Treinamento

Acidente com produtos perigosos é tema de simulação inédita na BR-163

Rota do Oeste registrou mais de 90 ocorrências deste tipo em 2018

Fonte:Fonte: Assessoria | Rota Do Oeste
17 de Agosto de 2018 as 19h 55min

Diesel, gasolina e etanol são os produtos perigosos de maior incidência em acidentes na BR-163. De janeiro a agosto de 2018, a Rota do Oeste registrou 91 ocorrências (vazamento, derramamento, entre outros) desta natureza no trecho concessionado da rodovia. Do total, 29 são relacionadas a acidentes. Nesta sexta-feira (17), a Concessionária registrou uma ocorrência diferente. Na verdade, tratava-se de uma simulação realizada na BR-364, em Cuiabá, com as equipes operacionais como parte de um treinamento sobre o tema.

 

Para a simulação foi montada uma estrutura com as viaturas de inspeção, caminhão-pipa e resgate médico da Concessionária, além das equipes de atendimento doBatalhão de Emergências Ambientais do Corpo de Bombeiros e Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema/MT). A cena simulava uma colisão traseira entre uma utilitária e uma carreta, com derramamento de produto perigoso na pista.

 

O diretor de Operações da Rota do Oeste, Fernando Milléo, explica que além das equipes que atuam em campo na rodovia, a simulação contou também com a participação de Integrantes do Centro de Controle Operacional (CCO) da Concessionária. A equipe é a responsável por receber as ligações de usuários nos casos de acidentes e dar início aos procedimentos de atendimento.

 

“Nesta simulação são avaliados vários fatores como o tempo de acionamento das equipes no trecho pelo CCO, as informações coletadas com o usuário que auxiliarão o trabalho no atendimento e o isolamento da área com sinalização para restringir o acesso ao local do acidente. Durante a ação, foi possível avaliar como estão nossas equipes em campo. Além disso, conseguimos promover a integração de diferentes instituições durante o atendimento”, disse Milléo.

 

Diante do contato com o meio ambiente, o produto perigoso coloca em risco tanto a vida de motoristas, quanto das equipes operacionais que trabalham na rodovia. Entre as ações para agilizar o atendimento nestes casos estão a identificação da substância e o isolamento da área afetada. Responsável pela administração de 850,9 km da BR-163 em Mato Grosso, a Rota do Oeste é a primeira a chegar no local, dando início aos procedimentos. Desde 2014, a Concessionária registrou 516 ocorrências deste tipo. 

 

“As equipes da Concessionária não atuam no atendimento direto, pois, por se tratar de produto perigoso, a atribuição é do Corpo de Bombeiros, Defesa Civil e outros órgãos. Nosso trabalho é isolar, sinalizar e preparar o local para a chegada das instituições responsáveis”, pontua o diretor de Operações.

 

Atendimento – Pela lei, a instituição responsável pelo atendimento nos casos envolvendo produtos perigosos é o Corpo de Bombeiros. Em Mato Grosso, este trabalho é realizado pelo Batalhão de Emergências Ambientais. O tenente BM Felipe Saboia, da Companhia de Atendimento a Emergências com Produtos Perigosos, explica que a principal ação neste tipo de ocorrência é o isolamento. Isto é feito para evitar o contato com a substância química e suas reações, além da proliferação na área.

 

“Dependendo da emergência, buscamos meios de sanar o vazamento ou reduzir seu risco à vida e ao meio ambiente. Para isto, depois de isolar, é necessária a identificação do produto e sua contenção”, acrescenta Saboia. 

 

Conforme levantamento da Rota do Oeste, das 516 ocorrências de produtos perigosos, 14% foram registradas em Nova Mutum, na BR-163, seguida de Santo Antônio de Leverger (12,5%) e Campo Verde (9,5%), na BR-364. De acordo com o tenente BM Saboia, em média, até a liberação da via para tráfego, a rodovia pode ficar interditada de 4 a 6 horas. O fechamento da pista é necessário para contenção, limpeza do vazamento, transbordo ou destombamento do veículo.

 

“Quando há vítimas, há também o cuidado com a limpeza da roupa e corpo. Se possível, isto deve ser feito ainda no local, porém, em alguns casos, é necessária a remoção para unidades de saúde, onde são realizados procedimentos de ingestão e inalação para retirada do produto no organismo”, explica. 

 

Contaminação – A professora do Departamento de Química da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Eliana Dores, aponta fatores, como a alta temperatura e o tempo seco, característicos da região cortada pela BR-163, como potenciais de risco para o agravamento da liberação de gases tóxicos e combustão. Segundo ela, o nível de contaminação varia conforme a quantidade de produto em contato com o solo e sua composição.

