Protesto na Br 163

Políticos apoiam bloqueio, mas produtores temem prejuízo

O bloqueio atinge 80% do escoamento da produção agrícola do Estado de MT

20 de Fevereiro de 2015 as 14h 20min

Os senadores Blairo Maggi (PR) e José Medeiros (PPS) e o deputado Dilmar Dal' Bosco (DEM) se manifestaram favoráveis ao protesto dos caminhoneiros, empresários do setor de transportes e produtores rurais que bloqueiam quatro pontos da BR-163, no Norte de Mato Grosso.

Em contrapartida, a Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja) teme a interferência do protesto no escoamento da safra de soja que está sendo colhida no Estado. 

O protesto bloqueia quatro pontos da BR-163, no Norte de Mato Grosso, desde quarta-feira (18). 

A categoria exige a redução de 17% para 12% da alíquota do ICMS do óleo diesel, bem como a elaboração de uma tabela fixa para a cobrança do frete baseada na Lista de Preços Mínimos de Frete da Secretaria de Fazenda (Sefaz).

Para o senador José Medeiros, o Governo Federal precisa dar atenção à reivindicação de caminhoneiros, já que o movimento ganha força a cada dia. 

“Se o Governo virar as costas para esse movimento, o bloqueio pode ocorrer em outras rodovias de Mato Grosso e, até mesmo, se espalhar por todo o país”, alertou o senador, em Plenário.

Segundo ele, o bloqueio de rodovias compromete o escoamento da produção agrícola, principal atividade econômica do Estado, e isso revela a necessidade de investir mais em outros formas de transporte, como o hidroviário e o ferroviário, por exemplo.

“No Brasil, se o setor rodoviário espirrar, a nossa produção toda fica gripada. Em outros países, se optou por ter uma segurança maior, fazendo o transporte todo via trem, via ferrovia. E nós, em algum momento da história, perdemos o bonde e passamos a depender de um transporte caro em termos de patrimônio e caro também em perdas de vidas”, disse.

Já para o senador Blairo Maggi, as negociações com o Governo foram iniciadas, a fim de ajudar nas questões de financiamento de caminhões e sobre a Lei dos Caminhoneiros, por meio do Projeto de Lei (PL) 4.246/2012.

"Fui procurado pelos organizadores do protesto e já estou conversando com o Governo sobre a prorrogação dos financiamentos de caminhões comprados no ano passado. E, também, sobre a Lei dos Caminhoneiros, já aprovada pelo Congresso Nacional, para que seja sancionada pela presidente, sem veto", disse o republicano. 

Novo estudo

O deputado Dilmar Dal'Bosco propôs a criação de uma equipe de estudo mista para avaliar as perdas na arrecadação com a redução da alíquota de ICMS. 

Além disso, a equipe também vai avaliar táticas para garantir o consumo de diesel no Estado, de forma que não haja grandes perdas para economia. 

"A redução é possível mediante a garantia de consumo. É preciso discutir a redução da alíquota de ICMS sem que haja perdas na arrecadação, pois sabemos que, mesmo proibido, alguns caminhoneiros fazem uso de tanques suplementares, abastecendo em outros estados", disse Dilmar.

A Secretaria de Fazenda (Sefaz), por sua vez, já anunciou a realização de um estudo técnico sobre todo o setor de combustível em Mato Grosso, e não apenas do óleo diesel. 

O objetivo é avaliar a viabilidade e impacto da redução da alíquota nas contas estaduais.

Produtores

Para o presidente da Aprosoja, Ricardo Tomczyk, a manifestação dos caminhoneiros é necessária, mas, segundo ele,, é preciso considerar a importância da não interferência no escoamento da safra de soja.

"É preciso ter o mínimo de ordem, pois somos elos de uma mesma cadeia, que precisa ser sustentável. Precisamos que as propriedades sejam abastecidas com óleo diesel e ter garantido o transporte da soja para os armazéns", disse Tomczyk.

O Estado, segundo ele, está no período de pico de safra e a radicalização neste momento pode atingir outros elos da cadeia. 

“O direito de manifestação é justo, pois sabemos que o setor vive um momento crítico. Mas precisamos colher e transportar a safra e vamos lutar para este direito também ser garantido”, afirmou.

O bloqueio atinge 80% do escoamento da produção agrícola do Estado e acontece no Km 745, na região de Sorriso (420 km ao Norte de Cuiabá), no Km 686 em Lucas do Rio Verde (354 km) e no Km 593 em Nova Mutum (264 km).

Já os caminhoneiros de Sinop (500 km ao Norte) aderiram ao movimento no final da manhã de quinta-feira (19), e trecho KM 854 de Sinop a Santarém (PA) está bloqueado assim como o trecho no KM 854 da rodovia.

Os municípios de Tangará da Serra e Campo Novo dos Parecis, no Noroeste do Estado, estão com o transporte de cargas parado há mais de 10 dias.

