Faixa Preta

Alunos Judô Bope são consagrados faixas pretas

Luiz Gustavo Silva e os irmãos Natassiia e Gabriel Felsky são os primeiros judocas da academia, consagrados com um dos mais altos graus da modalidade esportiva, ao longo dos 9 anos de criação do projeto Judô Bope.

Fonte: Joelma Pontes | Assessoria
03 de Outubro de 2019 as 14h 20min

Os 9 anos do projeto Social Judô Bope renderam à academia de arte marcial, três novos senseis voluntários. Essa é a primeira vez, em quase uma década de existência do Judô Bope, que alunos são consagrados à faixa preta, ou yodansha, como é conhecido na cultura japonesa, o aluno formado que não tem apenas habilidades técnica, mas uma infinidade de razões para merecer um dos mais altos graus da modalidade esportiva, entre elas a disciplina e a humildade. A troca de faixa aconteceu nesta segunda-feira (30.09).

Luiz Gustavo, 24 anos, acadêmico de Direito, primogênito no Judô Bope, fala com propriedade quando o assunto é a sua troca de faixa. Ele foi um dos primeiros alunos da academia. Viu crescer o projeto, embora já conhecesse outras modalidades das artes marciais. Emocionado, ele contou dos momentos difíceis em que a decisão de seguir com o judô e ainda conciliar os três dias de treinos durante a semana, as aulas na escola e ainda ter que trabalhar.

“Para mim, chegar até aqui já é um passo gigantesco. Eu abdiquei de muitas coisas para me dedicar aos treinos porque sempre fui determinado e sabia onde queria chegar. Hoje, devo essa honra de ser um faixa preta, aos meus senseis, em especial o sensei Adalberto, que sempre me incentivou a não desistir, a minha família e amigos que até hoje torcem muito por mim e torcem comigo. Meus adversários também me fizeram chegar aqui”, observou Luiz.

Segundo o coordenador e um dos idealizadores do projeto, o subtenente do Bope, Adalberto Correa Junior, a consagração de um aluno é uma satisfação muito grande. Para ele, isso representa quase uma década de muito trabalho e reforça que o esporte quando bem aplicado é instrumento de doutrina e educação.

“Não é só entender de técnicas. É preciso socializar, entender de cultura, saber as técnicas e como aplicá-las. Saber evitar lesão, se recuperar e ainda continuar em frente mesmo com dores. Judô é evolução dentro e fora do tatame. E claro, o aluno precisar ter um sensei que possa graduá-lo e reconhecer sua evolução. Atrelado a isso, ainda trabalhamos o aspecto educacional. E, também a formação de bons cidadãos, pois os principais fundamentos são disciplina, coragem, hierarquia e lealdade”, pontou Adalberto.

Irmãos na vida e parceiros no tatame – Natassiia Feslky e Gabriel Felsky, unidos pela maternidade, os irmãos dividem o convívio dentro e fora do tatame. A dupla também foi consagrada com a faixa preta, responsabilidade que prometem levar para o resto de suas vidas, a exemplo dos pais, que também são judocas. No Judô Bope os irmãos Felsky já treinam há 8 anos.

Com lágrimas nos olhos, Natassiia, 19 anos, acadêmica de medicina, conta que a paixão pela modalidade esportiva falou mais alto. Para isso precisou abrir mão de muitos momentos para dedicar-se aos treinos puxados. São pelo menos 350 alunos divididos em três tatames (adolescentes, intermediário e kids), todas as segundas, quartas e sextas-feiras, das 18h30 às 20 horas. As aulas são gratuitas.

“Não tenho palavras para definir isso aqui (troca de faixa). Não é simplesmente uma faixa, não é a cor da faixa que me emociona. É olhar para um dos mais altos graus do judô e olhar para trás e lembrar todos os meus sacrifícios, dedicação, esforço e assiduidade aos treinos para conquistá-la. Quero levar para minha vida, com humildade sempre, a premissa de que todo faixa preta é o faixa branca que nunca desistiu”, observou a judoca, que agora é oficialmente sensei. 

De 2010 para cá, o projeto só cresceu. Já passaram pelos tatames mais de 4 mil alunos. O Judô Bope nasceu sem grandes pretensões, mas ao longo dos anos a busca incessante por treinar com excelência seus judocas, fez de Gabriel Felsky, 16 anos, um medalhista em potencial. O acadêmico de medicina já conquistou mais de 30 medalhas, inclusive em evento internacional, o ‘US-open’, realizado em Miami, nos Estados Unidos. Além disso, o futuro médico deixa de ser aluno para dar aulas, voluntariamente, no Judô Bope. 

“O caminho é longo, mas não é impossível. Amo o que faço e o judô é uma das minhas prioridades na vida. E ser consagrado faixa preta, para mim, é mais que uma honra. É resultado de tantas renúncias que já fiz. A vida é isso, feita de renúncias foco e persistência. É lutar pelo que quer”, Gabriel Felsky.

