Levantamento

TCE faz levantamento sobre licenciamentos ambientais e barragens de mineração

O diagnóstico irá levantar dados sobre licenciamentos ambientais realizados pela Sema, fiscalização, Cadastro Ambiental Rural, Unidades de conservação estaduais, compensação ambiental, recursos hídricos e gestão florestal.

03 de Abril de 2019 as 21h 08min

Foto: Assessoria

Um amplo levantamento das ações governamentais de preservação do meio ambiente em Mato Grosso está avaliando os licenciamentos e monitoramentos das barragens de rejeitos de mineração existentes em todo o Estado. O estudo está sendo produzido pela Secretaria de Controle Externo de Saúde e Meio Ambiente do Tribunal de Contas de Mato Grosso. Na semana passada, foram apresentados os primeiros resultados do trabalho em um Painel de Referência, com a participação de representantes da Secretaria de Estado de Meio Ambiente.
 
O diagnóstico irá levantar dados sobre licenciamentos ambientais realizados pela Sema, fiscalização, Cadastro Ambiental Rural, Unidades de conservação estaduais, compensação ambiental, recursos hídricos e gestão florestal. Na área de mineração, a pedido do Ministério Público de Contas, a Secex fez um primeiro levantamento com base nos dados fornecidos pela Agência Nacional de Mineração (ANM)quanto as 67 barragens de rejeitos de mineração existentes em Mato Grosso, identificando que 36 delas estão inseridas na Política Nacional de Segurança de Barragens (PNSB) e possuem cadastro junto à ANM.
 
Os empreendimentos que contemplam as barragens enquadradas na PNSB devem elaborar e apresentar junto à ANM, semestralmente, um documento de Declaração de Estabilidade da Barragem, para atestar a condição de estabilidade da estrutura das barragens com base em índices de fator de segurança, conforme normas brasileiras da ABNT. Mesmo as barragens em construção ou as desativadas devem estar inseridas no Sistema Integrado de Gestão de Segurança de Barragens de Mineração - SIGBM.
 
Conforme os dados colhidos até agora, das 36 barragens cadastradas na ANM, 21 possuem uma altura de maciço acima de 15 metros, e outras cinco barragens possuem volume de rejeitos armazenados superior a três milhões de metros cúbicos: duas características que determinam a obrigatoriedade de serem cadastradas junto ao SIGBM. As regras estão contidas na Lei 12.334/2010, que estabelece a Política Nacional de Segurança de Barragens. No caso de Mato Grosso, a maioria das barragens com estas características está localizada nos municípios de Poconé e Nossa Senhora do Livramento. Ainda existem oito barragens de alto risco potencial no Estado, como por exemplo a Casa de Pedra, na região de Cuiabá.
 
A coordenadora de Mineração da Sema, Sheila Klener, que esteve presente no Painel da Referência da Secex de Saúde e Meio Ambiente, explicou que as barragens de mineração em Mato Grosso possuem potencial de risco menor que as barragens existentes em Minas Gerais, já que possuem características de bacias de rejeitos a juzante, estão situadas em terrenos de baixa declividade, volume de rejeitos é baixo, o material dos taludes são na maioria de rochas de baixa permeabilidade e os rejeitos são de areia grossa e não deslizam como os rejeitos de lama.
 
Ainda durante a reunião entre auditores da Secex Saúde e Meio Ambiente do TCE, Sema e Ministério Público de Contas, foi discutida a necessidade de um estudo conjunto de impacto ambiental de áreas que possuem grande concentração de barragens de mineração e uma base informatizada de informações precisas e organizadas das licenças ambientais concedidas, contendo também a documentação relacionada aos licenciamentos. Outro ponto discutido é a possibilidade de a Sema determinar nos Termos de Referência para o licenciamento a obrigatoriedade de cadastro junto ao SIGBM.
 
O levantamento é coordenado pela secretária de Controle Externo de Saúde e Meio Ambiente do TCE, Lidiane Anjos Bortoluzi, com a supervisão do auditor Luiz Eduardo da Silva Oliveira e tendo como integrantes os auditores público externo Marlos Siqueira Alves e Felipe Favoreto.


Fonte: Assessoria

COMENTARIOS

Mais de Estado

Dívidas

Governador alega dívidas bilionárias e prorroga estado de calamidade financeira em MT

O primeiro decreto neste sentido foi assinado em janeiro deste ano e possuía validade de seis meses, motivo pelo qual foi prorrogado por mais 120 dias.

