Autarquia do MEC analisa pouco mais de 10% das prestações de contas de merenda escolar, aponta CGU

Orçamento deste ano de programa para alimentação escolar é de R$ 4,15 bilhões. FNDE admite que 'recursos humanos' do órgão são insuficientes para analisar prestações de contas de prefeituras.

27/07/2018 - 23:26:51

   

O presidente Michel Temer com merendeiras no Palácio do Planalto, durante anúncio de recursos para o Programa Nacional de Alimentação Escolar, em fevereiro de 2017 (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Dono de um orçamento anual bilionário, o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), autarquia do Ministério da Educação, analisa anualmente pouco mais de 10% do total das prestações de contas de verbas federais transferidas a prefeituras para aplicação em merenda escolar, aponta relatório da Controladoria-Geral da União (CGU).

De acordo com o relatório, o FNDE recebe por ano cerca de 35 mil prestações de contas, mas tem capacidade para analisar cerca de 4 mil processos no mesmo período, "o que vem gerando significativo acúmulo de processos em cada exercício”.

As prestações de contas de merenda escolar analisadas pelo FNDE se referem aos recursos do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae), voltado para a oferta de merenda na educação básica.

Ao prestar contas do recurso federal recebido para essa ação, os gestores devem enviar informações sobre as aquisições de gêneros alimentícios, fornecedores contratados, valores pagos e quantidade adquirida.

Entre 2003 e 2018, o orçamento total do FNDE passou de R$ 6,3 bilhões para R$ 58,5 bilhões, segundo a assessoria do órgão. Neste ano, o orçamento do Pnae é de R$ 4,15 bilhões.

“Os recursos humanos da autarquia não acompanharam o mesmo crescimento [do orçamento do órgão]”, reconhece o FNDE (leia ao final desta reportagem íntegra de nota divulgada pelo órgão).

No relatório, a CGU sugere um novo modelo para a escolha de quais declarações dos municípios devem ser priorizadas.

A CGU argumenta que o formato atual de análise da prestação de contas é “caro e pouco exitoso” e sugere uma análise a partir da gestão de riscos, levando em conta o preço dos itens comprados pelo município em comparação aos adquiridos por outras cidades do mesmo Estado, por exemplo.

A CGU faz ainda uma relação entre municípios em que identificou índice de preço de alimentos acima do previsto e a taxa de abandono escolar: preços mais caros implicam “ausência de disponibilização da merenda escolar durante todos os dias letivos”.

Como a merenda, em regiões mais pobres, é um atrativo para a permanência das crianças nas escolas, essa situação contribui para o abandono dos estudos, afirma a CGU.

Segundo o FNDE, o relatório da CGU está em “análise e compreensão” e é um “novo horizonte que se abre, mas que exige a necessidade de revisitar processos e procedimentos até então adotados".

Além de merenda escolar, o FNDE analisa gastos com verba federal de despesas com material didático e transporte escolar.

Nota do FNDE

Leia abaixo a íntegra de nota divulgada pelo FNDE sobre o relatório da CGU:

O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação recebeu o relatório da CGU no dia 19 de junho e tem até o dia 19 de julho de 2018 para se manifestar. É importante mencionar que este documento – que ainda está em fase de análise e compreensão - foi construído numa parceria entre as duas instituições ao longo do último ano e aponta soluções para implementação de um novo modelo de análise de Prestação de Contas da autarquia. A proposta apresentada é, sem dúvida, um novo horizonte que se abre, mas que exige a necessidade de revisitar processos e procedimentos até então adotados. A necessidade de se construir uma solução para esta questão se deve ao fato de que o orçamento do FNDE passou de R$ 6,33 bilhões (2003) para R$ 58.5 bilhões (2018) e os recursos humanos da autarquia não acompanharam o mesmo crescimento.

