Ministro Bruno Araújo encaminha carta de demissão a Temer em meio a racha entre alas do PSDB

Decisão de Araújo ocorre em meio a racha entre alas do PSDB

13/11/2017 - 21:50:01

   

Bruno Araújo (à direita) participou nesta segunda (13), ao lado de Temer, do lançamento do Cartão Reforma (Foto: Marcos Corrêa, PR)

O ministro das Cidades, Bruno Araújo (PSDB), encaminhou nesta segunda-feira (13) ao presidente Michel Temer uma carta pedindo demissão do governo federal (leia ao final deste post a íntegra da carta). O pedido de exoneração se deu em meio ao racha político no PSDB, que está dividido entre uma ala que defende a permência no governo federal e outra que quer desembarcar da gestão peemedebista.

A assessoria do Palácio do Planalto afirmou ao G1 que, até a última atualização desta reportagem, ainda não havia obtido informações sobre o pedido de exoneração do ministro das Cidades.

A cizânia tucana se intensificou durante a tramitação, na Câmara dos Deputados, da segunda denúncia do Ministério Público contra Temer. Na semana passada, com a destituição do senador Tasso Jereissati (CE) do comando interino do PSDB, a briga entre as correntes tucanas ganhou ares de crise.

Na carta de demissão, o titular das Cidades agradeceu ao presidente da República a oportunidade de comandar a pasta responsável, entre outras coisas, pelo programa Minha Casa, Minha Vida e justificou a saída do governo ao fato de, segundo ele, já não haver dentro do PSDB "apoio no tamanho que permita seguir nesta tarefa".

"Agradeço a confiança do meu partido, no qual exerci toda a minha vida pública, e já não há mais nele apoio no tamanho que permita seguir nessa tarefa", escreveu o ministro na carta em que pede para deixar o primeiro escalão.

Na tarde desta segunda, Bruno Araújo chegou a participar de uma cerimônia, no Palácio do Planalto, ao lado do presidente Michel Temer e de outros ministros. No evento, foram entregues os primeiros cartões reforma do programa do Ministério da Cidades que prevê o repasse de dinheiro a beneficiários do Minha Casa, Minha Vida para eles reformarem as moradias.

O movimento de Bruno Araújo abre caminho para a reforma ministerial. A ideia do presidente da República era tirar dois ministros do PSDB, entre os quais Bruno de Araújo.

A ministra de Direitos Humanos, Luislinda Vallois, também pode deixar o primeiro escalão.

Leia abaixo a íntegra da carta de demissão de Bruno Araújo:

MT Agora - G1

Mais Noticias

Fim Da Greve

Lucas: Trabalhadores da educação decidem em assembleia pelo fim da greve

Saúde

Lucas: Vereadores derrubam veto do prefeito e mantêm projeto Dose uma Vida

Segurança Pública

Lucas: Vereadores aprovam a destinação de recursos ao Conselho Comunitário de Segurança

Balanço Fiscal

TCE aprova por unanimidade contas de Governo Taques de 2017

18/06/2018 -

No Paraguai, Temer defende acordos do Mercosul com União Europeia e Aliança do Pacífico

Presidente participou de reunião de cúpula do Mercosul, realizada nesta segunda (18) em Assunção. Ele também falou sobre a crise na Venezuela e a ameaça do crime organizado para os países do continente.

18/06/2018 -

Temer diz que governo vai esperar decisão do STF sobre fretes

Temer acrescentou que o governo vai obedecer à decisão do Supremo. Ele também avaliou que a posição do Conselho de Administrativo Econômico (Cade), contrária ao tabelamento, não irá atrapalhar a solução da questão.

18/06/2018 -

Funcionário da OAS diz que gerente o convocou para reforma no ''sítio do presidente Lula''

Misael de Jesus Oliveira afirmou à Justiça que executou obras do sítio em Atibaia, atribuído ao ex-presidente Lula, com dinheiro da OAS. Ele diz ter atendido a pedidos da ex-primeira dama Marisa Letícia.

18/06/2018 -

PF indicia ex-procurador Marcelo Miller e empresário Joesley Batista por corrupção

O indiciamento aconteceu no âmbito do processo que apura se Joesley Batista, Francisco de Assis e as advogadas tentaram corromper Miller enquanto ele atuava no Ministério Público.

18/06/2018 -

Temer sanciona lei que permite venda direta do óleo do pré-sal

A venda será feita pela estatal Pré-Sal Petróleo S/A (PPSA), que poderá negociar diretamente com outras empresas a parte de óleo devida à União, tendo como base o regime de partilha, vigente desde 2010.

18/06/2018 -

Ministério da Segurança Pública está na pauta do Senado de terça-feira

A nova pasta absorve algumas atribuições antes vinculadas ao Ministério da Justiça.

18/06/2018 -

PGR pede prorrogação de inquéritos sobre Aécio Neves no STF

As investigações são relatadas pelos ministros Ricardo Lewandowski e Gilmar Mendes.

18/06/2018 -

Temer vai a Roraima para verificar ações de acolhimento a venezuelanos

Viagem ocorrerá nesta quinta-feira.

18/06/2018 -

Entenda por que Maia e Eunício viajam ao exterior sempre que Temer sai do país

Temer participa de reunião do Mercosul no Paraguai nesta segunda; Maia vai a Portugal e Eunício à Argentina. Cármen Lúcia assumirá a Presidência enquanto os três estiverem no exterior.

18/06/2018 -

Temer viaja, e Cármen Lúcia assume a Presidência da República pela segunda vez

Presidente do STF fica no exercício da Presidência da República até a noite desta segunda, quando Temer volta de reunião do Mercosul, no Paraguai. Presidentes da Câmara e do Senado também viajaram.

18/06/2018 -

PGR e PF querem ouvir Marcelo Odebrecht e doleiros em inquérito que investiga Temer

Raquel Dodge quer ouvir mais seis pessoas e concorda com prorrogação do inquérito. Decisão de estender a investigação caberá ao ministro Luiz Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato.

18/06/2018 -

Políticos tentam se aproveitar do clima de Copa do Mundo

Estratégia de pegar carona em eventual sucesso da Seleção em campo é tradição que se repete a cada quatro anos no Brasil

18/06/2018 -

MDB, PT e PSDB receberão quase 37% do fundo eleitoral, informa TSE

Fundo destinará R$ 1,7 bilhão aos partidos neste ano; trio terá direito a R$ 632 milhões.

18/06/2018 -

Collor investe em aproximação com Coreia do Norte

O Brasil mantém relações diplomáticas com a Coreia do Norte desde 2001

18/06/2018 -

Câmara de Vereadores de Lucas promove audiência pública para debater LDO 2019

A audiência é a oportunidade de a população conhecer e opinar sobre o planejamento do município. O encontro será nesta terça-feira, a partir das 7h30.

Disk Bem

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Tempo Agora