Crédito Suplementar

Congresso aprova projeto de crédito suplementar de R$ 248,9 bilhões

A aprovação foi unânime entre os presentes, com 61 votos de senadores e 450, de deputados. A matéria segue para sanção presidencial.

11 de Junho de 2019 as 21h 49min

Deputados e senadores aprovaram nesta terça-feira (11), em sessão do Congresso Nacional, o projeto que concede ao Executivo autorização para quitar, por meio de operações de crédito, despesas correntes de R$ 248,9 bilhões. A aprovação foi unânime entre os presentes, com 61 votos de senadores e 450, de deputados. A matéria segue para sanção presidencial.  

Segundo a equipe econômica do governo, a autorização do Congresso para o crédito extra é fundamental para garantir o pagamento de subsídios e benefícios assistenciais, sem descumprir a chamada regra de ouro, que impede o governo de se endividar para pagar despesas correntes, como salários. A votação foi possível após acordo entre os partidos e o governo federal. Somente nesta terça o texto foi aprovado na Comissão Mista de Orçamento e liberado para votação no plenário do Congresso.

Entre as demandas dos parlamentares estava a derrubada de quatro vetos presidenciais, que trancavam a pauta de votação. Além disso, parlamentares negociaram o retorno de repasses de R$ 1 bilhão para o Programa Minha Casa, Minha Vida; de R$ 330 milhões para bolsas de pesquisa científica; e de R$ 550 milhões para obras da transposição do Rio São Francisco.

Outro ponto reivindicado pelos congressistas, e garantido pelo acordo, segundo a líder do governo no Congresso, deputada Joice Hassalmann (PSL-SP), vai assegurar que as universidades e os institutos federais tenham R$ 1 bilhão liberados e, assim, não correrão risco de ter as atividades básicas suspensas neste ano.

Vetos

Entre os vetos derrubados nesta terça-feira (11) por deputados e senadores está o dispositivo que dispensa a pessoa com HIV/Aids aposentada por invalidez de realizar reavaliação pericial. Atualmente, a Lei de Benefícios da Previdência Social (8.213/91) já permite que o segurado aposentado por invalidez seja convocado para avaliação das condições que motivaram a aposentadoria, concedida judicial ou administrativamente.

Os parlamentares também derrubaram o veto a trechos do projeto de lei de conversão da Medida Provisória 843/18, que isenta do pagamento de IOF e do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) na compra de carros híbridos ou elétricos por parte de taxistas e pessoas com deficiência.

Congressistas derrubaram veto para permitir às fundações de apoio de universidades públicas e de centros de pesquisa gerirem os novos fundos patrimoniais criados pela MP 851/18. Esses fundos poderão ser abastecidos com recursos privados para projetos específicos.

Também foi rejeitado o veto ao Projeto de Lei 1321/19 para evitar que os partidos tenham de devolver ao Tesouro Nacional as doações ou contribuições feitas em anos anteriores por servidores públicos que exerçam função ou cargo público de livre nomeação e exoneração, desde que filiados a partido político.

Deputados e senadores mantiveram o veto em relação a dispositivo do Projeto de Lei 10.431/18, que determinava ao Executivo a adoção de procedimento célere, sigiloso e preferencial para internalizar resoluções do Conselho de Segurança das Nações Unidas com sanções acerca de bens que financiam o terrorismo e pessoas envolvidas nesse tipo de crime. Para o governo, o trecho era contraditório com outro dispositivo da lei.

Reação

Logo após a aprovação da matéria no Congresso, o presidente Jair Bolsonaro parabenizou o Congresso Nacional.


Fonte: Heloisa Cristaldo | Agência Brasil

COMENTARIOS

Mais de Política

Encontro

Prefeito Luiz Binotti participa de audiência com ministro de Infraestrutura

O encontro para tratar sobre ferrovia foi realizado em Água Boa.

17 de Junho de 2019 as 16h08

Governo Bolsonaro

Presidente do BNDES pede demissão

O pedido foi feito hoje (16) em carta enviada ao ministro Paulo Guedes

16 de Junho de 2019 as 16h52

Aliança

Bolsonaro anuncia que Brasil foi aceito como aliado extra-Otan

Para ele, com a aliança o país terá mais assistência no campo militar

16 de Junho de 2019 as 16h49

Ataque De Hackers

Moro não reconhece autenticidade de mensagens de site

O Ministério da da Justiça e Segurança Pública divulgou nota à imprensa sobre o assunto, hoje (15),

15 de Junho de 2019 as 18h31

Atentado Contra Bolsonaro

Bolsonaro diz que vai recorrer da decisão que inocentou Adélio

O juiz Bruno Savino, da 3ª Vara da Justiça Federal em Juiz de Fora, considerou Adélio inimputável por transtorno mental

15 de Junho de 2019 as 18h28

Reforma Da Previdência

Reforma da Previdência: parecer é bem recebido pelo mercado financeiro

Governadores se frustraram com retirada dos Estados

15 de Junho de 2019 as 18h24

Governo Bolsonaro

Presidente do BNDES está com ''cabeça a prêmio'', diz Bolsonaro

O motivo do descontentamento, disse Bolsonaro, foi a nomeação do advogado Marcos Barbosa Pinto para o cargo de diretor de Mercado de Capitais do BNDES.

15 de Junho de 2019 as 18h18

Decreto De Armas

Bolsonaro pede que população cobre senadores sobre decreto de armas

Senado deve votar projeto na próxima terça-feira

15 de Junho de 2019 as 18h09

Aliança Por Brumadinho

Governo federal lança pacote de ações em favor de Brumadinho

Ministro Osmar Terra assinou termo que oficializa parceria

15 de Junho de 2019 as 17h23

Diálogo

Presidente diz que a intenção do governo é o Brasil estar aberto para o mundo

Em café da manhã com jornalistas, presidente falou também sobre Nova Previdência e articulação do governo.

15 de Junho de 2019 as 17h09

Verba Indenizatória

Vereadores de Sinop (MT) aumentam valor da verba indenizatória e amplia critérios para uso do benefício

Projeto diz que a verba é para cobrir todas as despesas do parlamentar dentro do estado.

14 de Junho de 2019 as 11h56

Declaração

''O que ele fez não tem preço'', diz Bolsonaro sobre Moro na Lava Jato

O presidente Jair Bolsonaro elogiou hoje (13) o trabalho do ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, durante sua atuação como juiz da Operação Lava Jato.

13 de Junho de 2019 as 23h25

Governo Bolsonaro

Santos Cruz deixa Secretaria de Governo; general Ramos assume

General é o terceiro ministro a sair do governo Bolsonaro

13 de Junho de 2019 as 23h18

Carteira De Motorista

Governo acaba com obrigatoriedade de simulador para tirar carteira

Contran também diminuiu de 25 para 20 horas número de aulas práticas

13 de Junho de 2019 as 23h10

Vereadores Em Ação

15º Festival da Cultura Mato-grossense terá barraca da Câmara de Vereadores

Os vereadores e servidores estarão comercializando pastel. Toda a renda será revertida ao projeto Construtores do Futuro

13 de Junho de 2019 as 18h56

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Enquete

Você faz uso do sistema Público de Saúde?

Sim

Não – Eu tenho Plano de saúde

Parcial
veja +

COTAÇÃO