Fonte: G1

Mais Noticias

Fiscalização

Lucas: Vereadores aprovam requerimento solicitando informações sobre medidas tomadas para reduzir os gastos

Eleições 2018

''Abro mão de ser candidato'': pensando em ter um deputado eleito em Lucas do Rio Verde

Eleições 2018

Lucas do Rio Verde terá dois candidatos à Câmara Federal

Eleições 2018

''Lucas do Rio Verde vive momento político ímpar'', avalia sociólogo

10/08/2018 -

Câmara de Sorriso: dois suplentes de vereador serão empossados na próxima sessão

A sessão está marcada para às 9h, no Plenário Aureliano Pereira da Silva.

08/08/2018 -

TRE-MT deve iniciar distribuição das mais de 8 mil urnas aos municípios este mês

Ao todo, o estado possui 1.491 locais de votação que precisam receber os aparelhos até o final de setembro. Antes do transporte, todos os equipamentos são testados e ajustados.

08/08/2018 -

Nova Aliança: vereadores de Sorriso cobram informações sobre paralisação das obras de cemeis

A obra – orçada em mais de dois milhões de reais – começou em julho de 2016 e deveria ter sido entregue em julho de 2017. Nesse período, a construção foi paralisada várias vezes.

08/08/2018 -

Lucas do Rio Verde reúne dez possíveis candidatos à Assembleia Legislativa

Com base eleitoral no município luverdense, pré-candidatos estão com nomes à disposição para concorrerem a uma cadeira.

08/08/2018 -

Recurso para compra de serviços do São Lucas será repassado em três parcelas, diz vereador

A informação é do vereador Airton Callai. Ele representou a Câmara de Vereadores numa reunião administrativa nesta terça-feira (07).

07/08/2018 -

Mano diz que Câmara vai garantir repasse para manutenção do Hospital São Lucas

A unidade de saúde aguarda celebração de convênio para a manutenção de serviços por meio do Sistema Único de Saúde.

07/08/2018 -

Seis projetos são apresentados durante Sessão dessa segunda feira (06)

Além dos projetos, foram votados também duas indicações ao Executivo.

07/08/2018 -

Câmara homenageia Guarda Municipal e garante custeio de curso de formação

Verba de cerca de R$ 100 mil para pagar o curso de formação da Guarda será cedida pelo Legislativo.

07/08/2018 -

Noite de homenagens na Câmara de Lucas do Rio Verde marca retorno aos trabalhos

Moções de Aplausos e Títulos de Cidadão Honorário foram entregues. Legislativo estava em recesso parlamentar desde o último dia 13.

07/08/2018 -

Personalidades e entidades são homenageadas em sessão solene na Câmara de Vereadores de Lucas

Foram entregues 12 títulos de ''Cidadão Honorário de Lucas do Rio Verde'' e 11 Moções de Aplausos.

07/08/2018 -

Vereadores vão destinar R$ 1.5 milhão para o pagamento de serviços médicos do HSL

O valor necessário é R$ 2.5 milhões, o restante, R$ 980 mil, virá da Prefeitura de Lucas do Rio Verde

05/08/2018 -

Taques é confirmado candidato à reeleição com Prado vice e Leitão ao Senado

A convenção dos tucanos prossegue em um hotel na capital onde já passaram aproximadamente mil militantes dos partidos que saudaram os candidatos.

04/08/2018 -

Confirmado: Binotti e Pivetta no mesmo palanque

Conforme adiantado, Binotti, Fávaro e Pivetta dividirão o mesmo palanque na campanha eleitoral deste ano.

03/08/2018 -

Esquema com notas frias para justificar gastos de deputados de MT desviou mais de R$ 500 mil, diz MP

Mandados de busca e apreensão foram expedidos pelo TJMT. Segundo o MP, operação apura crimes de peculato, supressão de documentos e associação criminosa.

02/08/2018 -

Servidores e parlamentares são alvos de nova operação e policiais cumprem mandados na ALMT

Mandados de busca e apreensão foram expedidos pelo TJMT. Segundo o MP, operação apura crimes de peculato, supressão de documentos e associação criminosa.

Disk Bem

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Tempo Agora