Levantamento

Duas em cada 3 famílias cuiabanas estão endividadas, diz pesquisa

Segundo levantamento, 35% das famílias cuiabanas têm contas atrasadas. Capital mato-grossense fica atrás de Boa Vista, Macapá e Belém.

19 de Outubro de 2016 as 01h 10min

Um levantamento realizado em todo país revelou que duas em cada três famílias cuiabanas não estão conseguindo pagar as contas em dia. De acordo com a Radiografia do Crédito e do Endividamento das Famílias Brasileiras, realizada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de São Paulo (Fecomércio-SP), a capital mato-grossense ocupa o quarto lugar no ranking nacional, com 35% de famílias com dívidas atrasadas.

Após ter sido demitida do emprego no início deste ano, Sandra Moura Lima faz crochê em casa para complementar a renda da família. Ela mora com os pais, que gastam boa parte da aposentadoria com remédios. Sem o salário dela, a renda diminuiu e a família precisou cortar gastos. O freezer da casa foi desligado. A máquina de lavar deu lugar ao tanquinho, que consome menos energia.

Mesmo com as medidas de economia, as contas continuam pesadas. Sandra conta decidiu pagar apenas as mais importantes. “No caso, a gente prioriza as que são mais essenciais, voltadas para a nossa sobrevivência, como água, luz e compras. A gente sempre precisa se preocupar com o cartão de crédito para não deixar faltar nada durante o mês”, explica.

A prestação do aparelho televisor da residência já está dois meses atrasada. “Infelizmente, né? Ninguém faz conta querendo atrasar, mas você compra parcelado e com essa crise que ocorreu, não tem outra solução, você tem que deixar ela de lado e priorizar outras coisas”, diz.

De acordo com dados do Banco Central, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e pela Confederação Nacional do Comércio, referentes ao primeiro semestre deste ano, as famílias cuiabanas comprometem cerca de 1/3 da renda com dívidas, que tem um valor médio de R$ 1.528.

Para o consultor financeiro Marcelo Rubles, as famílias brasileiras ainda precisam se acostumar com a realidade da atual situação financeira. “Houve uma redução do crédito. Com essa redução, muitas pessoas se endividaram, muitas famílias ficaram desempregadas, o empresário deixou de contratar e muitas pessoas estão acessando o seguro desemprego, o que influenciou que houvesse esse número de endividados no estado”, explica.

Ainda de acordo com o consultor, quem está desempregado não deve pagar todas as dívidas de uma vez.

Ele avalia que o ideal era que já houvesse uma reserva no orçamento para suportar períodos de crise. "Se a pessoa não faz isso, ela precisa tomar algumas atitudes, por exemplo, não comprar parcelado e, antes de comprar, saber se realmente vai ter o dinheiro. Essas pequenas estratégias resolvem o problema, inclusive, de quem está desempregado, pois assim ela será uma pessoa muito mais consciente e vai saber se pode fazer aquilo, se ela não pode e se no final do mês o dinheiro vai ser suficiente”, disse.


MT Agora - G1 MT

COMENTARIOS

Mais de Estado

Devolução

Ex-governador de MT diz que devolveu mais dinheiro à Justiça do que o valor desviado dos cofres públicos: 'Infinitamente maior'

Silval Barbosa foi solto em 2017 depois de passar dois anos preso e de devolver mais de R$ 46 milhões em bens. Segundo ele, dinheiro foi adquirido pela família ao longo de mais de 20 anos.

22 de Maio de 2019 as 10h19

Saúde

Casos de Chikungunya caem 90% em MT, segundo SES

Notificações de Zika também registram queda de 870 para 136, entre 2018 e 2019.

21 de Maio de 2019 as 09h38

Delegacias Fechadas

Mais três delegacias são fechadas em MT conforme plano anunciado pelo governo este ano

Também encerraram as atividades as delegacias de Alto Paraguai, Nova Marilândia e Santo Afonso.

