Policias do MT retomam mobilização em Mato Grosso por salários

Exército nas ruas, cidadãos tensos e mortes. Até aqui, 93 mortes. A greve da Polícia Militar na Bahia assombra o Brasil.

08/02/2012 - 10:38:27

   

 

Exército nas ruas, cidadãos tensos e mortes. Até aqui, 93 mortes. A greve da Polícia Militar na Bahia assombra o Brasil. E causa efeito. Em Mato Grosso, policiais civis e militares – que haviam recuado de um movimento iniciado no começo do ano – já retomaram o processo de mobilização. A situação foi confirmada nesta terça-feira, 7, pelo deputado federal  Juliano Rabelo (PSB-MT), um cabo da Polícia Militar, que está exercendo o mandato em substituição ao deputado Valtenir Pereira.

 “Em Mato Grosso, policiais vão fazer mobilização por melhores salários, devido desvalorização da categoria e falta de efetivo” – disse  o militar-parlamentar, ao comentar o assunto na Câmara dos Deputados. Ele informou que no próximo dia 9, policiais de São Paulo e Rio têm reunião e podem decretar greve. O deputado diz que pessoas da categoria policial do Brasil inteiro têm ligado para ele e informado mobilização. 

A situação é de grave tensão. A paralisação na Bahia, segundo as autoridades, provocou um ressurgimento de assassinatos e assaltos, tendo-se registado um aumento da criminalidade de mais de 150 por cento, em relação a semanas anteriores. Em cinco dias, houve 93 assassinatos naquele estado, principalmente na capital, Salvador, e nas áreas vizinhas, de acordo com um relatório divulgado este domingo. Esse quadro se desenha em Mato Grosso.

Aliás, quadro que  pode ser até pior, já que, por no Estado, a segurança pública é ainda mais questionada diante da violência assustadora – baseada em ataques a caixas eletrônicos, assaltos a bancos, roubo de veículos, entre outros, movidos, em grande parte, pelo tráfico de drogas.

No dia 22 de janeiro, 24 Horas News publicou, com exclusividade, os movimentos dos militares. Com base numa carta deixada pelo soldado-PM Alex Oliveira, morto aos 31 anos de idade por um bandido, levou ao acesso a um documento sigiloso que vinha sendo preparado pela classe – juntamente com os policiais civis. “Os baixos salários pagos aos policiais, civis e militares podem ganhar contornos de uma futura paralisação, tanto por melhores salários, como pela contratação e mais homens. Em silêncio, já existe uma grande movimentação em Cuiabá, Várzea Grande e em algumas cidades do interior” – informou na ocasião.

Um graduado da PM fez questão de destacar, que  as três principais exigências - por enquanto a palavra é negociação -, que os militares iriam  lutar. São eles:  um salário digno; o aumento do efetivo e uma substancial melhora nas condições de trabalho. Os policiais em Mato Grosso se queixam da falta de armas pesadas e fardamento adequado. Querem ainda coletes a prova de balas modernos, viaturas adequadas: velozes, resistentes e equipadas, alimentação balanceada e, principalmente uma boa retaguarda: orientação de especialistas em combates a bandidos, perigosos ou não.

O documento que 24 Horas News teve acesso trazia à tona situações preocupantes. Números que ajudam a explicar a violência que permeia o Estado. Como o baixo número de efetivos, calculado em 7 mil homens. “Mais de quatro mil estão fora de suas atividades fins. Só restam três mil” – diz o documento. Como a PM trabalha em regime de 24 horas de plantão por 72 horas de folga, só restam 1.000 homens para trabalhar por dia em todo o Estado.

Hoje Mato Grosso precisaria, segundo o documento,  ter, no mínimo 20 mil policiais militares e oito mil civis. O efetivo de hoje ainda é o planejado para a segurança pública da década de 80.

O documento é longo. Fala sobre o fortalecimento da instituição policial militar. Diz que, apesar das deficiências  e carências, principalmente de pessoal, a força e a luta contra o crime organizado continuam em alta. Tanto é verdade, que as penitenciárias e as cadeias públicas estão sempre superlotadas de bandidos.

De acordo com o cabo-parlamentar, a categoria da segurança de todo o Brasil pressiona por aprovação da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 300, que define piso nacional de policiais militares, civis e bombeiros. Eles cobram promessa da campanha da presidente Dilma Rousseff. Senadores da subcomissão de Segurança Pública se negaram nesta terça-feira a enviar comissão de parlamentares na Bahia para negociar salário e apaziguar ânimos no Estado.

