Policia

Após agredir sobrinha, mulher é presa e tira a própria vida em cela de delegacia

A mulher tomava medicamento controlado e morava com sobrinha e o marido da sobrinha.

Fatalidade | 09 de Fevereiro de 2018 as 12h 59min
MT Agora - Cenário MT

Adriana Padilha Martins de 35 anos tirou a própria vida na madrugada desta sexta-feira (09) dentro de uma das celas da Delegacia de Polícia Civil de Lucas do Rio Verde após ser detida por agredir uma sobrinha.

De acordo com informações do Boletim de Ocorrência, Adriana tomava medicamento controlado devido a problemas psicológicos e morava com sobrinha e o marido da sobrinha.

Segundo o BO, no fim da tarde de ontem a mulher teve uma crise e agrediu a sobrinha, causando vários ferimentos. Após a agressão ela saiu de casa em uma bicicleta. Quando a marido da sobrinha chegou, viu a esposa com vários hematomas e ferimentos. Ele acionou a Polícia Militar e relatou o caso.

Com as características de Adriana, os policiais conseguiram localizá-la e tentaram encaminhá-la até o posto de saúde para ser medicada, mas muito agressiva, ela negou.

Adriana então foi detida e levada até a Delegacia de Polícia Civil, onde dentro da cela ela utilizou uma camiseta para se enforcou. Quando o policial plantonista percebeu o ato, a mulher já estava sem vida.

O filho de Adriana que mora em Cuiabá foi informado do caso e é aguardado para reconhecimento e determinar onde será o sepultamento.

COMENTARIOS

Disk Bem

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

TEMPO AGORA

Hoje, Segunda Feira

Lucas do Rio Verde, MT

Tempestades

24º

COTAÇÃO