Em Tratamento

Cadela que passou 1 mês em hospital à espera de dono em MT adoece

Belinha foi adotada, mas ao chegar na nova casa parou de se alimentar. Novo dono procurou veterinário e animal está internado para tratamento.

MT Agora - G1 MT
12 de Janeiro de 2017 as 21h 17min

Belinha está com inchaço abdominal e teve hipotermia (Foto: Reprodução/ TVCA)

A cadela Belinha, que se tornou mascote dos funcionários do Pronto Socorro de Nova Olímpia, a 207 km de Cuiabá, depois de ficar à espera do dono que estava doente e morreu na unidade de saúde, ganhou um novo lar. Visivelmente triste e abatido, o animal adoeceu depois de ter sido adotado, no dia 31 de dezembro.

A nova casa fica em Nova Olímpia. Lá, ela parou de se alimentar e está sob os cuidados de uma veterinária, segundo o novo dono, Felipe de Souza.

No dia em que o antigo dono foi socorrido depois de passar mal, Belinha seguiu a ambulância que o levava. Ele faleceu e ela continuou no hospital.

Felipe contou ter trocado a ração após Belinha ter parado de se alimentar, mas isso não resolveu. Ela também apresentava inchaço abdominal. Por isso, Felipe a levou a uma veterinária.

A veterinária Fabíola Porfirio constatou que o animal apresentava quadro de hipotermia, ou seja, a temperatura corporal estava mais baixa que o normal. Um exame de ultrassonografia apontou que o inchaço abdominal era causado por excesso de líquido, além da suspeita de hemoparasitoses, mais conhecida como doença do carrapato.

O resultado do exame de sangue também aponta uma possível anemia. O sangue retirado de Belinha apresentava uma coloração mais clara que o normal, o que, segundo a médica veterinária Gabriela Nazario, indica a falta de hemácias e hemoglobina.

Após a bateria de exames, o diagnóstico revelou a necessidade de Belinha permanecer internada por três dias para receber soro e a medicação necessária.

Felipe está ansioso para buscar logo o novo animal de estimação. “Espero que ela volte bem melhor e feliz. Espero que ela se adapte à minha casa, faça companhia para os outros cachorros e viva o resto da vida lá”, afirmou.


COMENTARIOS

Mais de Estado

Estado

Operação resgata 7 trabalhadores que não tinham água potável e moravam em barraco sem sanitários em fazenda de MT

Foram firmados dois TACs para o pagamento da rescisão de cada trabalhador e outro com o MPT para o pagamento de R$ 40 mil por danos morais coletivos.

16 de Outubro de 2019 as 17h28

Estado

Polícia prende mulher que foi condenada a 26 de prisão por morte de empresário em MT e estava foragida

Mulher foi condenada por matar Matheus Coelho em 2017, após da carona aos criminosos, em Aragarças (GO).

16 de Outubro de 2019 as 17h23

Estado

Policiais civis são presos suspeitos de extorquirem empresário em R$ 30 mil em MT

Os policiais foram identificados como Leonel Virgolino Pacheco, de 41 anos, e Juracy Campos de Aguiar, de 49 anos. Eles são lotados na Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Veículos Automotores (Derfva).

16 de Outubro de 2019 as 17h19

Estado

Avião atropela cachorro durante decolagem e piloto faz pouso forçado após defeito em MT

O cachorro atravessou na pista e, com o impacto do atropelamento, o trem de pouso da aeronave. A aeronave pousou de barriga depois de sobrevoar cidade por cerca de 5 horas.

16 de Outubro de 2019 as 17h15

Estado

Professora é arrastada e detida em festa de igreja em MT; veja vídeo

Associação dos professores da Unemat emitiu nota alegando truculência por parte de policiais e participantes do evento. Polícia diz que ela foi detida por causar tumulto e desacato.

16 de Outubro de 2019 as 17h11

Estado

Grupo de terapia é criado para atender mulheres vítimas de violência doméstica em MT

Proposta foi desenvolvida pela Delegacia Especializada de Defesa da Mulher. Projeto de apoio psicológico foi lançado nesta terça-feira (15).

16 de Outubro de 2019 as 17h06

Estado

Marido é preso suspeito de quebrar braço de mulher e impedir socorro em MT

Homem teria trancado a vítima no estabelecimento comercial do casal para que ela não procurasse atendimento médico.

16 de Outubro de 2019 as 17h02

Estado

Família sai de casa para velório de sargento da PM e residência é arrombada por ladrões em MT

As cercas elétricas foram cortadas e o portão e portas arrombadas pelos ladrões. Duas televisões desapareceram, assim como uma arma pessoal do sargento.

15 de Outubro de 2019 as 16h01

Saúde

Criança diagnosticada com toxoplasmose espera há mais de 1 ano por exame pelo SUS em MT, diz família

Médicos disseram à família que sem o exame eles não podem fazer nada, pois não dá para identificar a gravidade da doença.

15 de Outubro de 2019 as 15h57

Estado

Motociclista perde o controle em quebra-molas e morre atropelado por caminhão com tijolos em Cuiabá

Ele acabou caindo e foi atropelado pelo caminhão. O motociclista não resistiu e morreu no local antes de ser socorrido.

15 de Outubro de 2019 as 15h55

Estado

Cuiabá tem mais de 600 casos de pessoas desaparecidas neste ano, diz polícia

Segundo a DHPP, 56 casos ainda não tiveram solução. O delegado afirmou que falta estrutura no Núcleo de Desaparecidos e isso prejudica as investigações.

15 de Outubro de 2019 as 15h51

Estado

Ladrões quebram paredes de casa para arrombar drogaria e fogem em Cuiabá

A polícia tentou contato com o gerente da drogaria, no entanto, não conseguiu. Ainda não há informações se os ladrões conseguiram ou não levar alguma coisa do local.

15 de Outubro de 2019 as 15h49

Estado

Crânio é encontrado dentro de vaso em casa em Cuiabá e é encaminhado para perícia

Crânio foi descoberto depois que uma pessoa ligou para o Centro Integrado de Operações de Segurança Pública de Mato Grosso (Ciosp). A Polícia Militar foi ao local, encontrou o crânio e comunicou a DHPP.

15 de Outubro de 2019 as 15h46

Estado

Bope retira explosivos de banco após ladrões invadirem local, abandonarem dinamites e fugirem em MT

Segundo a PM, três homens entraram no banco depois que chegaram em um veículo. Eles abandonaram os explosivos antes da chegada da PM.

15 de Outubro de 2019 as 15h44

Estado

Avó diz que menina que teria morrido envenenada pela madrasta em Cuiabá diz que criança estava perdendo peso desde fevereiro

A afirmação da avó faz com que a Polícia Civil reveja a tese de que Mirella começou a ser envenenada pela madrasta Jaira Gonçalves de Arruda, de 42 anos, dois meses antes da morte da menina.

15 de Outubro de 2019 as 15h40

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Enquete

veja +

COTAÇÃO