Stalking

Lei que criminaliza stalking é sancionada

A nova lei prevê pena de reclusão de seis meses a dois anos, além de multa, para o crime de perseguição

Fonte: Agência Senado
05 de Abril de 2021 as 21h 14min

O presidente da República, Jair Bolsonaro, sancionou a lei que tipifica o crime de perseguição, prática também conhecida como stalking  (Lei 14.132, de 2021). A norma altera o Código Penal (Decreto-Lei 3.914, de 1941) e prevê pena de reclusão de seis meses a dois anos e multa para esse tipo de conduta. O ato foi publicado no Diário Oficial da União de quinta-feira (1º).

O crime de stalking é definido como perseguição reiterada, por qualquer meio, como a internet (cyberstalking), que ameaça a integridade física e psicológica de alguém, interferindo na liberdade e na privacidade da vítima.

A nova lei é oriunda do PL 1.369/2019, de autoria da senadora Leila Barros (PSB-DF). A matéria foi aprovada em 9 de março como substitutivo da Câmara dos Deputados e teve relatoria do senador Rodrigo Cunha (PSDB-AL).

Leila destaca que o avanço das tecnologias e o uso em massa das redes sociais trouxeram novas formas de crimes. Ela acredita que o aperfeiçoamento do Código Penal era necessário para dar mais segurança às vítimas de um crime que muitas vezes começa on-line e migra para perseguição física.

— É um mal que deve ser combatido antes que a perseguição se transforme em algo ainda pior. Fico muito feliz em poder contribuir com a segurança e o bem estar da sociedade. Com a nova legislação poderemos agora mensurar com precisão os casos que existem no Brasil e que os criminosos não fiquem impunes como estava ocorrendo — afirmou após a sanção.

Antes, a prática era enquadrada apenas como contravenção penal, que previa o crime de perturbação da tranquilidade alheia, punível com prisão de 15 dias a 2 meses e multa. 

De acordo com a nova lei, o crime de perseguição terá pena aumentada em 50% quando for praticado contra criança, adolescente, idoso ou contra mulher por razões de gênero. O acréscimo na punição também é previsto no caso do uso de armas ou da participação de duas ou mais pessoas.

Por ter pena prevista menor que oito anos, porém, o crime não necessariamente provocará prisão em regime fechado. Os infratores podem pegar de seis meses a dois anos de reclusão em regime fechado e multa.

A nova lei também revoga o Artigo 65 da Lei de Contravenções Penais (Decreto-Lei 3.688, de 1941), que previa o crime de perturbação da tranquilidade alheia com prisão de 15 dias a 2 meses e multa. A prática passa a ser enquadrada no crime de perseguição.

Com Agência Brasil e Agência Câmara

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Proposições legislativas


Siga MT Agora no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para entrar em nosso grupo do WhatsApp clicando AQUI e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros

COMENTARIOS

Mais de Judiciário

Prazos Retomados

Pleito da OAB-MT atendido: prazos e tramitação dos processos eletrônicos serão retomados

Mesmo com a retomada dos prazos eletrônicos, os prédios pertencentes ao Poder Judiciário continuam fechados e os planos de retomadas ao trabalho presencial inalterados

09 de Abril de 2021 as 16h55

Suspensão de Inclusões

MP pede suspensão de artigo incluso em decreto de Cuiabá que considera 54 atividades como essenciais

Artigo está elencado em decreto federal e foi usado pelo prefeito para determinar as restrições no município.

31 de Março de 2021 as 19h30

Ampliação das Atividades Essenciais

MP afirma que Município de Sorriso extrapolou competência e requer suspensão de lei

O Município de Sorriso não apenas extrapolou a sua competência, como subestimou todos os esforços do Estado de Mato Grosso para o enfrentamento da pandemia ao mudar a natureza do mapa de risco adotado para a gestão da crise

31 de Março de 2021 as 11h29

Posicionamento na Pandemia

Naco Criminal instaura procedimento para apurar conduta de prefeito de Campo Novo do Parecis

O primeiro diz respeito à infração de medida sanitária preventiva e o segundo tipifica o delito de incitação à prática de crime.

30 de Março de 2021 as 21h07

Descumprimento de Ordem Judicial

Afastamento de prefeito de Campo Novo do Parecis é requerido pelo MPMT

Incorreu em conduta que tipifica o delito de incitação à prática de crime (art. 286); e poderá dar ensejo aos crimes de desobediência (art. 330) e de infração de medida sanitária preventiva

30 de Março de 2021 as 11h53

Fecha Tudo

MPE cita desordem e pede ao TJ que obrigue lockdown em 50 cidades de MT

Esse pedido será analisado pela desembargadora Maria Helena Póvoas

28 de Março de 2021 as 10h04

Fim da Tacin

STF acata recurso da Fiemt e suspende cobrança de taxa em MT

Advogado diz que decisão do Supremo coloca “um ponto final” na exigência da taxa no Estado

17 de Março de 2021 as 08h59

Condenações Anuladas

Fachin anula condenações de Lula na Lava Jato

Ministro considerou vara de Curitiba incompetente para julgar o caso

08 de Março de 2021 as 16h11

Prova da OAB

Prova OAB: avaliação é suspensa devido à pandemia! Entenda

Prova OAB estava marcada para o dia 07 de março. Conforme comunicado da OAB, ainda não há previsão para uma nova data

27 de Fevereiro de 2021 as 11h03

Decisão STJ

Homem investigado por tortura e cárcere privado contra irmãos tem prisão mantida pelo STJ em MT

De acordo com o processo, o homem seria o vice-líder de uma associação criminosa e, com o líder, "sentenciou" que as vítimas seriam punidas com golpes de chicote em todo o corpo, fato que ocorreu e foi gravado em vídeo, o qual chegou ao conhecimento

12 de Janeiro de 2021 as 15h32

Recesso

Recesso no judiciário em Mato Grosso vai até 6 de janeiro

Já no período de 7 a 20 de janeiro ficará suspensa a contagem de todos os prazos processuais, bem como a realização de audiências e de sessões de julgamento e publicações de notas de expediente processuais

26 de Dezembro de 2020 as 07h45

Ação Extinta

Ações que tentavam anular a compra de R$ 2,2 milhões em celulares para promotores de MT são extintas pela Justiça

As ações populares questionavam a compra feita pelo MPE e pediam a suspensão da compra e a condenação da instituição por eventuais prejuízos aos cofres públicos.

16 de Dezembro de 2020 as 19h34

Desvio de Recursos

MP ingressa com ação na Justiça contra 10 empresários e servidores públicos por desvio de recursos em MT

Conforme a ação, proposta pelo promotor de Justiça Roberto Aparecido Turin, a denúncia é derivada das investigações da operação Convescote, deflagrada em 2017.

14 de Dezembro de 2020 as 21h24

Absolvição Anulada

STJ anula absolvição de ex-bicheiro pela morte de empresário em MT

STJ reverte decisão que havia anulado o Tribunal do Júri que condenou o ex-comendador João Arcanjo Ribeiro a 44 anos de prisão, pela morte de Rivelino Brunini.

12 de Dezembro de 2020 as 22h48

Andamento Processual

Advogado diz que ex de menina que matou Isabele em MT contribui com MP e que família dela quer prejudicar processo ao divulgar imagens dele com armas

Defesa de adolescente diz que ele foi arrolado como testemunha de acusação e que está contribuindo com as investigações.

07 de Dezembro de 2020 as 19h02

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

veja +

COTAÇÃO