Investigação

Advogado diz em depoimento que madrasta suspeita de matar enteada envenenada tentou impedir necropsia em MT

Jaira Gonçalves de Arruda, de 42 anos, está presa suspeita de planejar a morte de Mirella Poliane Chue de Oliveira, de 11 anos. Menina morreu em junho deste ano.

Por: G1
02 de Outubro de 2019 as 07h 15min

Madrasta foi presa suspeita de matar criança de 11 anos envenenada em Cuiabá para ter herança de R$ 800 mil — Foto: Polícia Civil de Mato Grosso/Divulgação

Um advogado que prestou serviços para Jaira Gonçalves de Arruda, de 42 anos, suspeita de matar a enteada dela, por envenenamento, disse à polícia que a mulher teria tentando impedir que corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML).

Segundo ele, no dia em que Mirella Poliane Chue de Oliveira, de 11 anos, morreu, Jaira teria ligado pela ele pedindo orientações sobre ser necessário ou não, encaminhar o corpo para exame e de necropsia. Ela teria argumentado que o médico do hospital onde a menina estava internada não era legista.

Quanto ao questionamento, segundo ele, orientou que o exame era comum nestes casos e um procedimento legal.

Além de prestar auxílio nesse fato específico, ele teria advogado para Jaira em processos que envolvia os bens de Mirella. A madrasta teria tentado negociar um terreno com dinheiro da indenização recebida pela menina, em razão da morte da mãe, durante o parto.

Jaira também teria solicitado ao profissional, em abril deste ano, que impetrasse uma ação requerendo a liberação de parte da indenização que já estava no banco, em nome de Mirella, para custear o tratamento dela.

De acordo com a lei, os valores já indenização só poderiam ser liberados quando a menina fizesse 24 anos ou em caso de extrema urgência. A madrasta alegou que a menina estava doente e que os médicos não estavam conseguindo diagnosticar o problema. Dessa forma, ela usaria o dinheiro para levar a menina a São Paulo.

Posteriormente, ela teria dito ao advogado que o dinheiro havia sido usado para a compra de um terreno que seria registrado em nome de Mirella.

Em alguns trechos do depoimento, o advogado relata o marido de Jaira, pai de Mirella, teria participado de algumas negociações. Ele, inclusive teria levado documentos até o escritório do advogado.

O caso
Mirella morreu no dia 14 de junho, em um hospital particular de Cuiabá, após sucessivas internações. O corpo da vítima foi encaminhado para o IML, onde descobriu-se que ela poderia ter sido morta por envenenamento.

A principal suspeita do crime é Jaira. Segundo a Delegacia Especializada de Defesa da Criança e do Adolescente, ela teria planejado a morte da menina, para ficar com uma indenização que no valor de R$ 800 mil.

O dinheiro seria resultante de uma ação impetrada pela família após a morte da mãe de Mirella, durante o parto, em razão de uma suposta negligência médica.

A investigação apontou que a madrasta dava doses diárias de veneno para a menina durante dois meses.

A substância teria sido ministrada gota a gota, entre abril e junho deste ano, de acordo com a Deddica. A operação que prendeu Jaira recebeu o nome do conto de fadas "Branca de Neve".

Desde então, a vítima era constantemente internada com dor de cabeça, tontura, dor na barriga e vômito. Entretanto, no hospital ela melhorava, ganhava alta, voltava para casa e depois de alguns dias, era internada novamente com os mesmo sintomas.

Ela recebia diagnósticos de infecção, pneumonia e até meningite. Na última vez em que foi parar no hospital, a menina já chegou morta.

Jaira está presa desde o dia 9 de setembro.


Jaira Gonçalves de Arruda, de 42 anos, foi presa no dia 09 de setembro suspeita de matar a enteada por envenenamento — Foto: Polícia Civil de Mato Grosso/Divulgação

COMENTARIOS

Mais de Policia

Operação Fim da Linha

Operação “Fim da Linha” prende quatro suspeitos em Lucas do Rio Verde com defensivos agrícolas

Com os criminosos foram apreendidos ainda dois veículos, sendo que um foi roubado em São Paulo

13 de Dezembro de 2019 as 07h01

Policia

PRF prende atirador com espingarda e pistola na BR 364

Motorista parou o carro no acostamento da rodovia quando foi abordado

09 de Dezembro de 2019 as 14h51

Policia

Quatro pessoas são presas pela PRF com maconha em Diamantino

Também foram encontrados dois papelotes de haxixe, um cachimbo e um triturador.

09 de Dezembro de 2019 as 14h48

Policia

PRF prende motorista com mandado de prisão em aberto na BR 364

Mandado foi expedido pela Primeira Vara Criminal e Cível de Paranatinga/MT

09 de Dezembro de 2019 as 14h42

Policia

Chefe de Delegacia e de NPF são empossados em Primavera do Leste

Angélica Miranda Maciel e José Márcio da Silva Junior foram designados em 06 de novembro para as funções

06 de Dezembro de 2019 as 16h49

Drogas

Polícia Militar prende mulher com drogas e três suspeitos com tornozeleira em festa regada a entorpecentes

Uma jovem de 22 anos confirmou que era a dona da bolsa

05 de Dezembro de 2019 as 08h58

Posse ilegal

Jovem é preso por posse ilegal de arma de fogo e munição

O suspeito foi detido por posse ilegal de arma de fogo e de munição e encaminhado junto com o material apreendido à delegacia de polícia.

04 de Dezembro de 2019 as 09h31

Agressão

Marido é detido por agressão e ameaça no Bairro Jaime Seiti Fujji

A mulher contou aos policiais que constantemente sofre agressões físicas e ameaças de seu marido.

04 de Dezembro de 2019 as 09h30

Acidente

Criança é atropelada por motociclista na Avenida Goiás

A criança de 11 anos, se queixava de dores no abdômen e tinha uma escoriação no joelho direito.

29 de Novembro de 2019 as 17h33

Briga

Casal é detido por briga em estabelecimento comercial em Lucas do Rio Verde

Foi dada voz de prisão a mulher depois que ela resistiu e xingou um policial.

29 de Novembro de 2019 as 17h32

Tentativa de Roubo

Menor de 15 anos é apreendido por suspeita em participação de tentativa de homicídio ocorrido no Bairro Téssele Júnior

Ele foi apreendido no mesmo bairro onde aconteceu a tentativa de assassinato

29 de Novembro de 2019 as 17h30

Tentativa de Homicídio

Jovem é vítima de tentativa de homicídio em Lucas do Rio Verde

O jovem apresentava ferimentos no pescoço e outro na cabeça.

27 de Novembro de 2019 as 06h10

Crime

Jovem é preso após esfaquear a mãe, fazer cova e ameaçar matar a irmã de 7 anos em MT

Ele afirmou que tentou matar a mãe e pretendia enterrar a irmã dele no quintal em Nova Ubiratã. Mãe disse à PM que rapaz é dependente químico e fica agressivo toda vez que fica sem usar drogas.

25 de Novembro de 2019 as 10h17

Manobras Perigosas

Pai é detido por tentar encobrir manobras perigosas de filho que conduzia veículo embriagado

O homem de 42 anos teria se apresentado como condutor do Renault Fluence de cor prata, mas testemunhas disseram que ele estaria ocultando o verdadeiro motorista

25 de Novembro de 2019 as 09h54

Agressão

Mulher é agredida pelo convivente ao chegar em casa do trabalho

Após a agressão o homem ainda a teria a ameaçado e a expulsou de casa, ficando com os dois filhos trancado na residência.

25 de Novembro de 2019 as 09h53

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Enquete

veja +

COTAÇÃO