18 de Julho de 2019 as 07h34

Energia Elétrica

Dívida da UFMT com energia elétrica é de R$ 5 milhões, segundo reitora

Para que o fornecimento de energia fosse restabelecido após corte, foi paga uma conta no valor de R$ 1,8 milhão. Campus ficaram 8 horas sem energia elétrica.

18 de Julho de 2019 as 07h32

Flagrante

Sucuri de cerca de 6 metros atravessa rodovia e para tráfego na BR-364 em MT

Animal atravessou trecho da rodovia na saída de Cuiabá, com sentido a Rondonópolis. Tráfego foi interditado para travessia do réptil, que mede cerca de 6 metros.

17 de Julho de 2019 as 23h38

Greve

Em greve, servidores da Educação ocupam galeria da ALMT durante sessão

Com palavras de ordem, os servidores cobravam o imediato fim do corte do ponto e a restituição dos valores descontados. Profissionais estão em greve há quase dois meses.

17 de Julho de 2019 as 23h33

Tragédia

Idosa, filha e genro morrem afogados após carro cair em rio em MT; passageira sobrevive ao quebrar vidro de veículo

Família era de Rondônia e voltava de carro do município de Colniza (MT). Motorista perdeu o controle da direção e caiu em rio.

17 de Julho de 2019 as 23h31

Honraria

Presidente do STF visita Mato Grosso na 5ª feira e será condecorado

A honraria tem o objetivo de homenagear pessoas naturais ou jurídicas que tenham prestado relevantes serviços à Justiça mato-grossense ou à cultura jurídica.

15 de Julho de 2019 as 23h58

Acidente

Motocicleta bate em animal silvestre e passageira tem traumatismo craniano em MT

Mulher foi transferida de avião para uma unidade de saúde com recursos em neurologia.

15 de Julho de 2019 as 23h52

Levantamento

MT registra 12 mortes por raiva em animais atacados por morcegos em 11 propriedades neste ano

Esse animais são mamíferos de hábitos noturnos, e alimentam-se do sangue de outros animais. Os morcegos transmitem o vírus da raiva.

15 de Julho de 2019 as 23h49

Aeroporto Marechal Rondon

Volume de importações aumenta e proporciona alta de 28,3% na movimentação de carga em MT

Índice de movimentação registrado no primeiro semestre foi de 33,6 toneladas de produtos.

15 de Julho de 2019 as 23h42

Levantamento

MT tem a 3ª maior taxa de morte de crianças e adolescente por motivos acidentais do Brasil

Com 13,98 mortes a cada 100 mil habitantes, Mato Grosso só fica atrás de Roraima (24,71) e Amapá (26,66). Os dados do levantamento fazem referência aos dados de 2017.

15 de Julho de 2019 as 23h37

Ranking

MT ocupa 5º colocação em geração solar do país, segundo pesquisa de associação nacional

Entre os municípios, Cuiabá ocupa a sétima posição no ranking nacional.

15 de Julho de 2019 as 23h28

Teve Alta Médica

Criança de 1 ano estrangulada pelo pai com abraçadeira tem alta médica em MT

Exame apontou que a menina teve o crânio fraturado e perda de parte da coordenação motora. Ela deu entrada no hospital em estado grave e ficou internada por oito dias.

15 de Julho de 2019 as 23h15

Período Proibitivo De Queimadas

Período Proibitivo de Queimadas começa nessa segunda-feira (15.07)

O Decreto publicado no Diário Oficial proíbe o uso de fogo em áreas rurais para limpeza e manejo entre os dias 15 de julho e 15 de setembro. Em áreas urbanas as queimadas são proibidas o ano todo.

15 de Julho de 2019 as 23h04

Estudo

Pesquisa da Unemat aborda as relações entre animais humanos e não humanos nas cidades

O estudo aborda sobre as relações entre animais e humanos e não humanos.

15 de Julho de 2019 as 22h55

Queimadas

Com recorde em número de focos de calor, período proibitivo em MT começa nesta segunda-feira (15)

Com 5.325 registros de janeiro a junho de 2019, o estado bateu o recorde em número de focos de calor, segundo o Inpe. Período proibitivo segue até o dia 15 de setembro.

15 de Julho de 2019 as 11h18

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Enquete

veja +

COTAÇÃO