Estado

Em MT, 1 milhão de cartas e 500 mil objetos não foram entregues por greve dos caminhoneiros

Correios estimam que serão necessários aproximadamente 15 dias após o término da greve para regularizar as operações e normalizar as entregas.

Cartas em Atraso | 03 de Junho de 2018 as 19h 37min
MT Agora - G1

Cerca de 1 milhão de cartas e 500 mil objetos postais não foram entregues durante a greve dos caminhoneiros em Mato Grosso. Os dados são dos Correios, que apontaram, nesta sexta-feira (1º), o prazo de 15 dias para a normalização das entregas.

Ao todo, no Brasil 85 milhões de objetos postais não conseguiram chegar ao seu destino por causa dos bloqueios.

Ainda em Mato Grosso, cerca de 200 mil encomendas ainda esperam para serem entregues.

Segundo a empresa estatal, os serviços com dia e hora marcado (Sedex 10, Sedex 12, Sedex Hoje, Disque Coleta e Logística Reversa Domiciliária) permanecem temporariamente suspensos. Os demais serviços, como o Sedex convencional e o PAC foram mantidos.

Para reforçar os processos operacionais, a empresa já possui um plano de ações que abrange desde jornada extraordinária para os empregados próprios até contratações de mão de obra temporária e de linhas extras para agilizar o escoamento da carga represada.

No próximo sábado (2), serão realizados mutirões nas unidades que recebem carga para distribuição.

COMENTARIOS

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

TEMPO AGORA

Hoje, Sábado

Lucas do Rio Verde, MT

º

COTAÇÃO