MP-MT pede afastamento de 11 agentes penitenciários por suspeita de maus-tratos contra presos

Pedido foi feito com base em depoimentos de detentos do CR de Sorriso. Na ação, o MP-MT pede ainda a condenação dos agentes ao pagamento de indenização por danos morais.

03/05/2018 - 14:39:50

   

O Ministério Público Estadual (MPE) pediu o afastamento de 11 agentes penitenciários do Centro de Ressocialização de Sorriso, a 420 km de Cuiabá, após denúncias de maus-tratos contra os presos da unidade.

Na ação civil de responsabilidade por ato de improbidade administrativa com pedido de indenização por dano moral difuso, o MPE diz que a investigação tem como base um relatório apresentado pela Defensoria Pública de Mato Grosso no ano passado.

As agressões contra os detentos teriam ocorrido entre o final de 2016 e início de 2017. Mas a ação, de acordo com o MPE, compreende fatos registrados de dezembro de 2016 a março de 2018.

"Durante o trâmite do presente inquérito civil foram ouvidos diversos presos, sendo que apenas um deles afirmou nunca ter sido vítima, nem ter presenciado nenhum tipo de agressão e isso, provavelmente, por medo de represálias, já que se encontrava preso", diz trecho da ação.

Um dos agentes penitenciários, de acordo com o MPE, é suspeito de assédio sexual contra mulheres que são parentes dos presos, não somente durante o trabalho, e também "utilizava-se do seu cargo e da viatura para paquerar e impressionar mulheres".

"Além do absurdo de fazer com que os reeducandos pensem que as autoridades querem que eles morram, os réus vem impedindo os presos de realizar trabalhos de artesanato", diz.

Em depoimento, os presos relataram a existência de uma cela de isolamento. Segundo o MP-MT, o local existe sem a formalidade ou procedimento previsto em lei. Ficou constatado em inspeção judicial, “que a referida cela tinha condições inadequadas para quem um ser humano fosse mantido”.

Os presos, segundo a ação, eram mantidos no local sem comida ou água, sem banho de sol e sem iluminação por vários dias.

O presidente do Sindicato dos Servidores Penitenciários de Mato Grosso, João Batista Pereira, o objetivo dos presos é desestabilizar o trabalho realizado na unidade. "Eles estão insatisfeitos com a atuação dos servidores. Eles querem ter liberdade para continuar usando celulares e traficando drogas na unidade", afirmou.

A intenção do sindicato é evitar o afastamento dos agentes. "Já tem outros presos que denunciaram que estão sendo agredidos para desestabilizar o trabalho realizado para manter a ordem e a disciplina", afirmou.

Atualmente, o Centro de Ressocialização de Sorriso abriga cerca de 280 presos, embora tenha capacidade seja para 90. São 28 agentes prisionais que se revezam no trabalho da unidade. U um inquérito deve ser instaurado para apurar o caso.

MT Agora - G1

Mais Noticias

Habeas corpus negado

Deputado preso suspeito de liderar esquema de fraude no Detran tem habeas corpus negado pelo TJMT

OAB

Vão abrir mesmo a caixa-preta da OAB?

Recurso Negado

Ex-gestor da Câmara de Lucas tem recurso negado e contas continuam irregulares

17/05/2018 -

Pleno acolhe recurso do MPC e julga irregulares as contas de Confresa de 2014

O colegiado acompanhou o voto do relator aplicação de multa, determinações e ressarcimento ao erário, e aplicar penalidade adicional de 49 UPFs .

17/05/2018 -

Aprovação em cadastro de reserva não assegura direito automático de nomeação

A alegação de que estagiários estariam realizando tarefas que seriam de servidores de lotação permanente não ficou claramente comprovada no processo.

17/05/2018 -

Gestores de Torixoréu são multados por gastos irregulares com combustíveis

Também foram apontadas irregularidades como realização de processo licitatório sem pesquisas de preços e sem a adequação do objeto licitado

17/05/2018 -

Artigo sobre Lei Kandir dá 1º lugar em concurso nacional a servidores do TCE-MT

16/05/2018 -

TCE nega recurso e mantém reprovadas contas de 2014 da Câmara de Lucas do Rio Verde

As contas apresentaram impropriedades, como realização de despesa com publicidade consideradas antieconômicas, que totalizaram R$ 537.700,00, o que, de acordo com o relator,

16/05/2018 -

Gestores de Cáceres são multados por violarem princípio do concurso público

O relator considerou improvável que o prefeito desconhecesse a realização de um processo seletivo que ofereceu quase 100 vagas para profissionais da área de saúde, incluindo médicos, odontólogos, enfermeiros, fisioterapeutas, farmacêuticos e psicólogos

15/05/2018 -

Empresa de lixo, ex-secretário de Obras e engenheiro terão que devolver R$ 2,7 milhões aos cofres de Sorriso

Houve falhas graves na licitação, como abertura de procedimento licitatório sem planilha com detalhamento de custos unitários, fraude de direcionamento do certame à empresa Sanorte, sobrepreço na contratação de bens e serviços, pagamento de despesas refer

15/05/2018 -

MP e juízes põem em xeque urna eletrônica

Eles questionam a falta de uma impressora acoplada em um país com 'altíssimos índices de corrupção'

14/05/2018 -

Auditoria detecta irregularidades e ex-gestores do Previlucas são multados

Parte dos membros do conselho curador do Previlucas foram penalizados em razão da aplicação no Fundo de Investimento em Direitos Creditórios, o FIDC Premium

09/05/2018 -

Paulo Taques ironiza prisão ao ser conduzido ao Gaeco

Paulo Taques é suspeito de participação em esquema para desvias quantias milionárias do Departamento Estadual de Trânsito

09/05/2018 -

Deputados investigados votarão em sigilo prisão de Mauro Savi

De acordo com as investigações, Savi seria o responsável pelas indicações políticas no Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT) durante o governo Silval Barbosa

09/05/2018 -

Quinto mandado de prisão preventiva é cumprido em Brasília

Kobori é sócio de diferentes empresas que receberam recursos desviados do Detran.

09/05/2018 -

Prisões de Savi e Paulo Taques são baseadas em delação de empresário

A primeira fase Operação Bereré, deflagrada em fevereiro, resultou no bloqueio de mais de R$ 27 milhões das contas de 17 pessoas e empresas

08/05/2018 -

MP-MT orienta prefeitura a cancelar show nacional de aniversário por precariedade em setores essenciais

Show com a cantora Naiara Azevedo está previsto para o próximo sábado (12). Na notificação, o órgão dá prazo de 48 horas para rescisão do contrato com a artista.

08/05/2018 -

Ministro "desce" ação contra senador de MT para a 1ª instância

Os fatos atribuídos ao senador licenciado foram supostamente praticados quando ele era prefeito

Disk Bem

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Tempo Agora