Serviços Gerais

Reeducandos devem fazer a limpeza da Arena Pantanal em Cuiabá

Presos dos regimes aberto e semiaberto devem começar trabalhos nesta 2ª. Estado e Fundação Nova Chance fecharam parceria para contratação.

10 de Maio de 2016 as 03h 21min

Trinta detentos começaram, nesta segunda-feira (9), a fazer serviços gerais na Arena Pantanal, em Cuiabá. Os presos trabalharão 40 horas por semana, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h, e das 13h às 17h, com uma hora de intervalo para almoço. A remuneração será de um salário mínimo mensal e vale transporte semanal.

O Termo de Responsabilidade e Cautela (TRC) da contratação dos detentos foi assinado na última sexta-feira (6), com a presença de presidente da Fundação Nova Chance, Cíntia Selhorst Barbosa, e o secretário-adjunto de Patrimônio e Serviços da Secretaria de Gestão, Robson Gonçalves.

Nesta primeira semana os presos farão a limpeza das arquibancadas do setor leste da Arena, que abrigará os torcedores do jogo entre os times de Dom Bosco e Atlético Paranaense, pela Copa do Brasil 2016, na quarta-feira (11), às 20h30.

Nos primeiros dois meses, os 30 recuperandos prestarão serviços gerais. Depois, mais 30 deverão ser contratados pela Seges.

Além da oportunidade de emprego, os 60 presos passarão nos próximos meses por cursos de capacitação aos sábados. A qualificação será de eletricista predial, pedreiro, pintor e demais funções que poderão ser realizadas na estrutura da Arena Pantanal.

Atualmente, cerca de 600 presos dos regimes fechado e semiaberto do sistema penitenciário de Mato Grosso prestam serviços em autarquias e secretarias estaduais em Cuiabá e em municípios do interior.

MT Agora - G1 MT

COMENTARIOS

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

COTAÇÃO