Menores e mulheres vencem o medo e passam a denunciar mais casos de violência

Delegada aponta que pais também passaram a observar melhor o comportamento dos filhos

27/02/2017 - 19:26:43

   

Delegada Ana Paula de Faria Campos, da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, da Criança e do Idoso de Várzea Grande - Foto por: Ascom/PJC-MT

O número de casos registrados de violência envolvendo mulheres e vítimas menores de 18 anos vem aumentando desde 2014 em Mato Grosso. Por sentimento de vergonha ou medo, por muitos anos, boa parte dessa violência não era levada até o conhecimento da polícia. Mas esse cenário está mudando.

Dados da Coordenadoria de Estatística e Análise Criminal da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) apontam que, em 2016, foram registradas 43.804 mil ocorrências envolvendo vítimas femininas de 18 a 59 anos em Mato Grosso. Já em 2015, foram 34.720 mil e em 2014 foram 29.229 mil registros.

Em relação às vítimas menores de 18 anos, em 2016, foram 10.645 mil ocorrências registradas no Estado. Em 2015 foram 8.493 mil casos e 7.451 casos em 2014.

Em todos os anos citados, as ocorrências mais registradas com vítimas femininas e menores de 18 anos foram de ameaça, com 55.016 mil casos registrados na somatória dos anos de 2014, 2015 e 2016, seguido de lesão corporal com 31.107 mil registros, também na soma dos três anos.

No crime de estupro foram 227 registros em 2016, de vítimas femininas de 18 a 59 anos. Na mesma faixa etária foram levados até a polícia 22 casos de estupro de vulnerável e 151 de estupro tentado.

Em relação às vítimas menores de 18 anos, em 2016, foram registrados 174 casos de estupro e 264 tentativas de estupro. O que mais chama atenção são os casos de estupro de vulnerável, que teve 942 registros.

A delegada Ana Paula de Faria Campos, da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, da Criança e do Idoso de Várzea Grande, atribui o número expressivo de registro de estupro de vulnerável às informações de esclarecimento sobre crimes sexuais, que vem alcançando um maior número de crianças e adolescentes.

“Hoje as crianças e adolescentes estão recebendo mais informações nas escolas, por meio de palestras e cartazes, de como se prevenir de crimes sexuais. São informações educativas para que elas possam compreender em quais situações elas podem se encontrar em risco sexual”, disse.

Segundo a delegada, muitas pessoas chegam hoje na delegacia dizendo que percebeu mudança no comportamento do filho ou neto, depois de terem visto um cartaz educativo ou recebido alguma orientação. Com essa informação, identificaram que essas crianças ou adolescentes estavam sofrendo algum tipo de abuso sexual.

“Então, a questão educativa e de orientação, tem ajudado no esclarecimento das pessoas e levado às vítimas a procurar ajuda”, acredita Ana Paula.

Para a delegada, outros fatores também estão contribuindo para que as vítimas femininas e menores de 18 anos estejam procurando ajuda nas redes de proteção.

“Hoje temos um número maior de Delegacias Especializadas de Defesa da Mulher no Estado. Isso também contribui para o aumento do registro desses crimes, uma vez que a demanda que estava reprimida começou a aparecer”, destacou a delegada.

Fora isso, segundo Ana Paula, a confiança da população nos órgãos de Segurança Pública está aumentando.

“As vítimas estão perdendo o medo de procurar a polícia. O conhecimento da Lei Maria da Penha, o esclarecimento de como funcionam as delegacias e toda a rede de proteção para esse tipo de violência, estimulam as vítimas a procurar ajuda e a denunciar seu agressor ”, falou.

A maior parte dos agressores nos casos de violência contra mulheres, crianças e adolescentes são pessoas muito próximas, como parentes e amigos. Por isso, a vítima muitas vezes não tem coragem de ir às delegacias ou procurar ajuda.

A delegada alerta que em casos de violência sexual, a vítima pode comunicar qualquer órgão da rede de proteção, serviço de saúde, delegacia, conselho tutelar (se for menor de idade), para os procedimentos iniciais, que devem ser feitos no máximo em até 72 horas. 

