Fatalidade

Caminhoneiro morre eletrocutado ao encostar caçamba em rede elétrica dentro de depósito em MT

Uma equipe da Concessionária Energisa foi acionada e fez o desligamento da rede para que pudesse mexer no corpo que estava próximo ao veículo energizado.

14 de Junho de 2016 as 17h 03min

O caminhoneiro Sérgio Alves da Silva, 39 anos, morreu na manhã de hoje – por volta das 9h30 -, após sofrer uma descarga elétrica no momento em que descarregava pedras em um depósito de uma construtora em Rondonópolis.

As informações do contador do depósito, responsável por orientar o despejo da carga, contou que todos os motoristas avisam com meia hora de antecedência que fará o despejo no local, para que ele chegue ao depósito e oriente o local adequado. Entretanto a vítima não teria feito essa precaução.

Sérgio se aproximou muito da rede de alta tensão e acabou sendo eletrocutado. Ele não resistiu e morreu ainda no local. Os demais funcionários da empresa contou que o despejo do material é feito longe da rede para evitar esses tipos de ocorrências. Uma pá-carregadeira que é responsável para manejar a carga.

Uma equipe da Concessionária Energisa foi acionada e fez o desligamento da rede para que pudesse mexer no corpo que estava próximo ao veículo energizado.

A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) foi acionada e removeu o corpo ao Instituto Médico Legal (IML) para realização dos exames de necropsias. Em seguida o cadáver será liberado aos familiares para os procedimentos de velório e sepultamento.

A Politec deve emitir um laudo em breve sobre os motivos do acidente.

MT Agora - Nortão Notícias

COMENTARIOS

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

COTAÇÃO