21 de Maio de 2019 as 09h34

Contratos Suspensos

Governo de MT suspende contratos com empresas que receberam por plantões não realizados no Samu e Hemocentro

As empresas também foram multadas nos valores de R$ 321.900,00 e R$ 23.666,47, respectivamente.

18 de Maio de 2019 as 17h03

UTI

Após morte de bebês, secretário anuncia reabertura de leitos de UTI e novos funcionários para Hospital Regional de Sinop

Com as novas medidas, o HR deve operar em sua capacidade máxima, com 86 leitos no total, podendo chegar a média de 350 cirurgias realizadas por mês.

17 de Maio de 2019 as 09h45

Dengue

Governo alerta municípios sobre risco de contaminação de variação grave do vírus da dengue

A orientação é para que os profissionais de saúde dos municípios notifiquem todos os casos suspeitos de dengue, chicungunha e vírus da zika.

17 de Maio de 2019 as 09h42

Investigação

MP instaura inquérito para investigar leis assinadas por ex-governador de MT concedendo isenção fiscal a empresas

Conforme o inquérito, Taques assinou três leis estaduais que deram incentivos fiscais para operações de madeira em tora, feijão e suíno em pé.

16 de Maio de 2019 as 21h27

Depressão e Síndrome do Pânico

Mais de 600 professores de MT se afastaram para tratar depressão e síndrome do pânico em 2018

Mais de 2 mil profissionais se afastaram para tratamento de saúde no ano passado.

16 de Maio de 2019 as 21h25

NFC-E

Sefaz altera regras para cancelamento da nota fiscal do consumidor

As mudanças atendem ao Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) e passam a valer a partir do dia 03 de junho.

16 de Maio de 2019 as 21h13

Uso de Tecnologia

Drones vão intensificar a atuação do Fisco e da segurança pública em Mato Grosso

Dentre os novos pilotos estão servidores da Sefaz, das Polícias Militar, Civil e Judiciária, Corpo de Bombeiros, Politec, Ciopaer, Gefron, Defesa Civil e Marinha.

16 de Maio de 2019 as 21h09

No Palácio

Governador recebe reivindicações de produtores e vai analisar a pauta

Durante a reunião, o governador expôs a situação econômica do Estado e todas as ações que já foram tomadas até o momento para reduzir a máquina pública e buscar o equilíbrio fiscal.

16 de Maio de 2019 as 21h08

Recursos

Mauro Mendes não descarta corte de recursos na Unemat

A Unemat aderiu à greve das universidades federais, que reclamam dos cortes de 30% no orçamento

15 de Maio de 2019 as 10h29

Educação

UFMT, IFMT, Unemat e escolas aderem à mobilização contra bloqueios de recurso da educação

Nesta quarta-feira (15), alunos e professores das instituições devem se reunir na Praça Alencastro, em Cuiabá, em um ato político.

15 de Maio de 2019 as 10h02

Gastos

Governo de MT gasta mais de R$ 3 milhões em passagens aéreas entre janeiro e maio deste ano

Deste total, R$ 18.543,00 foram gastos em janeiro, R$ 1,427.834,00 em fevereiro, R$ 145.536,00 em março, R$ 1.474,456,00 em abril e R$ 5.306,00 entre os dias 1º e 14 de maio.

15 de Maio de 2019 as 09h55

Orçamento

'Não adianta espernear, nem fazer protesto', diz governador de MT sobre cortes no orçamento da educação

Mauro Mendes (DEM) disse concordar com as medidas tomadas pelo governo federal para cortar gastos, entre elas o bloqueio do orçamento do Ministério da Educação (MEC).

15 de Maio de 2019 as 09h53

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Enquete

Você acha que Bolsonaro está certo ao contingenciar verbas das Universidades federais?

Sim

Não

Não sei

Parcial
veja +

COTAÇÃO