MT Agora - Lidiana Cuiabano | Sesp-MT

Mais Noticias

Corpos Encontrados

Três homens com pés e mãos amarrados são encontrados mortos no Nortão

Assassinato

Homem é assassinado em residência em Lucas do Rio Verde

Certificados Sanitários

PF e MPF deflagram operação contra esquema de corrupção na JBS em MT

Ação Integrada

Equipe Integrada de Polícias realizou Operação com apoio aéreo do Ciopaer em Lucas do Rio Verde

15/06/2018 -

Polícia acha 12 cães trancados em casa com fome, doentes e em situação de maus-tratos em Cuiabá

Mulher alugou casa e deixou o local abandonando os animais. Cães serão examinados, levados para um abrigo e, posteriormente, colocados para adoção.

15/06/2018 -

Estudante de direito que estava desaparecido é encontrado morto em Sinop (MT)

Rodrigo Caiado, de 23 anos, desapareceu na segunda-feira (11) e família fazia campanha nas redes sociais. Corpo de jovem foi encontrado na manhã desta sexta-feira (15).

15/06/2018 -

Motorista sem CNH é preso por transportar cerca de 8 toneladas de madeira sem autorização em MT

Homem de 51 anos foi detido durante abordagem na zona rural de Barra do Garças. Motorista foi autuado e madeira encaminhada para perícia.

15/06/2018 -

Três homens são presos na fronteira de MT com R$ 23 mil que seriam usados para comprar droga na Bolívia

Prisão ocorreu na MT-199, na zona rural de Vila Bela da Santíssima Trindade. Um dos presos afirmou ser dono do dinheiro e confessou que compraria entorpecentes no país vizinho.

15/06/2018 -

Jovem comentou que sabia quem tinha furtado banco em MT e foi morta em ''queima de arquivo'', diz polícia

Mulher e três homens suspeitos de matarem Francielli Maria de Oliveira Arruda, de 23 anos, foram presos nessa quinta-feira (14). Vítima foi assassinada a tiros dentro de casa.

14/06/2018 -

Lucas: Policiais civis e militares trabalham para alinhar ação junto ao Ciopaer

A capacitação começou pela manhã, com noções do funcionamento do Ciopaer, e segue agora a tarde com ações práticas.

14/06/2018 -

Padrasto e mãe são suspeitos de enforcarem menina com fio de ventilador e simularem suicídio em Sorriso

Antes de chamar o socorro, casal chegou ligar para um pastor evangélico para ''expulsar um demônio do corpo da menina''

14/06/2018 -

Namorado suspeito de tentar matar mulher após ler mensagem no celular dela é preso em MT

A vítima, de 37 anos, e o suspeito começaram a se relacionar há três meses. Ela foi levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) com ferimento no abdômen.

14/06/2018 -

Jovem é encontrada morta em sala e ex-marido é preso suspeito do crime em MT

Testemunhas relataram que o ex-marido é muito ciumento. Jovem de 23 anos foi morta com tiros no peito e na cabeça, dentro da casa dela.

14/06/2018 -

MT terá reforço policial em 40 locais com maior concentração de pessoas para ver os jogos da Copa

Em todo o estado foram mapeados 40 pontos, públicos e particulares, de espaços para a transmissão dos jogos. Somente na Polícia Militar, mais de 120 policiais serão colocados por jogo.

14/06/2018 -

Jovem é preso em Sinop após cometer furto vestido com roupas femininas

Ele foi conduzido à delegacia de Polícia Civil que concluirá a investigação.

14/06/2018 -

Jovens são detidos suspeitos de colocarem menino de 8 anos para vender droga em troca de comida em MT

Menino contou que não comia de forma adequada e ganhava biscoitos e outros alimentos dados pelos suspeitos. Irmãos foram detidos e levados para delegacia.

13/06/2018 -

Crimes contra a pessoa se destacam em Lucas do Rio Verde

Os registros policiais chegam a preocupar especialmente quando se trata de subtração de bens.

13/06/2018 -

Assaltante troca tiros com policiais militares após assalto e é baleado na perna em Lucas

Ele foi baleado na noite desta terça-feira (12), durante tentativa de assalto no bairro Rio Verde.

13/06/2018 -

Motociclista bêbado atrapalha trânsito e impede bombeiros de prestar socorro em Lucas

O caso ocorreu ontem (12) na avenida Mato Grosso.

Disk Bem

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Tempo Agora