Policia

PM apresenta produtividade do trimestre

Dados representam a presença efetiva da polícia em todo o Estado.

Ações 2018 | 11 de Abril de 2018 as 15h 10min
MT Agora - Polícia Militar-MT

No primeiro trimestre de 2018, os números da produtividade da Polícia Militar do Estado de Mato Grosso levam a uma análise positiva das ações em comparação com o mesmo período do ano passado. O resultado, reflexo das diversas operações, abordagens e iniciativas de prevenção realizadas em todo o Estado, foram apresentadas em coletiva para a imprensa na manhã desta quarta-feira (11.04).

As apreensões, seja de drogas ou de simulacros, tiveram um salto no primeiro trimestre de 2018, saindo de circulação. Foi apreendida quase uma tonelada de drogas (900,1 kg) este ano, quando no mesmo período de 2017 foram 292,1 quilos. Uma variação média de 208% a mais este ano, ou seja, cerca de 10 kg por dia apreendidos. De simulacros, 114 este ano e 107 no período do ano passado.

Houve também redução dos números de Boletins de Ocorrências, uma média de 8% a menos que em 2017, sendo 21.944 de janeiro a março de 2018 e 23.725 no ano anterior. Ocorrências de entorpecentes, envolvendo tráfico, posse e uso, apontam para 9% a menos, considerando 1.391 este ano e 1.533 em 2017.

“Os resultados são positivos, fruto do trabalho dos policiais e refletem na qualidade de vida desses profissionais, uma vez que apontam o resultado do que fazem. Ou seja, mostram a presença efetiva da polícia na rua”, frisou o coronel Henrique Correia da Silva Santos, subchefe do Estado Maior da Polícia Militar de Mato Grosso.

Vale ressaltar que após as operações há um trabalho permanente no local, com palestras nos bairros, para desconstruir as iniciativas criminosas. “Não é só fazer, sair e pronto. Os locais são monitorados. A ação vai perpetuar enquanto for necessário”, enfatizou o subchefe do Estado.

Diversas ações sociais também são realizadas em todo o Estado pela Polícia Militar como mecanismo de prevenção primária. Entre elas, o Proerd que atua nas escolas, o Escola Segura,  Guarda Mirim (Poconé), projeto da Rotam com crianças e adolescentes, de judô, jiu jitsu, de educação ambiental (Cuiabá e Várzea Grande), Luz do Amanhã (Sinop e Peixoto do Azevedo), entre outros.

“O cidadão pode confiar na polícia, trabalhamos em prol da sociedade de bem”, afirmou o cel Henrique.

Participaram da coletiva e imprensa os comandantes do 1º e do 2º Comando Regional, cel PM Edvan Manuel de Azevedo e cel PM Alessandro Ferreira da Silva, respectivamente; o comandante da Cesp (Comando Especializado Rotam, Bope), cel PM Jorge Luiz, o diretor da Agência Central de Inteligência, ten. cel. Miguel Augusto Alves de Amorim, o superintendente de Planejamento e Operações e Estatísticas, ten. cel PM  Zacarias Conceição Vitalino.

Facções criminosas

Só em março deste ano a Polícia Militar realizou 9 prisões por pichações em muros e 11 por envolvimento em vídeos de espancamentos e que teriam ligações a facções criminosas. Nesse caso, o serviço de inteligência tem atuado incessantemente para coletar as informações com o objetivo de combater essa atuação.

A população pode contribuir denunciando através do disque denúncia 0800 65 3939 e pelo whatsapp (65) 99987-0347, tendo a garantia do anonimato, não precisa se identificar, é sigilo absoluto.

COMENTARIOS

Disk Bem

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

TEMPO AGORA

Hoje, Domingo

Lucas do Rio Verde, MT

Tempo limpo

25º

COTAÇÃO