Economia

Superávit comercial de 2021 sobe quase cinco vezes com novo cálculo

Uma mudança de metodologia multiplicou em quase cinco vezes o superávit da balança comercial (exportaçõe...

Fonte:EBC Economia
07 de Abril de 2021 as 19h 20min

© Foto: Banco Mundial/Divulgação

Uma mudança de metodologia multiplicou em quase cinco vezes o superávit da balança comercial (exportações menos importações) em 2021, informou hoje (7) a Secretaria de Comércio Exterior do Ministério da Economia. O resultado positivo nos três primeiros meses deste ano passou de US$ 1,648 bilhão para US$ 7,948 bilhões, por causa da retirada de importações fictícias de plataformas de petróleo que apareciam nos números anteriores.

Segundo o Ministério da Economia, a mudança, que atendeu a recomendações internacionais, aumentará a qualidade e a transparência das estatísticas. Toda a série histórica, com início em 1997, foi revisada. A alta no saldo comercial em 2021 foi compensada com a redução de 16,5% do superávit comercial apurado entre 1997 e 2020.

Com nova metodologia, o valor das exportações acumulado entre 1997 e 2020 caiu 1,4% em relação às estatísticas anteriores. As importações aumentaram 1,6% na mesma comparação, o que resultou na queda do saldo comercial no período.

Mudanças

Entre as mudanças no cálculo da balança comercial, a de maior impacto é a exclusão de operações meramente contábeis. O principal exemplo consiste na exportação e importação de plataformas de petróleo e equipamentos associados registrados em subsidiárias da Petrobras no exterior, mas que nunca chegaram a sair do país.

Realizadas por meio do Repetro, regime tributário especial ao setor petroleiro, essas operações tiveram peso significativo nas exportações no início da década passada e, nos anos mais recentes, inflavam as importações porque a Petrobras fechou as filiais no exterior e passou a registrar as plataformas no Brasil.

Do lado das importações, passaram a ser incluídas nas compras feitas pelo programa Recof, que concede isenção tributária a importações usadas para produção de bens que serão exportados. Esses dados estavam fora dos números da balança desde 2017. A energia elétrica produzida pela usina de Itaipu e comprada do Paraguai também passou a ser incluída nas importações, com impacto de cerca de US$ 1,5 bilhão por ano.

Comparação

Na comparação ano a ano, a maior alteração em valores absolutos ocorreu em 2019, com o saldo comercial caindo US$ 12,8 bilhões pelos novos critérios. O principal fator foi a elevação de US$ 8,9 bilhões nas importações associadas ao Recof, concentradas em turbinas, turbo reatores, turbo propulsores e aparelhos para aeronaves.

O maior impacto relativo ocorreu em 2013, com o saldo passando de superávit de US$ 2,3 bilhões para déficit de US$ 9 bilhões. Naquele ano, o superávit havia sido inflado por exportações fictícias de plataformas de petróleo.

Impacto

Segundo o Ministério da Economia, o impacto da nova metodologia nas estatísticas de outros órgãos será mínimo. Isso porque as estatísticas do Banco Central e do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) já consideram a energia de Itaipu adquirida do Paraguai. No caso das operações do Repetro, o Banco Central considera as transações entre residentes e não residentes no cálculo do resultado das contas externas, então nada mudará nos números do Banco Central.

As estatísticas relativas ao Repetro continuarão a ser divulgadas, mas em tabelas distintas do restante da balança comercial. A Secretaria de Comércio Exterior do Ministério da Economia também acrescentará uma tabela separada com as importações em valores pelo critério CIF, que incluem custos com seguro e frete. Segundo o órgão, essa era uma reivindicação antiga de analistas de mercado.

Edição: Nádia Franco


Siga MT Agora no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para entrar em nosso grupo do WhatsApp clicando AQUI e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros

COMENTARIOS

Mais de Economia

Economia

Inscrições para Programa Qualifica Mais estão reabertas até dia 25

Programa de qualificação profissional que une jovens e empresas, o Qualifica Mais reabriu as inscrições p...

18 de Abril de 2021 as 16h50

Economia

Setor energético terá investimentos de R$ 3 tri até 2030, diz ministro

O setor energético brasileiro terá investimentos de R$ 3 trilhões até 2030, diz o ministro de Minas e Ene...

18 de Abril de 2021 as 11h50

Economia

Caixa paga hoje auxílio emergencial a nascidos em junho

Trabalhadores informais nascidos em junho começam a receber hoje (18) a nova rodada do auxílio emergencial....

18 de Abril de 2021 as 08h20

Economia

Celulares podem ajudar no combate a fraudes em bombas de combustíveis

Provar materialmente uma das fraudes mais comuns e com o maior número de vítimas – a das bombas de postos...

17 de Abril de 2021 as 17h50

Economia

Bolsa sobe pelo quinto dia seguido e atinge maior nível desde janeiro

Em mais um dia de otimismo no mercado financeiro, a bolsa de valores voltou a subir e alcançou o melhor nív...

16 de Abril de 2021 as 18h50

Economia

Mais de 40% dos contribuintes enviaram declaração do IR

Em sete semanas de entrega da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física, 13.656.522 contribuintes acert...

16 de Abril de 2021 as 17h50

Economia

General Silva e Luna é confirmado no comando da Petrobras

O nome do general Joaquim Silva e Luna foi confirmado para o cargo de presidente da Petrobras. A informação...

16 de Abril de 2021 as 16h50

Economia

Caixa Econômica vai antecipar calendário do auxílio emergencial

Em coletiva à imprensa, o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, vai detalhar o novo calendário de saques d...

16 de Abril de 2021 as 14h50

Economia

Ministério paga Garantia-Safra a 25 mil agricultores familiares

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) autorizou o pagamento do Garantia-Safra a 25 m...

16 de Abril de 2021 as 13h40

Economia

Banco Central altera norma para segunda fase do open banking

O Diário Oficial da União de hoje (16) traz resolução do Banco Central (BC) que modifica regras para a ...

16 de Abril de 2021 as 12h50

Economia

Beneficiários do Bolsa Família começam a receber auxílio emergencial

 A Caixa Econômica Federal começou hoje (16) o pagamento da primeira parcela do auxílio emergencial de 20...

16 de Abril de 2021 as 10h20

Economia

Caixa antecipa em 15 dias calendário de saques do auxílio emergencial

A Caixa Econômica Federal vai antecipar os saques do auxílio emergencial em pelo menos duas semanas – as ...

15 de Abril de 2021 as 20h20

Economia

LDO de 2022 destravará gastos com obras em caso de atraso no Orçamento

Investimentos de estatais e obras de conservação e recuperação de rodovias poderão ser executadas em 202...

15 de Abril de 2021 as 19h50

Economia

Dólar cai pelo terceiro dia seguido e aproxima-se de R$ 5,60

Embalado pelo mercado internacional, o dólar caiu pelo terceiro dia seguido e aproximou-se de R$ 5,60, zeran...

15 de Abril de 2021 as 18h20

Economia

Governo estima déficit primário de R$ 170,47 bi em 2022

As contas públicas do Governo Central (Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central) deverão fecha...

15 de Abril de 2021 as 17h20

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

veja +

COTAÇÃO