Assalto nos Correios de Tapurah

Ação das Polícias Civil e Militar impede assalto nos Correios de Tapurah

Dois homens assaltaram a agência do Correios na tarde desta quinta-feira (28). O valor subtraído, mas que foi recuperado, não foi informado.

29 de Maio de 2015 as 19h 53min

Uma ação integrada das Polícias Civil e Militar culminou na autuação em flagrante de dois homens que assaltaram a agência do Correios, na cidade de Tapurah (433 km a Médio-Norte), na tarde de quinta-feira (28.05), e na recuperação do dinheiro subtraído. O valor não foi informado. 
 
Por volta das 17 horas os suspeitos Murilo Silveira Martins, 19 anos, e o menor, iniciais M.H.R.S., 16 anos, armados com um pistola 9 mm e um revólver calibre 38 invadiram agência e renderam funcionários e clientes. Em seguida recolheram dinheiro dos caixas e colocaram nas mochilas que carregavam. 
 
Ainda com o assalto em andamento, as polícias foram acionadas, chegando primeiramente no local o sargento da Polícia Militar J. Lima e depois cinco policiais civis realizando o cerco à agência. Os policiais iniciaram negociação até que os bandidos liberam os reféns e se renderam. 
 
Segundo a Polícia local, diante do cerco, um deles tinha se escondido no forro da agência. Com os dois bandidos foram apreendidos, além das duas armas de fogo, o dinheiro subtraído da agência, e celulares dos clientes. 
 
O delegado Flávio Braga informou que os dois bandidos estavam sem identidade, mas tiveram a qualificação revelada. Segundo Braga, os dois tinham apoio de um veículo Siena preto, que estavam do lado de fora com o terceiro envolvido, que não foi localizado mesmo depois de várias diligências por localidade. 
 
Os dois jovens foram autuados por roubo majorado e porte ilegal de arma de fogo. O menor é de Várzea Grande é já responde por seis procedimentos de atos infracionais cometido. O maior, Murilo, é morador da cidade de Sorriso. 
 
Os dois suspeitos e o procedimentos foram entregues na manhã desta sexta-feira à Superintendência da Polícia Federal, em Cuiabá. "A esfera é de atribuição federal, por isso, encaminhamos o procedimento para continuidade das investigações", destacou o delegado. 
 
Participaram da ação o delegado Flávio Braga, os investigadores Henrique, Francisco, Anacleto e Cleomar, juntamente com o sargento da PM. J.Lima.

MT Agora - Expresso MT

COMENTARIOS

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

COTAÇÃO