Barcelona É Penta Da Champions

Que sonho! Neymar brilha, Barcelona bate Juve e é penta da Champions

Gol no último minuto decreta 3 a 1 em Berlim e garante ao brasileiro artilharia da Liga com Messi e CR7. Catalães repetem 2009 e conquistam o segundo triplete da história

MT Agora - Globo Esporte
06 de Junho de 2015 as 17h 59min

Acorda, Neymar! Acorda porque não é sonho! O Barcelona, mais uma vez, é campeão de tudo que disputou na temporada. Embalado por um ataque de 122 gols, os catalães repetiram 2009 e conquistaram, neste sábado, no estádio Olímpico de Berlim, a Liga dos Campeões da Europa e, por tabela, o segundo triplete de sua história. No 3 a 1 sobre o Juventus, não teve gol de Messi. Mas nem precisava. Suárez e Neymar representaram o tridente em partida com emoção até o golpe final do brasileiro, que já no último minuto se tornou ainda artilheiro da competição - ao lado do próprio Messi e CR7. Rakitic abriu o placar e Morata fez para os italianos.

Neymar, que passou a semana dizendo estar vivendo um sonho de criança em Berlim, passa a integrar ainda um seleto grupo de nove campeões da Champions e da Libertadores - cinco brasileiros. O tridente, que quebrou o recorde de gols de um ataque em uma temporada, vê ainda Messi ser o primeiro jogador a terminar a Liga como goleador por cinco vezes, além de ser quem mais balançou as redes na história do torneio, com 77, empatado com CR7.  

A taça erguida em Berlim é o quinto da história do Barcelona, que iguala Liverpool e Bayern de Munique, quatro com a participação de Messi. O Juventus, por sua vez, segue com dois e chegou ao sexto vice-campeonato. O título coroou ainda a passagem de Xavi com a camisa culé. O meio-campista, que substituiu Iniesta, eleito o melhor campo, se despede após 17 temporadas e 26 troféus. Luis Enrique é outro que deixa a Alemanha com um lugar na eternidade. Se como jogador nunca foi campeão europeu, cumpriu com maestria sua missão como treinador e repetiu a façanha do amigo Pep Guardiola. O Barça é o primeiro clube da história a completar dois triples.

Juve nervosa, Barça fata

O Juventus esperou 12 anos para voltar a disputar uma final da Liga dos Campeões. Quando o dia, enfim, chegou, os italianos evidenciaram desde os primeiros minutos o nervosismo e sofreram com isso. Depois de esboçar uma marcação no campo de ataque, que gerou uma finalização sem direção de Tévez e um escanteio, a Velha Senhora foi castigada logo aos três minutos. Recuado, Messi inverteu a jogada para Jordi Alba na esquerda, o lateral escorou de primeira para Neymar, que demonstrou a calma que faltava aos rivais. O brasileiro segurou a bola, esperou Iniesta passar e rolou para o meia, já dentro da área, se tornar o primeiro jogador da história a dar assistências em três finais de Champions. Com a parte da fora do pé, ele presenteou Rakitic, que empurrou para o gol vazio: 1 a 0 Barça.  

Se já estava tenso, o Juventus se desesperou e tinha em Arturo Vidal a personificação de seu destempero. O chileno, que já tinha vacilado ao deixar Iniesta avançar livre no lance do gol, enumerou faltas, discutiu com Daniel Alves, recebeu o cartão amarelo e saiu no lucro por não ser expulso. Das 15 faltas cometidas pelos italianos nos 45 minutos iniciais, cinco foram dele, mais do que todo time do Barcelona: quatro. O time de Turim jogava a vida e não lidava bem com essa situação. O Barça, por sua vez, parecia disputar uma partida qualquer, natural para quem participava da quarta decisão em dez anos, e controlava as ações a sua maneira.  

Sem pressa, os catalães trocavam passes de um lado para o outro em busca de espaços. Foi assim que a bola chegou até Daniel Alves, na entrada da área, para finalização que parou em defesa espetacular de Buffon. O relógio caminhava para os 20 minutos, e o Juve seguia atordoado. Sem Chiellini, os italianos tinham dificuldade na saída de bola e não conseguiam respirar. Quando colocou a bola no chão, o time italiano melhorou e equilibrou as ações. Tévez e Pogba corriam e demonstravam vontade, mas as melhores chances caíram nos pés de Morata, que errou o alvo. Marchisio, em chutes de longa distância, foi o responsável por levar um pouco de perigo a Ter Stegen.

Com o dobro de posse de bola, 67% contra 33%, o Barcelona administrava a vantagem como se o segundo gol fosse acontecer naturalmente. A partida em determinado momento chegou a ficar monótona, até que, com duas arrancadas, Suárez, com boa dose de individualismo, deu alguma emoção aos minutos finais. Nada muito empolgante.

Mordida campeã: Suárez é o herói do tridente 

A segunda etapa começou no mesmo ritmo, com Suárez arrancando e dando problemas a Buffon. Em contragolpe aos três, o uruguaio chutou forte, de bico, mas o goleiro italiano fez outra linda defesa. Mais seguro de si, o Juventus não se abateu e partiu para o ataque. Com espaço, Messi tabelou com Neymar e chutou forte para fora. Os italianos, por sua vez, não demorariam para dar o troco.  

Aos nove minutos, Marchisio, muito marcado, descolou bonito passe de calcanhar para Lichtsteiner, na direita. O suíço cruzou rasteiro e encontrou Tévez, que já girou chutando de canhota. Ter Stegen fez a defesa parcial e a bola se apresentou limpo, na pequena área, para Morata empatar. Cria do Real, o espanhol externou toda vibração que guardou nos gols marcados contra o ex-clube, na semifinal.  