Por enquanto, os empresários do transporte realizam o bloqueio das 8h às 11h, sendo retomado das 13h e segue até às 18h. Situação semelhante ocorreu na quarta-feira (18) e quinta-feira (19).


MT Agora - Mídia News

COMENTARIOS

Mais de Estado

Contratos Suspensos

Governo de MT suspende contratos com empresas que receberam por plantões não realizados no Samu e Hemocentro

As empresas também foram multadas nos valores de R$ 321.900,00 e R$ 23.666,47, respectivamente.

18 de Maio de 2019 as 17h03

UTI

Após morte de bebês, secretário anuncia reabertura de leitos de UTI e novos funcionários para Hospital Regional de Sinop

Com as novas medidas, o HR deve operar em sua capacidade máxima, com 86 leitos no total, podendo chegar a média de 350 cirurgias realizadas por mês.

17 de Maio de 2019 as 09h45

Dengue

Governo alerta municípios sobre risco de contaminação de variação grave do vírus da dengue

A orientação é para que os profissionais de saúde dos municípios notifiquem todos os casos suspeitos de dengue, chicungunha e vírus da zika.

17 de Maio de 2019 as 09h42

Investigação

MP instaura inquérito para investigar leis assinadas por ex-governador de MT concedendo isenção fiscal a empresas

Conforme o inquérito, Taques assinou três leis estaduais que deram incentivos fiscais para operações de madeira em tora, feijão e suíno em pé.

16 de Maio de 2019 as 21h27

Depressão e Síndrome do Pânico

Mais de 600 professores de MT se afastaram para tratar depressão e síndrome do pânico em 2018

Mais de 2 mil profissionais se afastaram para tratamento de saúde no ano passado.

16 de Maio de 2019 as 21h25

NFC-E

Sefaz altera regras para cancelamento da nota fiscal do consumidor

As mudanças atendem ao Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) e passam a valer a partir do dia 03 de junho.

16 de Maio de 2019 as 21h13

Uso de Tecnologia

Drones vão intensificar a atuação do Fisco e da segurança pública em Mato Grosso

Dentre os novos pilotos estão servidores da Sefaz, das Polícias Militar, Civil e Judiciária, Corpo de Bombeiros, Politec, Ciopaer, Gefron, Defesa Civil e Marinha.

16 de Maio de 2019 as 21h09

No Palácio

Governador recebe reivindicações de produtores e vai analisar a pauta

Durante a reunião, o governador expôs a situação econômica do Estado e todas as ações que já foram tomadas até o momento para reduzir a máquina pública e buscar o equilíbrio fiscal.

16 de Maio de 2019 as 21h08

Recursos

Mauro Mendes não descarta corte de recursos na Unemat

A Unemat aderiu à greve das universidades federais, que reclamam dos cortes de 30% no orçamento

15 de Maio de 2019 as 10h29

Educação

UFMT, IFMT, Unemat e escolas aderem à mobilização contra bloqueios de recurso da educação

Nesta quarta-feira (15), alunos e professores das instituições devem se reunir na Praça Alencastro, em Cuiabá, em um ato político.

15 de Maio de 2019 as 10h02

Gastos

Governo de MT gasta mais de R$ 3 milhões em passagens aéreas entre janeiro e maio deste ano

Deste total, R$ 18.543,00 foram gastos em janeiro, R$ 1,427.834,00 em fevereiro, R$ 145.536,00 em março, R$ 1.474,456,00 em abril e R$ 5.306,00 entre os dias 1º e 14 de maio.

15 de Maio de 2019 as 09h55

Orçamento

'Não adianta espernear, nem fazer protesto', diz governador de MT sobre cortes no orçamento da educação

Mauro Mendes (DEM) disse concordar com as medidas tomadas pelo governo federal para cortar gastos, entre elas o bloqueio do orçamento do Ministério da Educação (MEC).

15 de Maio de 2019 as 09h53

Escolas de Lata

Prédio é reformado e alunos deixam de estudar em 'escolas de lata'

Alunos deixaram as salas improvisadas dentro de contêineres, sem ar-condicionado, ventilação e energia elétrica.

15 de Maio de 2019 as 09h51

Trabalho Escravo

Trabalhadores alojados em selaria de cavalos em fazenda são resgatados

A ação foi realizada entre o dia 24 de abril e 1º de maio com apoio da Gerência de Operações Especiais (GOE) em Itaúba, município a 599 km de Cuiabá.

14 de Maio de 2019 as 10h25

Falta Recurso

Em MT, a construção de 10 mil unidades habitacionais pode ser paralisada por falta de recurso

Contingenciamento do governo federal reduziu de R$ 100 para R$ 70 milhões os subsídios do Programa Minha Casa Minha Vida.

13 de Maio de 2019 as 21h15

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Enquete

Você acha que Bolsonaro está certo ao contingenciar verbas das Universidades federais?

Sim

Não

Não sei

Parcial
veja +

COTAÇÃO