Greve

Justiça determina que estado corte ponto de servidores que estão em greve em MT

Desde o dia 27 de maio deste ano, parte dos servidores de carreira da Educação estadual aderiu ao movimento grevista.

Fonte:Fonte: G1
12 de Junho de 2019 as 07h 04min

Palácio Paiaguás, sede do governo de Mato Grosso — Foto: Assessoria

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJ-MT) confirmou o entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF) no sentido de que o estado é obrigado a cortar o ponto de servidores que se ausentarem do seu expediente em razão de greve.

A decisão foi proferida pela Seção de Direito Público e Coletivo, ocasião em que foi negado um pedido feito pelo Sindicato dos Profissionais da Área Instrumental do Governo (Sinpaig). No pedido, o sindicato queria proibir o estado de cortar o ponto de três dias nos quais a categoria realizou greve, no ano de 2017.

Desde o dia 27 de maio deste ano, parte dos servidores de carreira da Educação estadual aderiu ao movimento grevista. Por conta da decisão dada pelo STF no Recurso Extraordinário (RE) 693456, o estado se diz obrigado a cortar o ponto dos servidores que decidiram não trabalhar.

Na decisão do TJ que confirmou a obrigatoriedade do corte de ponto, a desembargadora Antônia Siqueira Rodrigues, relatora do caso, observou que a greve é um direito dos servidores, mas não é um direito absoluto.

Segundo a magistrada, a decisão do STF no Recurso Extraordinário (RE) 693456 estabelece para todo o território nacional que “o Poder Público deve proceder os descontos dos dias de paralisação”, com a exceção nos casos de conduta ilícita do Poder Público “ou por motivos excepcionais que justifiquem o afastamento da premissa da suspensão da relação funcional ou de trabalho”.

Para Antônia Rodrigues, como ficou evidenciado que a mobilização dos servidores não decorre da omissão da administração do estado, “não se mostra indevida a cobrança dos dias em que não houve prestação do serviço”.

O voto da desembargadora Antônia Rodrigues foi acompanhado de forma unânime por todos os demais magistrados da seção.

A greve na educação
A greve anunciada pelos professores da rede estadual pede melhorias na carreira e estrutura da educação; o pagamento da Revisão Geral Anual (RGA) aos servidores; o cumprimento da lei que prevê o dobro do poder de compra para a categoria da educação até 2023; e ainda o fim do escalonamento salarial.

Boa parte das reivindicações feitas pelos profissionais foi atendida, a exemplo do pagamento de 1/3 de férias aos professores contratados, que até então nunca havia sido pago pelo Estado, e do atendimento do requerimento no que tange à liberação de licença-prêmio e licença-qualificação que demande substituição

O Estado ainda concordou em analisar o número de alunos para, depois disso, verificar a possibilidade de nomeação do cadastro de reserva. Outra demanda atendida foi o compromisso de reorganizar as contas da Educação, para que se possa retomar os investimentos em infraestrutura, focando nas escolas que se encontram em piores condições.

Porém, um dos maiores impeditivos para que o governo de Mato Grosso conceda reajuste salarial aos professores estaduais, além da grave crise financeira, é o que dispõe a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

A LRF é uma lei federal que estabelece parâmetros para os gastos dos Estados e municípios brasileiros.

Entre esses gastos estão as despesas de pessoal, que podem consumir o máximo de 49% da Receita Corrente Líquida (RCL), ou seja, o Estado não pode gastar com folha de pagamento de seus servidores mais de 49% daquilo que arrecada.

Atualmente o estado já está com o limite da LRF extrapolado, pois gasta 58,55% de suas receitas com o pagamento dos servidores.

Se concedesse o aumento de mais 7,69% aos salários de milhares de professores estaduais, o limite seria estourado de forma irreversível, uma vez que resultaria em gasto adicional na ordem de R$ 200 milhões neste ano.

Por tabela, com o estouro da LRF, o estado também descumpriria a Emenda Constitucional do Teto dos Gastos Públicos, trazendo graves consequências para toda a sociedade.

Entre as sanções, Mato Grosso ficaria proibido de criar ou expandir programas e linhas de financiamento, renegociação e refinanciamento de dívidas e estaria obrigado a devolver R$ 400 milhões ao governo federal.

Nessa hipótese, o montante deixaria de ser aplicado nos setores mais sensíveis e urgentes para a população mato-grossense, como Saúde, Segurança, Infraestrutura e Educação, para ser injetado nos cofres da União.

Além disso, os gestores (governador e secretários) poderiam ser responsabilizados civil e criminalmente pelo descumprimento da lei.

Vale lembrar que apesar de a Lei Complementar 510/2013 prever os reajuste anuais para os servidores da Educação Básica em Mato Grosso, a LRF é uma lei federal que possui hierarquia sobre as estaduais. Em resumo: no caso de conflito entre as legislações, é a LRF que prevalece.