Exame de faixa – Além dos três alunos que começaram praticamente no mesmo ano que nasceu o projeto Judô Bope, em 5 de outubro de 2010, também foram consagrados mais quatros judocas adultos, voluntários da academia. No total, foram 23 candidatos de Mato Grosso se qualificaram para o certame. A avaliação teórica abordou conhecimentos sobre judô, arbitragem, teve também prova prática das técnicas do judô e kata.


COMENTARIOS

Mais de Política

Mandados Prorrogados

Adiamento das eleições: tese de Silvio Fávero ganha reforço do jurista Ives Gandra!

O jurista foi mais radical: “para mim, devemos prorrogar os mandatos dos atuais prefeitos para 2022 e realizarmos eleições gerais para todos os cargos de uma vez só”

06 de Abril de 2020 as 09h58

Reivindicação

BR-163: Deputado luverdense entrega carta a Luciano Hang

A carta pede para que o presidente Bolsonaro e seus ministros realizem urgentemente NOVA LICITAÇÃO

01 de Março de 2020 as 22h16

Escola Militar

Emenda garante R$ 480 mil para escolas militares; recurso contempla Lucas do Rio Verde

Meio milhão de reais não é nada perto do que realmente queremos destaca o deputado Silvio Fávero

22 de Fevereiro de 2020 as 13h51

Novo Batalhão

Com emenda de deputados, prefeitura inicia primeira fase das obras do novo Batalhão da PM em Lucas do Rio Verde

O município de Lucas do Rio Verde foi contemplado com R$ 2 milhões em emendas parlamentar para a construção do novo batalhão

22 de Fevereiro de 2020 as 13h45

Afastamento

Justiça determina o afastamento de presidente da Câmara de Campos de Júlio (MT)

Rodrigo Lemes de Paula (Pros) foi afastado e está proibido de acessar as dependências do Legislativo e do Executivo. Segundo o MP, há indícios de que ele estava tentando atrapalhar investigação.

20 de Fevereiro de 2020 as 09h07

Energia Elétrica

Fávero quer isenção de ICMS para pacientes do sistema ‘Home Care’

O proprietário do imóvel deverá requer o benefício junto ao sistema de processo eletrônico da Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz).

18 de Fevereiro de 2020 as 11h31

Eleições Suplementares

Candidatos ao Senado em MT podem gastar no máximo R$ 3 milhões cada durante a campanha

A eleição suplementar acontecerá no dia 26 de abril. Vaga foi aberta depois de cassação de Selma Arruda (Podemos).

18 de Fevereiro de 2020 as 07h06

Ameaça

Vereador procura a polícia e diz que está sendo ameaçado de morte após votar pela cassação de colega em Cuiabá

Toninho de Souza conta que na noite desse domingo (16) recebeu um telefonema de um homem teria dito que é “defensor do vereador Abílio”.

18 de Fevereiro de 2020 as 07h04

Limpa Pauta

Deputados devem votar 35 vetos para limpar pauta da Assembleia Legislativa de MT

As sessões ordinárias são realizadas na terça-, quarta e quinta-feira na Assembleia Legislativa de Mato Grosso.

17 de Fevereiro de 2020 as 14h38

Capital do Nortão

Fávero apresenta pacote de indicações que contemplam Sinop

Pedidos foram encaminhados ao Governo do Estado e ao DNIT.

11 de Fevereiro de 2020 as 09h13

Decisão STF

Senadora de MT cassada ingressa com ação contra decisão do STF que determinou posse de 3º colocado

Selma foi cassada pela Justiça Eleitoral por abuso de poder econômico e caixa dois na campanha eleitoral de 2018.

04 de Fevereiro de 2020 as 09h44

Aposentadoria

Deputados de MT votam alteração nas regras da aposentadoria e cota zero durante a semana

O presidente da ALMT também adiantou que os deputados precisam votar em redação final o projeto do aumento da alíquota previdenciária do funcionalismo de 11% para 14%.

04 de Fevereiro de 2020 as 09h43

Saúde

Indicação aponta necessidade de ambulância com UTI para Lucas do Rio Verde

Pedido foi encaminhado ao Governo do Estado, com cópia à Secretaria de Estado de Saúde (SES).

02 de Fevereiro de 2020 as 19h00

Senado

Toffoli manda terceiro colocado assumir vaga no Senado pelo MT até o resultado das novas eleições

Decisão valerá se Senado declarar vacância do cargo da juíza Selma Arruda, cassada no ano passado. Escolha de novo senador está marcada para 26 de abril.

02 de Fevereiro de 2020 as 09h55

Banda Larga

Fávero propõe ‘MT Conectado’ para alcançar localidades socialmente vulneráveis

Intuito, segundo o parlamentar, é desenvolver e fomentar ações que diminuam as desigualdades e dificuldades de acesso às tecnologias de informação e comunicação

30 de Janeiro de 2020 as 10h40

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

veja +

COTAÇÃO