo

Fonte:MT Agora - Diário do Grande ABC
30 de Agosto de 2013 as 07h 16min

Para quem cresceu ou vindo os humoristas brincarem com as ínfimas proporções do salário-mínimo, esta década representa uma mudança de paradigma. Em 1994, quando o real foi implantado, seu valor era de R$ 70. Ano que vem, quando a moeda brasileira completar 20 anos, o trabalhador que receber o salário mais modesto do País, verá no contracheque a cifra de R$ 722,90. Atualmente, o mínimo está em R$ 678.

Esse montante foi apresentado ontem ao Congresso Nacional como parte do Ploa (Projeto de Lei Orçamentária Anual) pela ministra do Planejamento, Miriam Belchior – para quem o novo mínimo vai incorporar a regra de valorização do piso salarial nacional. “É uma política importante de alavancagem da renda das famílias no Brasil e que tem nos levado a patamares de qualidade de vida muito superiores”, disse a ministra, que estima o impacto do salário-mínimo, em relação aos benefícios que são calculados a partir dele, em R$ 29,2 bilhões.

O ministro do Trabalho, Manoel Dias, avaliou que o aumento de 6,62% não irá impactar negativamente as contas da União. Neste ano, o mínimo foi corrigido em 9%. A redução do percentual do reajuste se dá porque o cálculo soma a inflação do ano anterior com o PIB (Produto Interno Bruto) de dois anos atrás. Em 2012, o crescimento foi de 0,9%, enquanto em 2011, 2,8%.

Para Dias, o aumento do mínimo ajuda a irrigar a economia sem causar impactos negativos ao governo ou ao mercado. Segundo ele, a política de aumento do salário-mínimo é a razão pela qual o Brasil não teria entrado na crise econômica global iniciada em 2008. Ele também diz não temer que o valor desestimule a criação de postos de trabalho.

“O Brasil está vivendo o menor nível de desemprego em décadas e a massa salarial só faz crescer”, disse o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva durante a comemoração dos 30 anos da CUT (Central Única dos Trabalhadores), anteontem, em São Bernardo.

Em seu discurso, o ex-presidente defendeu a continuidade do governo Dilma por mais um mandato e enfatizou que as políticas públicas que reforçam os ganhos da classe trabalhadora são a mola propulsora da economia e devem ser sempre estimuladas. “Há 20 anos, o pobre só tinha acesso ao pé do frango, agora ele tem o frango inteiro.”


Siga MT Agora no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para entrar em nosso grupo do WhatsApp clicando AQUI e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros

COMENTARIOS

Mais de Economia

Pacto Federativo

Secretário do Tesouro pede cláusula de calamidade no Pacto Federativo

Flexibilidade ajudaria em eventual segunda onda de covid, diz Funchal

29 de Outubro de 2020 as 21h31

Geração de Emprego

Criação de empregos em setembro atinge melhor nível em dez anos

Caged diz que 249,3 mil postos de trabalho foram abertos no mês

29 de Outubro de 2020 as 18h32

IPI Reduzida

Jogos eletrônicos têm a alíquota de IPI reduzida

É a segunda redução do imposto para o setor. Com a medida, a alíquota vai variar de 6% a 30%

28 de Outubro de 2020 as 22h42

Brasil Mais

Programa Brasil Mais é retomado com objetivo de ampliar a produtividade de empresas brasileiras

Iniciativa vai oferecer capacitação para melhorar a gestão e apoiar a adoção de tecnologias digitais a cerca de 120 mil empresas

28 de Outubro de 2020 as 22h39

Auxílio Residual

Beneficiários do Bolsa Família recebem 2ª parcela de auxílio residual

Hoje foram liberados R$ 421,6 milhões para 1,6 milhão de pessoas

19 de Outubro de 2020 as 10h40

Informações G1

Defensoria recorre à Justiça para que cédulas de R$ 200 saiam de circulação

A Defensoria Pública da União (DPU) ingressou com uma Ação Civil Pública na Justiça para que o Banco Central suspenda a confecção das notas de R$ 200.

13 de Outubro de 2020 as 18h24

Auxílio Emergencial

Caixa libera saques e transferências para mais 4 milhões nesta terça

Liberação é para aniversariantes em julho, que tiveram dinheiro creditado em poupança social digital no dia 23 de setembro.

13 de Outubro de 2020 as 07h43

Renegociação

Renegociação de pagamentos fica em segundo plano para 51% dos brasileiros durante a pandemia

Pesquisa da Mobills também aponta que 11% cancelaram os serviços que pagavam anteriormente

14 de Setembro de 2020 as 14h34

Queda

Mercado financeiro prevê queda da economia em 5,31% este ano

Para o próximo ano, a expectativa é de crescimento de 3,50%, diz BC

08 de Setembro de 2020 as 08h52

Limpa Nome

Campanha Serasa Limpa Nome termina nesta terça-feira

Iniciativa permite quitar dívidas de até R$ 1 mil por apenas R$ 100

08 de Setembro de 2020 as 08h47

Projeções

Ministério da Economia mantém em queda de 4,70% a projeção do PIB de 2020

Para 2021, a projeção de crescimento foi mantida em 3,20%, enquanto para 2022, a estimativa de alta no PIB continuou em 2,60%

15 de Julho de 2020 as 15h28

Auxílio Emergencial

Não dá para transformar os R$ 600 em renda permanente, diz diretor da IFI

Para Felipe Salto, Brasil precisa discutir a implantação de uma eventual renda básica permanente no cenário pós-pandemia

14 de Julho de 2020 as 23h38

Negociação

Senado aprova negociação de dívidas de micro e pequenas empresas

A matéria já passou pela Câmara e agora vai à sanção presidencial

14 de Julho de 2020 as 23h24

Suínos

Argentina destrói 188 Kg de carne suína com triquinose

Medida impediu que a carne chegasse ao consumidor

09 de Julho de 2020 as 08h03

Auxílio Emergencial

Caixa libera saque de primeira parcela do terceiro lote de aprovados

No total são 4,9 milhões dentro desse terceiro lote. Nesta segunda-feira, poderão sacar o dinheiro os nascidos em janeiro, um total de 400 mil trabalhadores.

06 de Julho de 2020 as 07h33

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

Para você, qual deve ser a prioridade de Miguel Vaz em seu mandato?

Saúde

Infraestrutura

Ação social

Geração de emprego

Atração de Novas Empresas / Indústria

Parcial
veja +

COTAÇÃO