Na Câmara, o deputado federal delegado Protógenes Queiroz (PCdoB-SP) protocolou na Comissão de Segurança Pública da Câmara dos Deputados, o envio de grupo de parlamentares à Bahia para negociar greve e alternativas para a situação de verdadeira guerra civil que se instalou no Estado há uma semana.

 

Com informações do 24 Horas News

Mais Noticias

Levantamento

BR-163: Trecho sob concessão registra queda de 30% nas mortes de motociclistas

Acidente

Homem é atingido por raio enquanto pilotava moto na chuva e morre em fazenda em MT

Balanço Epidemiológico

Mato Grosso tem 42 casos suspeitos de influenza e 8 mortes, diz secretaria

Saúde

Oferta de leitos de UTI em Mato Grosso cresce 73% entre 2015 e 2017

11/04/2018 -

Prefeito de Querência (MT) atropela anta e carro sai da pista na BR-070

Fernando Gorgen (PSB) e outros dois passageiros seguiam pela BR-070 no momento do acidente. Segundo a assessoria, ninguém ficou ferido.

11/04/2018 -

Duas carretas se envolvem em colisão na BR-163 em Sinop

Nos dois casos as causas e responsabilidades do acidente serão apuradas.

11/04/2018 -

Sinfra debate pavimentação de rota que vai reduzir em 370 km escoamento da safra

Com a pavimentação da rodovia, o escoamento da produção poderá ser feito de forma direta pela MT-140, economizando assim uma rota de 370 quilômetros de distância.

11/04/2018 -

Idoso morre afogado após escorregar em barranco e cair em rio em MT, diz polícia

Salvador Leandro Duarte, de 68 anos, estava embriagado quando se escorregou e caiu no Rio Araguaia em Araguaiana.

09/04/2018 -

Homem morre após cair dentro de bueiro sem tampa em Sinop (MT)

Suspeita é de que Celeste Lemes tenha morrido afogado depois de cair em bueiro. No entanto, perícia ainda deve apontar causas da morte.

09/04/2018 -

Após denúncia, fiscalização aponta irregularidades e interdita balanças de aeroporto de MT

Três das 20 balanças do Aeroporto Marechal Rondon apresentaram falhas. Uma delas apontou erro de pesagem de 2kg acima do permitido, em desfavor do consumidor.

09/04/2018 -

Motociclista é atingido por ônibus ao seguir na contramão e morre em Rondonópolis (MT)

Motociclista estava com uma mulher na garupa e invadiu a contramão na rua. Moradores dizem que é comum esse tipo de infração nessa região.

09/04/2018 -

Mais de 200 motoristas são flagrados furando pedágio em rodovia de MT

Em 2017, quase 2 mil motoristas furaram o pedágio na MT-130. Concessionária diz que em 6 anos deixou de lucrar mais de R$ 500 mil com as evasões.

09/04/2018 -

Mercearia onde assaltante foi morto durante tentativa de roubo em Cuiabá é incendiada

Na semana passada, dono de mercearia reagiu a um assalto e atirou em jovem de 28 anos, que morreu. Segundo a polícia, a suspeita é de que o incêndio tenha sido motivado por vingança.

09/04/2018 -

Vândalos derrubam dois radares eletrônicos na BR-163 em Sinop (MT)

Desde o início do ano, mais de 6 equipamentos foram depredados no mesmo trecho administrado por concessionária.

09/04/2018 -

Enfrentamento da hanseníase em Mato Grosso é prioridade de governo

Com a intensificação de busca ativa e de mutirões de diagnóstico, o governo do Estado e os municípios detectaram 3.426 casos novos da doença em 2017

05/04/2018 -

Creche é fechada após forro desabar por infestação de pombos em Cuiabá

Na segunda-feira (2), parte do teto da despensa da creche desabou por não suportar a quantidade de fezes e ninhos no local.

05/04/2018 -

Motorista de carreta estava bêbado e provocou acidente que matou casal e filha de 4 anos em MT, diz laudo

Acidente na BR-163 matou Lucas Buffon, Poliana de Lara e a filha deles. Motorista de carreta mentiu em depoimento dizendo que carro da família havia invadido a pista dele.

05/04/2018 -

Mais dois radares de fiscalização eletrônica na BR-163 são derrubados em Sinop

Os aparelhos, localizados nos quilômetros 823 e 824, nas proximidades do bairro Alto da Glória, foram encontrados danificados, esta manhã.

05/04/2018 -

Samu abre processo seletivo com 90 vagas em Mato Grosso

Vagas são para enfermeiros, técnicos de enfermagem, motorista de ambulância, auxiliar administrativo e assistente administrativo.

Disk Bem

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Tempo Agora