COMENTARIOS

Mais de Estado

Estrupo

Mulher acusa homem de estupro em casa no Recanto dos Macucos em Lucas do Rio Verde

Uma mulher compareceu no Batalhão da PM por volta das 20h30 da noite de ontem (16), relatando que teria saído para beber com sua irmã e sua filha de três anos, em uma residência localizada no Recanto dos Macucos, onde haviam três homens

17 de Fevereiro de 2020 as 15h07

Assassinato

Duas pessoas são assassinadas no fim de semana em Primavera do Leste (MT); uma delas apresentava sinais de tortura

Um dos crimes foi a poucos metros da sede do Comando Regional da Polícia Militar.

17 de Fevereiro de 2020 as 15h01

Incêndio

Criminosos invadem prédio da OAB em Cuiabá, jogam gasolina e tentam queimar processos

Os processos são do Tribunal que investiga conduta de advogados. Ninguém ficou ferido e nenhum suspeito foi preso até esta segunda-feira (17).

17 de Fevereiro de 2020 as 14h56

Assassinato

Produtor rural é assassinado a tiros por motociclista na porta de casa na cidade em MT

A Polícia Civil de Carlinda investiga o caso. Até esta segunda-feira (17) nenhuma pessoa havia sido presa ou identificada.

17 de Fevereiro de 2020 as 14h53

Acidente

Policiais sofrem acidente a caminho de ocorrência e ficam feridos em MT

Acidente ocorreu quando os policiais estavam atendendo uma ocorrência de assalto em andamento em um mercado.

17 de Fevereiro de 2020 as 14h49

Novas Placas

Detran contrata empresa para evitar taxas abusivas a motoristas que precisem comprar placas do Mercosul em MT

A previsão é de que até o final desta segunda-feira (17), 35 empresas estampadoras, situadas em diversos municípios do estado, já estejam credenciadas junto ao Detran para a prestação do serviço.

17 de Fevereiro de 2020 as 14h32

ROUBO

Ladrão morre baleado por policiais ao roubar carro de servidor com arma de brinquedo em Cuiabá

Dois assaltantes, em uma motocicleta, renderam um servidor público no bairro Duque de Caxias. Na fuga, o ladrão jogou o automóvel contra os policiais, que reagiram e atiraram.

17 de Fevereiro de 2020 as 11h24

Vaquinha

Família faz 'vaquinha' para tratamento de jovem vítima de acidente em rodovia de MT

Yara Pacheco, de 27 anos, está internada desde novembro e já passou por cinco cirurgias.

14 de Fevereiro de 2020 as 13h22

Consultas Gratuitas

Psicólogos atendem pacientes de graça em plantão neste domingo no Parque Mãe Bonifácia em Cuiabá

Uma vez por mês um grupo de profissionais oferece sessões no Parque Mãe Bonifácia. Neste mês, os atendimentos acontecem neste domingo (16).

14 de Fevereiro de 2020 as 13h17

Disparos

Delegacia é alvo de ataque e disparos atingem porta de vidro em Nova Mutum (MT)

Nenhuma pessoa ficou ferida e ninguém foi preso.

14 de Fevereiro de 2020 as 13h14

Drogas

Traficante é preso pela 2ª vez ao ser flagrado com 121 tabletes de cocaína em MT

Ação ocorreu por volta das 23h desta quinta-feira (13) durante operação que investigava uma organização criminosa encarregada do transporte de entorpecentes da Bolívia para o Brasil

14 de Fevereiro de 2020 as 13h11

Prisão

Suspeitos de atirar em carro de agente penitenciaria em tentativa de roubo são presos em MT

No dia do crime, segundo a vítima, os suspeitos estavam encapuzados escondidos atrás do muro da casa dela.

14 de Fevereiro de 2020 as 13h07

Furto

Ladrões invadem estação de ônibus pela 3ª vez e furtam televisores em Cuiabá

Por conta do furto, parte da estação ficou fechada no começo da manhã e os moradores tiveram que se adequar.

14 de Fevereiro de 2020 as 10h31

A

Médico é levado para a delegacia após ser flagrado agredindo a mãe de 87 anos em hospital de Cuiabá

O suspeito, de 52 anos, foi ouvido pelo delegado plantonista e responderá pelos crimes de dano e injúria, em conformidade com a Lei de Violência Doméstica.

14 de Fevereiro de 2020 as 10h26

Explosão

Caminhão-tanque explode durante manutenção e duas pessoas morrem em MT

Com o impacto da explosão, uma das vítimas foi arremessada e jogada para o teto do galpão.

14 de Fevereiro de 2020 as 10h23

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

veja +

COTAÇÃO