Confiantes, os italianos passaram a ditar o ritmo da partida e se mantinham no campo de ataque. Uma arrancada desenfreada de Piqué para o ataque deixava claro os efeito do gol sofrido no Barcelona. A confiança, no entanto, se tornou armadilha para o Juve, que deu espaços na defesa e foi castigado.  

Aos 23, Messi avançou com rara liberdade, conduziu a bola até a entrada da área e chutou forte. Buffon seguiu o protocolo e espalmou para o lado, mas Luis Suárez foi mais rápido que Evra e escorou de primeira. Gol! O Barça novamente estava na frente. Foi a 25ª vez que o uruguaio balançou as redes na temporada, 121 para o tridente formado com Messi e Neymar. O brasileiro ainda faria o 122ª logo depois, em lance anulado por toque de mão após a cabeçada para vencer Buffon.

A vantagem fez o Barça voltar a administrar a partida, e o Juventus novamente se perdeu na própria ansiedade. Por mais que adiantasse a marcação e ficasse no campo de ataque, os italianos não conseguiam chegar ao gol de Ter Stegen e apelavam para bolas aéreas. A estratégia não fazia efeito. Um chute de longa distância de Marchisio foi o lance de maior perigo.

No minuto final, o Barcelona deu o golpe de misericórdia. Aproveitando os espaços de um Juventus desesperado pelo empate, Neymar arrancou em contragolpe, tocou para Pedro, recebeu de volta e chutou firme para superar Buffon. Não faltava mais nada. O sonho de criança do brasileiro está realizado, e com direito a artilharia da competição de clubes mais badalada do mundo.


COMENTARIOS

Mais de Esportes

Série C

Luverdense perde para o Paysandu no Passo das Emas e é rebaixado para a Série D

Com o resultado, o Luverdense permanece em 9º lugar no grupo B, com 13 pontos.

15 de Agosto de 2019 as 22h17

Jogos Pan-Americanos

Presidente parabeniza atletas que participaram do Pan-Americano

Brasil fez a melhor campanha da história dos jogos e trouxe 171 medalhas para o país

14 de Agosto de 2019 as 15h38

Série C

Luverdense enfrenta Paysandu na 5ª pela Série C; se empatar está rebaixado

O Verdão do Norte e enfrenta o Paysandu (PA), nesta quinta-feira, às 19h, no Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde.

13 de Agosto de 2019 as 23h48

Competição Esportiva

Inscrições da Copa Cidade Viva de Futebol de Base estão abertas

As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas até dia 27 de agosto.

13 de Agosto de 2019 as 14h17

Competição Esportiva

Copa Cidade Viva de Futebol será realizada em Lucas do Rio Verde

A competição reunirá atletas de base e visa a inclusão através do esporte

12 de Agosto de 2019 as 16h09

Jogos Pan-Americanos

Brasil confirma melhor campanha em Jogos Pan-Americanos

Brasil conquistou 171 medalhas sendo 55 de ouro.

12 de Agosto de 2019 as 12h53

Série C

Luverdense perde mais uma na Série C; somente milagre para não rebaixar

O resultado deixa a equipe do Luverdense virtualmente rebaixada para a Série D em 2020.

12 de Agosto de 2019 as 12h17

Futebol Amador

Inscrições para Campeonato de Futebol Amador terminam nesta sexta-feira (09)

As inscrições deverão ser realizadas na Secretaria de Esporte e Lazer

08 de Agosto de 2019 as 10h53

Evento Esportivo

Inscrições para Campeonato de Futebol Amador terminam nesta sexta-feira (09)

As inscrições deverão ser realizadas na Secretaria de Esporte e Lazer

07 de Agosto de 2019 as 17h04

Série C

Luverdense empata com o Boa Esporte em Minas Gerais e chega a seis partidas sem vitória na Série B

O empate com o time mineiro também deixa os mato-grossenses na 9º posição, com 13 pontos, e ainda na zona de rebaixamento.

06 de Agosto de 2019 as 10h31

Convulsão em Campo

Gandula tem convulsão e deixa campo de ambulância durante jogo do Luverdense

Equipes se enfrentaram na noite desta segunda-feira pela Série C do Brasileirão; profissional foi medicado e encaminhado para a UPA

06 de Agosto de 2019 as 09h53

Série C

Luverdense joga hoje e precisa da vitória

Jogando fora de casa, no Estádio Melão, o Luverdense que está na penúltima colocação do grupo B, com 12 pontos, precisa da vitória para não se complicar mais do que ja está

05 de Agosto de 2019 as 11h47

Investigação

Polícia não indicia Neymar por estupro e agressão

Delegada concluiu inquérito na tarde desta segunda. MP tem 15 dias para oferecer denúncia, pedir arquivamento ou novas diligências.

30 de Julho de 2019 as 06h57

Futebol Sete

Ulec/Oba Oba Center e Brand Car/AM Ótica sagram-se campeãs do Municipal de Futebol Sete

Competição teve início na metade de junho com 40 equipes e reuniu cerca de 600 atletas

29 de Julho de 2019 as 15h28

Liga Mato-grossense de Futsal

Equipe luverdense se classifica para próxima fase da Liga Mato-grossense de Futsal

A primeira fase da competição foi realizada em Lucas do Rio Verde no fim de semana

29 de Julho de 2019 as 15h26

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Enquete

veja +

COTAÇÃO