Estado

Período de proibição das queimadas é prorrogado por mais um mês em MT

Decisão foi tomada durante reunião nesta sexta-feira em Cuiabá. Durante período proibitivo, MT registrou mais de 14 mil focos de calor.

Iara Vilela | 14 de Setembro de 2012 as 15h 56min
MT Agora - G1

Foi prorrogado nesta sexta-feira (14) o período de proibição das queimadas em Mato Grosso. A decisão foi tomada pela Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema) por conta do alto índice de focos de calor registrados no estado.

O período proibitivo começou no dia 15 de julho e deveria terminar neste sábado (15), porém, como o prazo foi estendido, as queimadas estão proibidas em todo o estado até o dia 15 de outubro, conforme a Sema. A restrição tem como objetivo diminuir os riscos provocados pelo fogo nesta época do ano, que é de tempo seco, além da baixa umidade do ar.

Representantes da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema), Comitê Gestão do Fogo, Bombeiros e Defesa Civil estiveram reunidos na tarde desta sexta para discutir as direções no combate aos focos de incêndio que já atingiram o Parque Nacional de Chapada dos Guimarães, Pantanal, áreas indígenas.

Aumento de focos de calor
A proibição das queimadas começou no dia 15 de julho e até esta sexta-feira (14) o estado registrou um total de 14.832 focos de calor, conforme os dados registrados pelo satélite AQUA, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Já no mesmo período do ano passado, 5.871 focos tinham sido notificados.

Ainda de acordo com as informações repassadas pela Sema, Feliz Natal, Paranatinga, Colniza, Ribeirão Cascalheira e São Félix do Araguaia são os cinco municípios onde mais focos de calor foram registrados desde o início do período proibitivo.

COMENTARIOS

Disk Bem

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

TEMPO AGORA

Hoje, Segunda Feira

Lucas do Rio Verde, MT

Tempo nublado

24º

COTAÇÃO