Contratos Suspensos

Governo de MT suspende contratos com empresas que receberam por plantões não realizados no Samu e Hemocentro

As empresas também foram multadas nos valores de R$ 321.900,00 e R$ 23.666,47, respectivamente.

18 de Maio de 2019 as 17h 03min

Secretaria Estadual de Saúde de MT — Foto: Gcom-MT/ Assessoria

A Controladoria Geral do Estado (CGE-MT) e a Secretaria de Estado de Saúde (SES) suspenderam as empresas Pro Saúde Médicos Eireli-ME e Diamed Latino América S/A de participar de licitações e de contratar com a SES/MT pelo período de dois anos por inexecução contratual. As empresas também foram multadas nos valores de R$ 321.900,00 e R$ 23.666,47, respectivamente. As sanções foram publicadas no Diário Oficial do Estado desta sexta-feira (17).

O G1 tenta localizar a defesa das duas empresas.

A empresa Pro Saúde Médicos foi ainda declarada inidônea para licitar ou contratar com a Secretaria de Saúde, penalidade máxima prevista na Lei de Licitações. Nesse caso, a reabilitação poderá ser requerida após dois anos da aplicação da sanção, desde que realizado o ressarcimento integral dos prejuízos financeiros causados à SES. Os prejuízos em questão somam R$ 899.969,12, em razão de a empresa ter recebido indevidamente por plantões não prestados.

As sanções decorrem de processos administrativos instaurados no ano de 2015 (Portaria nº 695/2015/CGE-COR/SES e Portaria nº 596/2015/CGE-COR/SES), com fundamento na Lei de Licitações.

A Pro Saúde Médicos Eireli-ME foi sancionada por inexecução nos Contratos n. 30/2013 e 44/2013, cujos objetos eram a prestação de atendimentos pré-hospitalar de urgência e emergência para o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192), unidade da Secretaria de Estado de Saúde e demais unidades.

A comissão processante apurou que a empresa recebeu valores cheios, sem glosas, por 566 plantões não prestados e por 139 plantões executados sem cobertura contratual.

Já a Diamed Latino América S/A foi sancionada por irregularidades no fornecimento de bens da Ata de Registro de Preço n. 010-A/2014/SES, oriunda do Pregão Eletrônico n. 056/2013/SES, para aquisição de insumos de imuno-hematologia com locação de equipamentos para atender demanda do MT Hemocentro.

A comissão processante apurou que a empresa não entregou os insumos médicos no prazo previsto no contrato, de até 10 dias úteis contados do recebimento da nota de empenho, sob a alegação de que teria créditos com o Estado de Mato Grosso oriundos de contratações anteriores. Parte dos insumos foi entregue com 242 dias de atraso e parte, com 388 dias.

Na decisão do processo administrativo, a CGE e a SES argumentam que “não há pedido da empresa de rescisão contratual para legitimar a não entrega dos bens adquiridos legalmente por meio de adesão à ata de registro de preços. Tampouco requerimento judicial de rescisão contratual, na medida em que a empresa não ‘pode’ abandonar o contrato, ainda que tenha motivos, enquanto não formalizada a rescisão”.


Fonte: G1

COMENTARIOS

Mais de Estado

Greve

Servidores da rede estadual de educação decidem manter greve e governo reafirma que não tem como pagar RGA em MT

Governo reafirma que não tem condições de pagar a RGA.

25 de Junho de 2019 as 07h14

Santa Casa

Governo repassa 2ª parcela de R$ 3 milhões para pagar dívidas da Santa Casa de Cuiabá

Os pagamentos também contaram com a colaboração da Assembleia Legislativa, que abriu mão de R$ 3,5 milhões do duodécimo para socorrer a unidade.

25 de Junho de 2019 as 07h12

CPF na Nota

Consumidor pode pedir inclusão em quase todas as compras

Exceção é somente quando for feita num empreendedor individual

25 de Junho de 2019 as 07h04

Obras

Sinfra retoma 79 obras de rodovias e pontes e beneficia 1,6 milhão de pessoas no interior

São cerca de 70 localidades com serviços de pavimentação e revitalização de estradas, além da construção de pontes nas principais regiões de Mato Grosso

25 de Junho de 2019 as 06h31

Acidente

Motorista desvia de animal na pista, capota e atinge veículo

Ninguém ficou ferido.

22 de Junho de 2019 as 17h04

Afogamento

Canoa vira durante pescaria, homem não consegue nadar até a margem e morre afogado em MT

De acordo com a Polícia Civil a vítima foi identificada como Ezau Pedroso da Silva, de 37 anos.

22 de Junho de 2019 as 16h51

Incidente Fatal

Criança é picada por cobra e morre em acidente de carro a caminho do hospital em MT

O pai dela dirigia um veículo e sofreu o acidente enquanto tentava socorrer a filha. Pai foi internado no hospital municipal e a mãe da menina entrou em estado de choque.

22 de Junho de 2019 as 16h42

Acidente

Carreta cai em rio no Nortão ao tentar passar por ponte de madeira

O motorista, que não teve a identidade divulgada, não teria ficado ferido.

22 de Junho de 2019 as 02h29

Dados

MT tem maior percentual de analfabetos do Centro-Oeste; taxa estadual é maior que a nacional

Índice de analfabetismo no estado é de 7,5%. Em todo país, a taxa de analfabetos é 6,8%.

22 de Junho de 2019 as 02h17

Garimpo Ilegal

Alvo de investigação da PF, extração de ouro em garimpo ilegal continua após 7 meses em Aripuanã (MT)

Imagens divulgadas pela polícia mostram que a área está repleta de barracos improvisados, tendas, sacos com terra e maquinários pesados para escavação.

22 de Junho de 2019 as 02h08

Pesquisa

MT tem 188 mil analfabetos e a maioria é mulher e negro, diz IBGE

Números fazem referência ao grupo de pessoas com 15 anos ou mais sem alfabetização no ano passado. Dados fazem parte da PNAD Contínua, divulgada pelo IBGE.

22 de Junho de 2019 as 02h01

Resgate

Piloto de motocross é resgatado de helicóptero após acidente em região de morros em Cuiabá

Ao fazer o chamado, o grupo de pilotos contou que faziam o trajeto entre os morros na região do Coxipó do Ouro, quando um deles de acidentou.

22 de Junho de 2019 as 01h55

Obras Suspensas

Obras na BR-163 são suspensas durante feriado de Corpus Christi

Serviços da Rota do Oeste foram interrompidos a partir desta quinta-feira (20)

21 de Junho de 2019 as 00h38

Tragédia

Garimpeiro morre soterrado após terra ceder em buraco de garimpo ilegal em MT

Ele e um colega estavam no garimpo há 40 dias e trabalhavam em um buraco de 8 metros de profundidade.

21 de Junho de 2019 as 00h21

Mortes Confirmadas

Exames de laboratório confirmam duas mortes por H1N1 em MT

Dos pacientes que morreram com a doença, um era morador de Rondonópolis e, o outro, de Pedra Preta. O Ministério da Saúde deve encaminhar um técnico para avaliar a situação do município.

21 de Junho de 2019 as 00h12

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Enquete

Você é a favor ou contra a greve na Educação em Mato Grosso?

A favor

Contra

Tanto faz

Parcial
veja +

COTAÇÃO