 

“Qualquer substância química em alta concentração representa risco ao meio ambiente. Quando infiltrado no solo, este produto contamina organismos aquáticos, reduz o oxigênio e por isso, precisa ser contido o mais rápido possível. Além do dano à natureza, a inalação ou contato com a pele, também são prejudiciais ao ser humano”, diz Eliana.

 

Cuidados - No caso de avistar um acidente envolvendo produto perigoso ou estar no local afetado na BR-163, a primeira ação a ser tomada pelo usuário é manter máxima distância possível. Em seguida, a Concessionária deve ser acionada pelo 0800 065 0163 ou o Corpo de Bombeiros (193).

 

Para melhor identificação do produto, basta visualizar a numeração da placa de produtos inflamáveis, obrigatória para este transporte. A placa laranja fica na traseira ou lateral dos veículos. O número sinaliza o tipo de produto e antecipa o atendimento pelas instituições responsáveis.


COMENTARIOS

Mais de Estado

Atualização

SES monitora 11 casos confirmados e 385 suspeitos de coronavírus em MT

Pacientes são devidamente acompanhados pelas equipes de Vigilância Epidemiológica do estado e dos municípios

26 de Março de 2020 as 17h56

Prevenção

MPE, MPF e MPT notificam Governador a suspender decreto que libera comércio

Foi estabelecido um prazo de 24 horas para que o governador se manifeste se irá, ou não, cumprir a recomendação.

26 de Março de 2020 as 17h35

Novo Decreto

Novo decreto de Mauro autoriza comércio abrir as portas em todo o estado

Decreto mantém medidas de isolamento social e segue orientação da Sociedade Brasileira de Infectologia

26 de Março de 2020 as 10h36

Reunião

Estado cobra liberação de R$ 1 bilhão do FEX para combater coronavírus

Mauro Mendes e governadores do centro-oeste conversaram com presidente da República

24 de Março de 2020 as 18h18

Comércio Fechado

Governador de MT diz que cidades que não têm registros de Covid-19 não precisam fechar todo o comércio

Mauro Mendes alerta para o risco de desabastecimento e aumento no índice de criminalidade.

24 de Março de 2020 as 18h11

Efeito COVID-19

'Se pararmos de trabalhar, morreremos todos de fome', diz governador de MT

A previsão é que a arrecadação diminua cerca de 30% em abril. Mauro Mendes afirmou que não tem como pagar salário se não entrar receita no estado.

24 de Março de 2020 as 18h06

Medida Urgente

Entenda como será possível construir 200 leitos em apenas duas semanas

Modelo do projeto prevê a montagem das paredes com painéis isotérmicos. Uma estrutura eficiente de fácil montagem que reduz do tempo de obra

23 de Março de 2020 as 21h18

Atualização

Segunda-feira (23): SES monitora 6 casos confirmados e 210 suspeitos de coronavírus em MT

Pacientes são devidamente acompanhados pelas equipes de Vigilância Epidemiológica do Estado e dos municípios

23 de Março de 2020 as 21h14

Fake News

Polícia Civil checa origem de informações falsas que circulam nas redes sociais

População deve buscar informações sobre o coronavírus pelos órgãos oficiais como o Ministério da Saúde e a Secretaria de Estado de Saúde

23 de Março de 2020 as 21h12

Novas Medidas

Estado proíbe bares e conveniências; restaurantes ficam restritos

Determinação visa coibir aglomerações nos locais, evitando o contágio

23 de Março de 2020 as 21h09

Saúde

Detran-MT suspende atendimento presencial em todo Estado

A suspensão imediata das atividades de atendimento ao público, inicialmente, será até o dia 05 de abril, podendo este prazo ser revisto a qualquer momento

23 de Março de 2020 as 21h07

Diagnótico

Teleconsultoria auxilia profissionais da saúde e esclarece dúvidas sobre coronavírus

O programa Telessaúde de Mato Grosso promove aulas sobre o tema. Já o Ministério da Saúde disponibilizou o telefone 0800 644 6543 e um link onde é possível acessar informações clínicas sobre o tratamento à COVID-19

23 de Março de 2020 as 21h03

Referência

Estado começa construção de 200 leitos no Hospital Metropolitano

Obras para ampliação da unidade começaram nesta segunda-feira (23.03) e devem ficar prontas nas próximas semanas

23 de Março de 2020 as 21h00

Pandemia

Sistema Penitenciário de Mato Grosso não possui nenhum caso suspeito de coronavírus

Em Rondonópolis, presa manteve contato com sobrinha que veio do exterior, contudo, não nem ela e nenhum familiar tiveram sintomas

23 de Março de 2020 as 20h57

Medidas Adotadas

Sefaz suspende atendimento presencial e telefônico como medida preventiva ao novo coronavírus

A Sefaz ressalta que mais de 90% dos serviços e informações fazendários estão disponíveis aos contabilistas e contribuintes, tanto pessoa jurídica como física, de forma online

23 de Março de 2020 as 20h54

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

veja +

COTAÇÃO