Projeto de Lei

‘Lei da recompensa’ vai pagar quem denunciar criminosos

A medida já se aplica em São Paulo, Rio Grande do Sul, Maranhão e Ceará

Fonte: Joelma Pontes | Ascom
20 de Agosto de 2019 as 13h 57min

Foto: Marcos Lopes

Com o objetivo de dar celeridade no desfecho de investigações sobre contrabando, tráfico de drogas, violência infantil, ao idoso, à mulher, pedofilia, exploração sexual, trabalho infantil, trabalho escravo, homicídio, latrocínio entre outros delitos, o deputado estadual Silvio Fávero (PSL) apresentou o Projeto de Lei Nº 735/2019 que permite o pagamento de recompensa, em dinheiro, para quem prestar informações sobre o paradeiro de criminosos ou que auxiliem nas investigações policiais.

Segundo Fávero, os gastos com o pagamento de recompensa será muito inferior aos prejuízos causados por ações criminosas. “Além do que, incentivamos a população de um modo geral não se omitir diante de situações criminosas, que por várias razões, entre elas o medo, prefere se calar. E mais, é uma forma, também de aceleras as investigações, contribuindo com informações predominantes para desfecho de tantos casos”, argumentou o autor da proposta.

Fávero ressalta, que Lei Federal nº 13.608, sancionada no ano passado, autoriza os Estados estabelecerem serviços de recepção de denúncias por telefone e, também, a forma de recompensa pelo oferecimento de informações que sejam úteis para prevenção, à repressão ou a apuração de crimes ou ilícitos administrativos. Vale destacar, que essa proposta já está em vigor São Paulo, Rio Grande do Sul, Maranhão e Ceará.

“Está muito clara (a lei) e visível. É melhor prevenir do que remediar e, acredito que as recompensas, em dinheiro, para denúncias, elevarão os números de casos solucionados em Mato Grosso”, defendeu Fávero ao acrescentar em seu projeto, que as despesas correrão por conta de dotações orçamentárias da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SESP).

Se aprovada a proposta, o Poder Executivo Estadual regulamentará as formas de recompensa, além de definir as condições a serem observadas para efeitos da respectiva concessão, à repressão à investigação de crimes. O projeto ainda assegura, que o informante, se necessário, poderá ser inserido no sistema de proteção às pessoas ameaçadas, testemunhas de crimes, vítimas de violência e depoentes especiais.


COMENTARIOS

Mais de Política

Energia Elétrica

Fávero quer isenção de ICMS para pacientes do sistema ‘Home Care’

O proprietário do imóvel deverá requer o benefício junto ao sistema de processo eletrônico da Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz).

18 de Fevereiro de 2020 as 11h31

Eleições Suplementares

Candidatos ao Senado em MT podem gastar no máximo R$ 3 milhões cada durante a campanha

A eleição suplementar acontecerá no dia 26 de abril. Vaga foi aberta depois de cassação de Selma Arruda (Podemos).

18 de Fevereiro de 2020 as 07h06

Ameaça

Vereador procura a polícia e diz que está sendo ameaçado de morte após votar pela cassação de colega em Cuiabá

Toninho de Souza conta que na noite desse domingo (16) recebeu um telefonema de um homem teria dito que é “defensor do vereador Abílio”.

18 de Fevereiro de 2020 as 07h04

Limpa Pauta

Deputados devem votar 35 vetos para limpar pauta da Assembleia Legislativa de MT

As sessões ordinárias são realizadas na terça-, quarta e quinta-feira na Assembleia Legislativa de Mato Grosso.

17 de Fevereiro de 2020 as 14h38

Capital do Nortão

Fávero apresenta pacote de indicações que contemplam Sinop

Pedidos foram encaminhados ao Governo do Estado e ao DNIT.

11 de Fevereiro de 2020 as 09h13

Decisão STF

Senadora de MT cassada ingressa com ação contra decisão do STF que determinou posse de 3º colocado

Selma foi cassada pela Justiça Eleitoral por abuso de poder econômico e caixa dois na campanha eleitoral de 2018.

04 de Fevereiro de 2020 as 09h44

Aposentadoria

Deputados de MT votam alteração nas regras da aposentadoria e cota zero durante a semana

O presidente da ALMT também adiantou que os deputados precisam votar em redação final o projeto do aumento da alíquota previdenciária do funcionalismo de 11% para 14%.

04 de Fevereiro de 2020 as 09h43

Saúde

Indicação aponta necessidade de ambulância com UTI para Lucas do Rio Verde

Pedido foi encaminhado ao Governo do Estado, com cópia à Secretaria de Estado de Saúde (SES).

02 de Fevereiro de 2020 as 19h00

Senado

Toffoli manda terceiro colocado assumir vaga no Senado pelo MT até o resultado das novas eleições

Decisão valerá se Senado declarar vacância do cargo da juíza Selma Arruda, cassada no ano passado. Escolha de novo senador está marcada para 26 de abril.

02 de Fevereiro de 2020 as 09h55

Banda Larga

Fávero propõe ‘MT Conectado’ para alcançar localidades socialmente vulneráveis

Intuito, segundo o parlamentar, é desenvolver e fomentar ações que diminuam as desigualdades e dificuldades de acesso às tecnologias de informação e comunicação

30 de Janeiro de 2020 as 10h40

Artilheiro

Fávero é o único parlamentar de MT que mais teve leis sancionadas na AL

Em 11 meses de mandato, o parlamentar conseguiu sancionar 11 leis que já estão em vigor em Mato Grosso.

28 de Janeiro de 2020 as 14h30

Eleição Suplementar

Pivetta aposta em apoio de Mauro Mendes na disputa pelo Senado

A eleição já possui uma lista de pré-candidatos com pelo menos 20 postulantes

22 de Janeiro de 2020 as 15h46

Fundo Antidroga

Arrecadação para Fundo Antidrogas dobra em 2019

Ministro Moro promete quintuplicar valor até 2022

14 de Janeiro de 2020 as 19h09

Desenvolvimento Econômico

Paulo Nunes irá assumir a secretaria de Desenvolvimento em Lucas Rio Verde

Formado em Direito e com Pós-Graduação em Gestão Pública. É empresário e comerciante, tendo atuado no ramo de combustível e imobiliário

14 de Janeiro de 2020 as 07h50

Contas Aprovadas

Deputados de MT aprovam contas do ex-governador Pedro Taques referentes ao exercício 2018

Contas haviam sido reprovadas na Comissão de Fiscalização e Orçamento pela relatora do processo, deputada Janaína Riva (MDB).

13 de Janeiro de 2020 as 14h34

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

veja +

COTAÇÃO